O programa está um saco, desde já adianto que não vale a pena assistir. Pessoas burras, ofendidas e histéricas em um show de overeacting torram a minha santa paciência até tarde da madrugada, quando a única coisa que eu quero é dormir em paz. Agora eu sei como a maioria dos homens se sentem.

Continue lendo

Já falamos aqui sobre o Prêmio Ig Nobel, por isso, me permito cortar e colar um parágrafo deste texto do Somir, para que quem não leu entenda sobre o que vamos falar:

“O Ig Nobel é uma cerimônia de premiação criada e mantida pela revista “Os Anais da Pesquisa Improvável” (traduzido aqui por mera infantilidade minha), que ocorre desde 1991. O objetivo é escolher as pesquisas científicas mais estapafúrdias do ano, segundo a própria organização: “para fazer rir e depois pensar”. O nome, uma jogada com o prêmio mais prestigioso da ciência, o Nobel, aliado às frequentes menções na mídia como uma premiação puramente humorística, acabam sugerindo que é algo do tipo “Framboesa de Ouro” (que escolhe os piores de Hollywood a cada ano), mas muito se engana quem acredita que a ideia central é só sacanear as pesquisas selecionadas ou mesmo chama-las de ruins.”

Pois é, saiu o resultado dos vencedores do Prêmio Ig Nobel 2018. Prontos para rir?

Continue lendo

Segundo dia do programa “A Fazenda”. Não tem muito o que falar, pois a casa está abarrotada de idiotas e a edição do programa não parece compreender a importância do Pilha para o programa e para a humanidade. Ele está dividindo holofotes com esses ignóbeis e acaba sendo ofuscado pela tonelada de imbecilidades que essas pessoas vazias e burras falam o dia todo.

Continue lendo