A imensa maioria de nós aprendeu na escola que o Sistema Solar era composto de nove planetas. Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Netuno e Plutão. Mas há mais de uma década as crianças estão aprendendo isso de forma diferente: Plutão foi demovido à categoria de planeta-anão e oficialmente a vizinhança é constituída de oito planetas. Ou… não?

Continue lendo

Bora conversar sobre uma coisinha? Tirar onda malvadinho(a) é ridículo e mentiroso.

Já viram gente que bravateia supostas “malvadezas”? Não me refiro a cometer crimes ou coisa do tipo, e sim a “manter a minha fama de mau”. 1) Apenas parem, é ridículo; 2) se quiserem continuar, ao menos tenham a coerência de ir até o final, nada mais vergonhoso do que tirar onde de mau e peidar feito um pintinho rosa de feira de filhotes quando a hora de colocar o discurso em prática chega. Acredito que todo mundo aqui conhece alguém que, de tempos em tempos solta, como quem não quer nada, uma frase, uma história, uma escolha de vida onde faz questão de deixar “depreensível” que a pessoa é “malvada”, sem coração, fria.

Continue lendo

Ter um animal de estimação certamente exige algum trabalho, mas mesmo assim, cachorros são um dos mais populares na história da humanidade. Sally e Somir discutem o custo/benefício dessa relação. Os impopulares jogam um osso.

Tema de hoje: O trabalho que um cachorro dá compensa as alegrias que ele proporciona?

Continue lendo

Desfavor Convidado é a coluna onde os impopulares ganham voz aqui na República Impopular. Se você quiser também ter seu texto publicado por aqui, basta enviar para desfavor@desfavor.com.

Entre o bem e o mal.

Quando você toma uma atitude, você pensa se está fazendo algo bom ou ruim? Quantas vezes você lê o jornal ou assiste a televisão e tem a sensação de que a criminalidade e a violência estão aumentando? Será que a humanidade está realmente caminhando para um futuro de caos e incerteza? Será que a linha entre o bem e o mal está tão tênue a ponto de se romper? Ou será que estamos vendo apenas o que queremos ver? Afinal de contas, o ser humano em sua essência é bom ou mal? Perguntas que tem intrigado os filósofos há séculos e que até hoje ainda divide opiniões, principalmente em tempos em que as pessoas parecem se distanciar cada vez mais uma das outras, se fechando em suas próprias opiniões.

Continue lendo