Cadê o seu deus?: Estupro Evangélico.

cade-pastorestuprador

Um caso em especial inspirou esta coluna. Para quem não sabe, foi preso no Rio de Janeiro um pastor evangélico chamado Marcos Pereira, e não foi pelo habitual estelionato e sim pelo crime de estupro. Não um, mas vários. Que se tenham certeza, ao menos seis, mas a polícia está investigando mais de 20 casos diferentes recheados de provas. Este é um lado das igrejas evangélicas que muitos não conhecem. Geralmente os crimes sexuais são ventilados apenas na Igreja Católica, mas acontece muito com evangélicos também. Talvez até mais.

A coisa funciona mais ou menos assim: o pastor tenta convencer o fiel (que pode ser homem, mulher ou até mesmo uma criança) de que a pessoa está possuída pelo demônio. Depois lhe diz que ela precisa participar de um “ritual” para retirar esse demônio do seu corpo, sem explicar muito bem do que se trata. O ritual é realizado na própria igreja ou até mesmo na casa do pastor. Ele vai fazendo com que a pessoa tire a roupa, vai tirando a roupa com argumentos medonhos como se despir de tudo que é material e começa a tentar fazer sexo com a pessoa. Se a pessoa resiste, ele diz que quem está resistindo é “satanás” e usa de violência física para consumar o ato, com o pretexto de “não deixar satanás impedir a purificação”, ou seja, pretensamente para o bem da pessoa.

Não são um ou dois casos, é algo que vem acontecendo em larga escala. Só eu já ouvi oito relatos diferentes. Infelizmente não é o tipo de coisa que venha a público, pois a maioria das vítimas tem vergonha de contar ao mundo o que aconteceu quando se dão conta de que foram estupradas. Aquelas que não se dão conta não vem a público pois estão convencidas que foi um ritual necessário para seu bem. Mas, como tudo praticado em larga escala, uma hora a coisa vaza. E está começando a vazar. Honestamente, espero que esse caso puxe muitos outros.

O pastor Marcos Pereira é um homem de fala eloquente, tem poder de convencimento, tanto é que possuí um apartamento avaliado em nada mais nada menos que oito milhões de reais em um dos endereços mais nobres do Rio de Janeiro. Haja lábia para conseguir juntar tanto dinheiro, não é mesmo? Fica fácil manipular um brasileiro médio, sem instrução, sem perspectiva, doido por uma solução milagrosa e rápida para seus problemas. Nesse caso específico, a polícia afirma que o pastor vem praticando estupros desde 1998. Você deve estar se perguntando porque uma pessoa pratica crimes há mais de dez anos e fica impune, porque ninguém denunciou.

Por medo. O pastor Marcos Pereira tinha ligações diretas com a facção criminosa Comando Vermelho, da qual recebia dinheiro em troca de esconder ou abrigar bandidos, armas e drogas dentro da igreja quando necessário. O pastor também está sendo processado por outros crimes, como homicídio, por exemplo. Curiosamente pelo menos um dos quatro homicídios pelos quais é processado envolve uma fiel que estava tentando denunciar abusos sexuais cometidos na igreja. Sim, ele mandava matar quem o incomodava ou desafiava. Talvez por isso ninguém tenha conseguido efetivamente fazer uma denúncia desde 1998. Mas, como eu disse, quando você repete um comportamento sistematicamente, a longo prazo as chances dele vir à tona são maiores. Nesse ponto, a internet foi uma ferramenta de grande importância. Hoje, se você está sendo vítima de um crime, pode abrir o site do Ministério Público do seu estado e relatar ali mesmo o que está acontecendo, sendo o caso, até de forma anônima.

Dentre os relatos colhidos pela polícia envolvendo esse caso, um me surpreendeu em especial. Uma moça que conta ter sido estuprada durante os oito anos em que frequentou a igreja, tendo os estupros iniciado quando ela tinha apenas 14 anos. A própria polícia chegou a desconfiar do relato, porque vai, quem é que voltaria a um lugar onde foi estuprada voluntariamente? Mas, meus queridos, basta uma passada de olhos pela nossa coluna “Ei, Você” para mensurar a mentalidade do brasileiro médio. É bem capaz que uma brasileira média, ignorante, desamparada, sofrida, chegue a acreditar que se trata de um ritual para retirada do demônio. Infelizmente, é não apenas capaz, como também provável.

O pastor Marcos Pereira soube fazer seu nome na mídia, era um homem “de bem” aos olhos da sociedade. Por exemplo, combinava com bandidos do Comando Vermelho vários factoides midiáticos, uma espécie de Ego do Sistema Penitenciário. Armavam uma rebelião em presídio e chamavam ele para “intermediar”, de forma a que tudo acabe bem graças às palavras do pastor. Atualmente, o pastor se encontra no complexo penitenciário de Bangu e não pode mais intermediar rebeliões, no máximo, inicia-las. Mas muitos outros que estão fazendo o mesmo continuam soltos.

Não é um caso isolado. É algo comum, mas pela natureza do ato e pela vergonha que acarreta em quem descobre a fraude, não é muito divulgado. Junte-se à vergonha da vítima a alta influência que esses pastores tem (poder de convencimento, bons contatos, dinheiro, etc) e perceba como as vítimas realmente não tem para onde correr. Você e eu vivemos em trechos da sociedade onde supostamente impera o livre arbítrio e o discernimento, mas em uma comunidade pobre, onde o pastor está no mesmo nível de Deus, comprar briga com um pastor é ter a comunidade toda voltada contra você. Sem contar que, pela natureza do ato, periga ainda da mulher perder o marido, o namorado e expor em muito seus pais e seus filhos. Não é todo mundo que encara esse tipo de coisa.

Vítimas que insistem em se rebelar tem a sociedade contra elas. Tem um pastor fazendo um discurso afirmando que aquela pessoa está possuída pelo demônio de forma irremediável e que todos devem se afastar dela. Tem os bandidos locais batendo na sua porta, porque, meus queridos, bandido e pastor evangélico andam de mãos dadas, são farinha do mesmo saco. Desafiar, denunciar, é um risco de vida em todos os sentidos. Tanto é que as denúncias costumam partir não das vítimas, e sim de suas mães, pais ou maridos que ficam tão revoltados com o ocorrido que já não se importam mais em ter aquela pequena comunidade contra si nem em correr risco de morte.

Daí eu pergunto: CADÊ O SEU DEUS? Cadê o Deus para o qual essas pessoas se dedicam tanto, que permite estupros sistemáticos, sucessivos e a longo prazo dentro de um templo criado para louvá-lo? Onde está um Deus que faz com que um estuprador possa comprar um apartamento avaliado em oito milhões de reais? Ele foi preso? ESSE foi, mas milhões de outros continuam na ativa. E, se me permitem, mesmo sendo preso, acho um absurdo que tenha desfrutado de tantos bons anos de riqueza e luxo. Teve todas as condições propícias para perpetrar abusos e estupros por muitos anos. Que tipo de Deus dá armas a filhos da puta? Só se for um Deus tão filho da puta quanto eles, o que não é de todo um absurdo, afinal, Deus o fez à sua imagem e semelhança, não é mesmo?

Sempre tem quem diga que Deus escreve certo por linhas tortas ou que Deus tem propósitos maiores que nós não entendemos. Tem razão, eu não entendo porque algum Deus pode utilizar um estupro como ferramenta para algum propósito maior. Não tinha outro meio não? Uma pessoa sendo estuprada por quase uma década, submetida a medo, mentiras e sujeição não me parece tolerável a nenhum pretexto. Se existe algum Deus que se valha disso como ferramenta para alcançar algum “bem maior”, mil desculpas mas eu jamais vou adorá-lo. Muito pelo contrário. Aliás, se existe algum Deus que permite que isso aconteça independente do motivo, mesmo sendo tão poderoso, eu quero mais é que ele se foda, porque no mínimo, é um sádico filho da puta.

Mas esse é o mal da maior parte das religiões: querer justificar as injustiças para trazer conforto ao homem. “Deus quis assim”, “Foi uma provação que você teve que passar”, “Foi fruto dos seus atos em encarnações anteriores”, etc, etc. Variações do mesmo tom que levam ao conformismo, que levam a pessoa a se foder e ainda agradecer por esse privilégio. “Estupro é coisa do homem, não é coisa de Deus”, alguns dirão. Ok, e onde estava esse Deus quando permitiu que um homem com essa índole alcance o sucesso e tenha todas as ferramentas para violentar, torturar e matar tantas mulheres? Cabeça não é só para fazer escova progressiva, é para pensar também. Reflita se esse seu Deus faz sentido.

Também vai ter quem diga que isso aconteceu porque estas mulheres louvavam o “Deus errado”. Francamente? Não é argumento. Que tipo de Deus castiga com estupros quem se equivoca e adere a uma religião supostamente equivocada? Que tipo de Deus prioriza a forma em vez da intenção, do sentimento, das boas ações? Só uma criatura monstruosa castigaria assim um ser inferior que está demonstrando nada além de boa vontade. Deus não criou o ser humano assim, limitado e ignorante? Agora vai jogar contra ele por ele ser nada além do que Ele criou?

Neste exato momento, milhões de mulheres e crianças em todo o Brasil estão passando por isso. Assustadas, confusas, fazendo sexo com alguém que não foi sua escolha; iludidas, ludibriadas, intimidadas. Isso está acontecendo, é uma realidade. E está acontecendo em larga escala, de forma silenciosa. Países com IDH de chorar de vergonha estão proibindo a instalação de igrejas evangélicas oriundas do Brasil, enquanto que o próprio país que as criou não as reprime e ainda lhes dá incentivos fiscais.

“Mas Sally, você sempre disse que era contra qualquer tipo de censura, agora vai mudar de ideia? Onde está sua coerência?”. Censura nunca. Mas existem formas de coibir esses estelionatários. Cobra impostos altos de igrejas e de seus sacerdotes, por exemplo. Isso não é censura e certamente vai ajudar a acabar com esse caça-níqueis que é igreja evangélica hoje em dia. Façam campanhas de conscientização. Investiguem a sério e prendam os criminosos. Abram precedentes judiciais de indenizações milionárias para quem for vítima de estelionato de caráter religioso. Como estas, poderia dar dezenas de sugestões não de censura, mas para desencorajar ou dificultar o estelionato religioso que se instaurou de vez no país.

Mas não, no Brasil se passa a mão na cabeça de evangélico. Ainda impera aquela presunção de bondade com quem se diz evangélico. Imagina se este caso narrado tivesse acontecido com um Pai de Santo? Imagina a reação! “Eu sabia, esse povo não presta”, “Eu sempre disse que eles eram perigosos!” ou ainda “Tinha é que proibir esse negócio”. Boicotariam tudo ligado a Candomblé ou Umbanda, teríamos mil campanhas contra essa religião em redes sociais e pais até proibiriam seus filhos de frequentarem esses lugares. Candomblé viraria sinônimo de estupro em um piscar de olhos. Entretanto, quando acontece com “igreja de gente branquinha”, tapam o sol com a peneira e fazem parecer que são casos isolados. Mas não são. Informe-se, converse, procure saber e você verá.

Você que se diz temente a Deus, se pergunte que porra de Deus permite de alguma forma que isso ocorra. Seu Deus não pode intervir? Não tem poder suficiente para castigar pessoas assim? Para cada pastor preso tem mais mil praticando estupros, não foi obra de Deus a prisão desse escroque e sim do homem. Sério mesmo que você acredita em um Poder Divino que cague tão solenemente para seus seguidores a ponto de recompensar quem decide se devotar a seu culto com estupros sucessivos? Olha, esse Deus deve ser o maior sucesso de marketing de todos os tempos, pois qualquer outro estabelecimento onde ocorra um estupro, o cliente não volta.

É inconcebível que algo assim aconteça. Sob pretexto algum seria facultado a um ser divino, poderoso e superior consentir uma coisa dessas com um de seus seguidores. Um ser superior que permite que isso ocorra não merece a sua admiração, muito menos seu esforço.

Todo mundo fala mal de igreja evangélica mas… o que você tem FEITO a esse respeito? Falar mal não vai mudar o mundo. Faça um favor à sociedade e FAÇA alguma coisa a respeito, da mesma forma que todo mundo faria se a bola da vez fosse uma religião discriminada tipo Candomblé. É hora de fazer a caveira de religiosos, de massificar as críticas, de associar sua imagem com criminosos, que, a bem da verdade, todos são porque no barato são estelionatários que tomam dinheiro das pessoas prometendo algo que não podem entregar.

Faça sua parte, de forma declarada ou anônima. Use dois minutos do seu dia para jogar merda em igrejas evangélicas. Faça denúncias, jogue uma pedra no telhado, dê publicidade aos crimes de pastores, ponha fogo em uma igreja. Faça o que desejar, mas faça algo. Porque só falar não resolve e se nada for feito, em oito anos periga que tenhamos um Presidente da República evangélico.

Eu faço a minha parte. Por favor, façam alguma coisa também. Eles são muitos mas são burros.

Para dizer que você vai é virar pastor, para tentar fazer parecer que a criminosa sou eu ou ainda para me mandar a sua denúncia e me ter como sua advogada DE GRAÇA até colocar seu pastor atrás das grades e tirar até o ultimo centavo dele: sally@desfavor.com

106 respostas a Cadê o seu deus?: Estupro Evangélico.

  • osvaldo disse:

    nao tenho religiao porque nao existe DEUS relegiao é para quem nao olha em vota de si mesmo para ver o que acontece hoje e sempre por isempro porque more muitas pessoas boas e pessoas ruim que poderia morrer que seria bom para todos nos nao morre isso é so umas da coisas errada que ja reparei. tem muitas outras coisas que me faz contra religiao que é so interese de trochas para dar dinheiros e muitas outras coisa que perder tempo pensando em uma mentira inventada para o povo ficar mansinho e quietinho igual cahorro manso.

    • Sally disse:

      Eu também acho que SE existir um Deus (coisa que eu não acredito), ninguém precisa de intermediários para falar com ele

  • maria disse:

    Pra não precisar ser estuprado, meta seu deus, sua fé e sua religião no cú !

  • Jana disse:

    Não sei se isso é problema de religião.

    Nunca pesquisei sobre isso, mas me parece que desde que o mundo é mundo o ser humano A D O R A de ser trolhado nessa área.

    Como exemplo temos o caso Jim Jones e o suicídio coletivo dos membros de sua seita, o assassinato da Sharon Tate pelos membros da seita do Charles Manson, reverendo Moon (não dá pra levar a sério) e tantos outros.

    Psicopatas e FDP existe em todas as áreas e porque a esfera religiosa escaparia?

    O caso desse pastor me parece ser mais um desses. Nada surpreendente.

    É pegar prender e punir.

    • Anônimo disse:

      Exato, todos os estratos sociais possuem psicopatas o que ocorre é que seus atos nao se tornam publico. Ja teve caso de medico estuprador, padre, evangelicos, politicos e assim vai.

  • Mark Bestial disse:

    E essa da marca na coxa e no manto me lembrou a ferida de Ulisses no joelho. Leia a Odisséia.

  • Mark Bestial disse:

    Sério, o “allan kardec” merece seu próprio PROCESSA EU. Faz por merecer. Se metendo o pau no chico já rendeu, imagina o que renderia com a cabeça acima.

  • Talento disse:

    Eu não sei o que acontece com essas igrejas, principalmente as evangélicas. Quando me dizem ‘sou evangélico’ eu penso ‘crente, burro e fdp’.

    Sally, por motivos diversos frequento há 3 semanas um grupo de estudos sobre a doutrina espírita (1 encontro semanal). Ao final disso tudo, eu que acredito bem mais em energias e coisas assim do que em um deus, acho que sairei ainda mais convicta no meu ateísmo (se é que já não existe relegião falando em energias ou sei lá, ando mega desatualizada). No local (e aqui acredito que é por as pessoas vibrarem boas energias) há uma tranquilidade e paz sem igual. Mas, ainda assim, ao final do estudo, aceita um desfavor convidado sobre?! :D
    Garanto que sou a praguinha que só questiona e duvida de tudo durante os encontros \o/

    • Sally disse:

      Aceito, claro!

      spoiler: ODEIO aquele espiritismo de brasileiro médio, que nada mais é do que uma Umbanda de gente branquinha. Esse papo Kardec de tomar no cu e isso ser um “resgate” de sei lá o que que você fez na vida passada é de fazer cair o cu da bunda!

      • Talento disse:

        Pelo que eu já vi, e vi inclusive em minha cidade (que é tipo uma roça!), o que acontece com os evangélicos acontece com os espíritas.

        Ex.: evangélicos tem aquelas assembleias de deus, na qual eles pegam a mesma bíblia evangélica usada em todas as igrejas deste tipo, interpretam de um forma, sendo uma delas as de que mulheres não podem se depilar, devem usar somente saia, não podem usar maquiagem, cortar cabelo, jóias nem pensar (gezuiz eu fico pensando no quão nojento é o sexo entre evangélicos desse tipo). E tem a evangélica quadrangular, que é mais light, tem uma gritaria e algumas coisas muito semelhantes, mas não há proibições bizarras do tipo ‘mulher, se você se depilar irá para o inferno’.
        Já para os espíritas, aqui mesmo sendo a roça city, tem um centro em que assim como nos demais se baseia na doutrina do Kardec, mas você nota uma postura diferente, parece mais um centro de ajuda psicológica, talvez um grande grupo de auto ajuda, sem os mimimis espiritinho e outro em que rola o que tu falou, aquela coisa que parece uma mistura com umbanda, candomblé, espiritismo e mais sabe-se lá o que.

        Ah, uma das únicas, se não a única coisa de positiva na doutrina do Kardec que vi por enquanto é que tem algumas “lições” (que não fazem relação com ser superior ou blábláblá) de vida que para um ser pensante pode ajudar em algo. Ah, e não poderia deixar de mencionar: a arrogância do Kardec consegue ser maior do que a do Somir! :O

        Mas enfim, ao final do estudo, acho eu que daqui alguns meses, farei o texto :D

  • Priscila disse:

    OFF TOPIC:
    Foi mal, mas vi esse texto sobre “o ladro negro da maternidade” e resolvi dividir aqui. Achei interessante ninguém xingar a autora, mas sim concordar! http://www.mulherquecorrecomlobos.com.br/coisas-de-mae/ser-mae-e-se-fuder-no-paraiso/

    • Sally disse:

      hahahahaha

    • Carol Souza disse:

      Ressucitando o tópico… Vai que alguém posta numa página de evanhellicos??? No aguardo.

      Por enquanto, um comentário sobre esse off: o dela não tem comentários “do mal” porque desejar jogar o filho da janela (mas não o fazer) é melhor do que dizer que a força causada pelo trabalho de parto aumenta as chances da mulher ter hemorróidas. Entendo…

  • Lara disse:

    http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2013/04/noticias/politica/1429043-magno-malta–vou-disputar-governo-ou-a-presidencia.html

    Deus + Todos contra a pedofilia. Protejam-se, porque o céu é o limite pra esse aí.

  • Inquisidor disse:

    Sally, a maioria dos evangelicos estão nas igrejas por tudo, menos amor a Deus.
    E posso afirmar com toda certeza. Eu ja fui evangelico. minha mãe é evangelica. A maioria dos fieis estão nas igrejas por MEDO. O evangelico das igrejas antigas e tradicionais são manipulados por medo: medo do inferno, medo da ira de Deus, medo da reprovação do pastor. E Evangélicos das igrejas modernas estão na igreja por DINHEIRO: Nelas, você COMPRA Deus, tudo que você faz é por prosperidade.
    Deve-se salientar que o verdadeiro “deus” nessas igrejas é o PASTOR. TUDO gira em torno DELE, nada em torno de Deus.

    Sally, você no texto pergunta como um deus pode permitir isso a seus fieis. Vou lhe mostrar o meu ponto de vista, por favor não entenda como um ataque pessoal.
    Seguinte, evangelicos “seguem” a biblia, mas eles não sabem NADA da mesma. E sempre, SEMPRE, dão ouvido ao PASTOR, e não ao que esta escrito na Biblia.
    Igrejas evangelicas pregam que o pastor deve ser prospero, que os fieis devem honra-lo, que quanto mais rico e famoso for o pastor, mais abençoados e prosperos os fieis serão. Ve-se ai claramente que Deus não é o centro, mas sim o DINHEIRO. E encima disso, temos a BIBLIA, que é bem clara: TODO TRABALHADOR É DIGNO DO SEU SALARIO. E como o BISPO, (spoiler: NÃO EXISTE O CARGO DE PASTOR NA BIBLIA) toma conta da igreja e dos seus PARTICIPANTES, ele deve ganhar o suficiente para SOBREVIVER. Outra coisa, as igrejas pregam que os pastores devem receber OFERTAS ao visitarem outras igrejas, mas a biblia é bem clara: QUEM NÃO TRABALHA, NÃO COME.

    Muitas pessoas SABIAM do que ocorria na igreja, mas não fizeram nada pq o pastor seria um “ungido do Senhor” (que é alguem protegido por Deus), e “não se pode tocar em um ungido do Senhor”. Mas a Biblia, é bem clara ao afirmar: PROVAI TODAS AS COISAS PARA VER SE REALMENTE PROCEDEM DO SENHOR. e mais, a biblia é clara: A CIÊNCIA É DOM DE DEUS. Ou seja, se você segue a biblia, VOCE DEVE SER RACIOCINAR LOGICAMENTE e não engolir tudo o que te dizem ou tudo o que você ver. A bíblia vai TOTALMENTE AO CONTRARIO do que é pregado pelos pastores.

    Pastores e profetas pregam que se eles profetizarem e a professia não acontecer, a culpa é SUA, pq você nao teve fé. Já a Biblia é afirma: ao profeta que errar UMA profecia, deve ser dado TODO DESCREDITO, E JAMAIS DEVERA SER LEVADO A SERIO NOVAMENTE. Uma profecia TEM QUE SE CONCRETIZAR, se ela não acontecer, o profeta é FALSO.

    Esses são apenas alguns disparates cometidos por pastores, que a biblia CONDENA.

    Ai tá Sally, MUITAS pessoas e a própria Biblia denunciam as fraudes desses pastores, mas os fieis não saem dessa armadilha pq NÃO QUEREM.

    Deus não é um mordomo a serviço da humanidade, Deus deu ao ser humano o Livre Arbítrio. O ser humano é livre pra fazer o que quer, MAS DEVE ENFRENTAR AS CONSEQUÊNCIAS DE SUAS AÇÕES.

    Esses fieis são tão culpados por permanecerem nessas igrejas quanto os pastores. Eles estão ali, não por amor a Deus, mas por GANANCIA, CARÊNCIA e PREGUIÇA.

    Lembra uma velha historia: Um homem sofreu um naufrágio, e a deriva ao mar, clamou a Deus para salva-lo. Então apareceu um homem em sua canoa e disse “suba”, o naufrago respondeu “muito obrigado, mas Deus ira me salvar”. Passado algum tempo apareceu outro homem em um barco e disse “suba”, o naufrago novamente respondeu “Muito obrigado, mas Deus ira me salvar”. Passado mais um tempo, um Transatlântico apareceu e um homem disse ao naufrago “suba”, o naufrago respondeu “muito obrigado, mas Deus ira me salvar”. Passado algum tempo, o naufrago morreu. Então, no Ceu, ele encontrou Deus e questionou, “Deus, eu pedi pro Senhor me salvar, porque o Senhor me abandonou?”, Deus então respondeu, “Eu te abandonei? Mandei uma canoa pra te salvar e VOCÊ rejeitou, então, mandei um navio te salvar e VOCÊ rejeitou, mandei um Fucking TRANSATLÂNTICO te salvar e VOCÊ REJEITOU”.

    Deus mandou a salvação, mas o naufrago ESCOLHEU NÃO ACEITAR. A mesma coisa ocorre com esses casos. Deus não obriga ninguém a NADA.

    Sally, eu era de uma igreja onde tinha membros passando FOME. Enquanto isso, o pastor pregava prosperidade e falava que pras pessoas doarem para a igreja para Deus abençoa-las. Nesse papo, eu dei a “igreja” mais de R$ 1500 durante o tempo ki eu fiquei nela. Mas ai, eu comecei a perceber uma serie de coisas erradas, que a biblia condenava e que a igreja fazia. Quando eu questionei os meus “irmãos” e o pastor a respeito dessas coisas, eu fui convidado a me retirar da igreja (um dos “irmãos” falou pra mim “se não ta satisfeito aqui, vai embora. esse “irmão” era o “sucessor” do pastor). Eu sai, e os outros membros continuaram passando fome, doando dinheiro a igreja em troca de prosperidade.

    Sally, os crentes dessas igrejas são mimados e RIDICULOS. Acham que o mundo deve ajoelhar a seus pés, e que, quando algo não sai como eles querem, é o capeta que os veio tirar dos “caminhos de Deus”. Uma vez, uma membra dessas igrejas, que alem de não falar com os vizinhos (que seriam servos do capeta) colocava o som com musica gospel no ultimo volume, para evangelizar os vizinhos servos do capeta, começou a gritar expulsando o capeta, ela gritou tanto, que alguns vizinhos entraram na casa dela pra ver o que estava acontecendo. Quando entrara, se depararam com a seguinte cena: A mulher estava com a biblia na mão, gritando, com o som no ultimo volume, expulsando o capeta (que veio tirar ela dos caminhos do Senhor), o que era o capeta? UMA LAGARTIXA. Eu já lia o Desfavor, lembrei de você na hora.

    • Sally disse:

      Olha só, então esse Deus é um covarde babacão: ele faz pessoas ignorantes e faz também aproveitadores sacanas, joga todos no mesmo lugar e deixa que os sacanas se aproveitem dos ignorantes. Um “ser” assim para mim NÃO PRESTA!

      • Inquisidor disse:

        Essas pessoas são ignorantes pq querem. Ignorância não tem nada haver com saber ler e escrever. Ignorância é ter PREGUIÇA de pensar.
        Essa mulher que foi estrupada durante 8 ANOS, bastava ela LER a biblia para ver que o que o pastor estava fazendo era ERRADO e ia CONTRA a bíblia.. Mas não, ela escolheu acreditar no pastor e não na bíblia, que é a REGRA DE FÉ, de qualquer evangélico.

        Querer que Deus banque a babá do humanos é querer que o livre arbítrio seja anulado.
        As pessoas esperam que Deus seja um mordomo, que as proteja de todas as idiotices que cometem. Sorry, mas quando VOCÊ tem livre arbítrio VOCÊ é responsável por suas escolhas.

        As escolhas de outras pessoas podem te machucar? SIM. Mas suas escolhas TAMBEM podem machucar outras pessoas.

        • Sally disse:

          Não adianta ler quando você não consegue compreender o que lê e muito menos formar um juízo crítico sobre o que está lendo.

          Não acho que sejam ignorantes porque querem e sim porque não sabem ser de outra forma.

          Não quero que Deus banque a babá, quero que Deus não dê oportunidades e facilidades a filhos da puta. Mas tá difícil…

          • inquisidor disse:

            Sally, provavelmente você nunca frequentou uma igreja evangélica (e pela sua personalidade, nem deve). Você nao tem a a ideia da lavagem cerebral que eles fazem. Pastores que se fazem de Deus, ordenando a seus fieis que se afastem das pessoas “do mundo” sob pena de perderem a PROSPERIDADE divina ou serem condenados ao inferno. Homens da igreja “Deu$ é amor” não olham outras mulheres no rosto, por medo de pecar. Crentes da igreja de Cristo acham que são príncipes no mundo (LITERALMENTE). Pastores pregando a biblia totalmente fora do contexto, sempre prometendo uma coisa: PROSPERIDADE.

            O deus evangélico é o DINHEIRO. E quando se tem dinheiro no meio, as pessoas ficam cegas.

            Sally, eu CANSEI de alertar e mostrar na BÍBLIA as falacias que o pastor pregava. Hoje, meus antigos “irmãos” sequer olham na minha cara. E o pastor, ta de carro novo, construindo a maior igreja da cidade, prometendo que os fieis da igreja estarão com carro do ano, e que serão o poderosos da cidade. As pessoas se recusam a enxergar.

            Provavelmente tem medo de caírem na real, e verem que foram passadas pra traz de maneira tão idiota (como eu fui). E ficam querendo que as promessas e profetadas do pastor se tornem realidade.

            Sobre não conseguir compreender: Sally, se o PRÓPRIO pastor prega que se deve transar APENAS com o MARIDO, que a mulher deve usar uma manta para não despertar o desejo dos outros homens, que o adulterio é condenação ao inferno, ONDE a pessoa não consegue ver que tem algo MUITO ERRADO quando esse pastor quer te COMER?
            Isso não é ignorância, é BURRICE. Preguiça de pensar, medo, carência. Sally, por favor, leia esta merda: http://portaladud.com.br/adud/a-igreja/nossa-doutrina e pense o qual retardada foram essas pessoas, não apenas as vitimas do estupro mas todos os membros dessa igreja.

            Nota de Curiosidade: Segundo a Biblia, Jesus tem uma tatuagem na coxa:
            E no manto e na sua coxa tem escrito este nome: Rei dos reis, e Senhor dos senhores.
            Apocalipse 19:16

            • Sally disse:

              Como você pode acusar alguém que não tem capacidade de pensar de preguiça de pensar?

              Meu querido, foda-se o que está escrito na bíblia, esse povo muitas vezes nem ler sabe! Querer que eles leiam um livro daquele tamanho e ainda COMPREENDAM é pedir demais!

              • inquisidor disse:

                Sally, o link que eu postei mostra as regras da igreja. Toda igreja evangélica tem um o “Culto de doutrina”, (realizado as quartas ou sextas-feiras), onde as igrejas pregam e ensinam justamente a doutrina DA igreja com “bases” biblicas. Elas não precisam ler a biblia pra saber a doutrina da igreja pois isso é passado a elas (oralmente) pelos pastores. E o que o estrupador fez vai CONTRA a doutrina da igreja.

                • Sally disse:

                  Meu Querido, pessoas ignorantes são manipuladas. Ainda mais pela palavra oral, que pode ser dita e distorcida. Você nunca percebeu que dá para convencer gente ignorante de basicamente qualquer coisa se tiver poder de persuasão?

                  Se hoje você diz que o céu é azul e amanhã diz que, pensando bem, na verdade ele é rosa, eles vão acreditar se estiver minimamente fundamentado.

            • Mark Bestial disse:

              Inquisidor, a questão do medo pesa, mas nisso pesa mais o temor da estigmatização social ou mesmo de ter de arcar com problemas difíceis de se resolver do que propriamente o medo do “inferno”.

              A igreja funciona como uma zona de conforto de pessoas que podem ou não ser solidárias contigo, sendo que só isso já é tomado como suficiente por boa parte dos fiéis.

              Eu chamo essa parada da “teologia da prosperidade” de “pirâmide da prosperidade”, sendo essa a versão crente da TelexFREE.

        • Ge disse:

          Olha, concordo em partes com o que tu disse. Realmente ignorância é preguiça de pensar, afinal, pensar dói então…

          Mas penso que tua afirmação “são ignorantes porque querem” é um tanto contestável dado pelo que a Sally já comentou abaixo [ou seria acima?]

        • maria disse:

          Não sei dessa bíblia aí não. É nova? Eu li essa coisa aí, tive que ler, durante minha mais de uma década em colégio jesuíta e não me lembro de nenhuma passagem condenatória do estupro. Muito ao contrário…………

  • Bourne disse:

    Pois eu discordo do texto. Não acho que se passa a mão na cabeça dos evangelicos, desde a decada de 90, com os escandalos de Edir Macedo, a policia, a justiça e a midia não perdoa um crime de pastor e associa isso ao “modo evangelico de ser”, sendo que essas celebridades evangelicas nao representam a massa cristã brasileira. Agora se a justiça brasileira nao pune com rigor é outra história, que vcs mesmo do Desfavor se indignam há anos, pq no Brasil não se pune devidamente politico corrupto, nem prende por muito tempo assassino riquinho ou padre pedofilo isso nao quer dizer que a minoria evangelica é classe privilegiada por impunidade – que sabemos que é a marca registrada do Brasil.

    E outra, a Biblia nao ensina se esconder atrás de Deus pra não pagar pelo que fez, muito pelo contrario, há diversas advertências que “o homem colherá aquilo plantar”. Se existe essa cultura de relevar, é criada por falsos cristãos.

    • Sally disse:

      Você não acha que se passa a mao na cabeça dos fieis? Peninha por serem burrinhos ou falta de paciência para discutir com eles, coisas do tipo. Dai vamos tolerando… Eu mesma já tive amigos evangélicos a pretexto de serem boas pessoas. Hoje decidi que quem for evangélico esta cortado da minha lista de amigos mesmo que seja ótima pessoa

      • Maíra disse:

        Novato aqui no departamento tem que responder se é evangélico. Até hoje ninguém que respondeu que sim, não posso narrar as consequencias.

      • Mark Bestial disse:

        Pegando informações aqui, obtive que o Pastor Sonic mandava que as “irmãzinhas” fossem na igreja SÓ DE MANTO (sem nada por baixo) e depois do culto, nos bastidores, ia conferir…

        • Sally disse:

          Isso é muito comum, mais do que a gente imagina. Só que essas mulheres são tão ignorantes que não percebem que estão sendo abusadas!

      • Mark Bestial disse:

        E quem me passou a informação é evangélico e conhece o meio. [;)]

    • Mark Bestial disse:

      Estou vendo que as acusações contra o cara foram jogadas no ventilador pelo CONEXÃO REPORTER do SBT (será parte da Imprensa Golpista? Hahaha!) há quase UM MÊS E MEIO ATRÁS.

  • leitor@com.br disse:

    Amei !
    Mas como faz? Se ele casar só com uma, estará desobedecendo a bíblia. Se casar com todas será poligamo…

    http://imageshack.us/photo/my-images/24/pastormarcospereira.jpg/

  • PC30570 disse:

    Sally, incontestável tudo o que escreveu. Acho que está mesmo na hora das pessoas pararem de passar a mão na cabeça dos evangélicos, assim como já vem fazendo com a Católica. Vemos hoje em dia críticas massivas para com a católica, para com o candomblé e outras religiões no Brasil, mas os protestantes ainda tem um respaldo perante a sociedade que chega a ser assombroso! Qualquer um na rua pode falar bem ou mal de um católico e está tudo bem, mas se alguém ousar a dizer algo sobre uma denominação “evangélica” as pessoas olham para ela com olhares assustados e pensamentos como “não acredito que ele disse isso”. Tá na hora de botar pra fuder nessa porra!

    • Sally disse:

      Façamos nossa parte e conscientizemos alguém contra os evangélicos. Uma pessoa por semana, uma pessoa por mês, o que for possível!

  • Clara disse:

    Eu nunca entendi que fé é essa que precisa de intermediários. Se o fulano acredita em Deus, acredita mesmo que ele ta em todo lugar, vê tudo, ouve tudo, PRA QUE precisa de padre, pastor ou o que for pra intermediar a relação?? Isso pra mim tem nome e se chama ostentação. Precisa mostra pra todo mundo que vai na igreja, que tem fé, que é do bem, que é de Deus (sendo que em quase todos os caso é o contrário, quanto mais enfiado na igreja pior tende a ser…). Acho muito bem feito. O pastor tá errado? Tá. Mas quem mandou ir lá se enfiar? O tempo que perde na igreja, vai se informar, vai estudar, vai ler, vai fazer algo de útil pra sair dessa ignorância extrema que cega e faz acreditar que ser ser estuprado é uma benção.

  • Daniela B. disse:

    Puxa vida, estou tão surpresZZZZZZZZZZZ: http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/feliciano-defende-pastor-marcos-pereira
    E depois são os gays que precisam de cura, tsc.

  • Winston disse:

    Muito bom texto Sally.

  • cherryB. disse:

    Também acho que já ta mais que na hora de começarmos a gritar mais alto! Pena que nem todo mundo consegue enxergar o quão urgente é isso. Esses dias mesmo me aborreci com minha mãe, que mesmo atéia, veio me pedir pra pegar mais leves nos meus comentários contra religião e começar a camuflar meu ateísmo (como ela faz), porque a sociedade em sua maioria está do lado deles, e como moramos numa cidade pequena isso poderia me prejudicar. Absurdo isso! Não aceito me submeter e me calar, não sou eu que estou errada nessa história.

    • Sally disse:

      O medo da reprovação social vai nos levar a um Presidente da República evangélico. Não tem que se calar não!

      • cherryB. disse:

        Até porque eles não se calam nunca, olha aí Feliciânus defecando pelos dedos:
        m.extra.globo.com/noticias/brasil/marco-feliciano-defende-pastor-marcos-pereira-no-twitter-8340655.html

      • Ge disse:

        Mas convenhamos… é realmente difícil tentar convencer as pessoas de falarem cada vez mais alto… bom, no mais, vale a pena a tentativa! xD

    • osvaldo disse:

      voce esta certa religiao é pra burros

      • Sally disse:

        Não sei se diria necessariamente burros. Acho que são pessoas com deficiências emocionais. Assim como quem manca usa muleta, religião é uma prótese emocional. Gente que não conseguiu ter freio, ter limites, ter valores, ter confiança e tantas outras características necessárias para uma vida funcional as encontra na religião. O ideal é que uma pessoa seja funcional sem precisar de um amigo imaginário, mas infelizmente muitas pessoas não conseguem.

  • Marcos disse:
  • Deus disse:

    O pastor Vagner Peitinho vai pelo mesmo caminho. Tomara que seja preso.

  • Deus disse:

    Deus eh analfabeto. Impressao minha ou os cariocas estao virando bicho? Ate um menino de 16 anos assalta onibus, estupra passageira.

    • Sally disse:

      Sempre foi assim. SEMPRE

      A diferença é que agora estão noticiando…

      • Mark Bestial disse:

        Vai ver, isso talvez na onda do faniquito em torno de coisas estilo Comeria Ela e o Bebê.

        Pior que não me surpreende o fato desse povinho ser tão MAL RESOLVIDO no que diz respeito a sexualidade… Será que isso explica porque uns e outros ficam com essa parada babaca de “cura gay”? Não é apenas oportunismo, como também ignorância, ainda que a ocasião faça o ladrão.

  • Ostra disse:

    Olá, Sally!
    A sociedade civil precisa extirpar essa praga, sério, reproduzem-se mais rápido que coelhos. Eu não tenho mais paciência com esse povo tacanho.
    Meu pobre professor de Teoria da Literatura tentou comentar um capítulo de uma obra de Auerbach, chamada Mimesis. No referido capítulo, o autor compara uma passagem da Odisseia com uma da Bíblia. O coitado do professor repetiu zilhões de vezes que tratava-se de uma análise literária e não julgamento de valor. Adiantou???? Claro que não, a bancada evangélica presente na sala de aula ficou paunocuzando tanto o infeliz que o conteúdo acabou esvaziando-se numa discussão ridícula sobre a intocabilidade da bosta da bíblia.
    E podemos reparar que, grosso modo, quanto mais religiosa a pessoa se declara, piores são suas atitudes como ser humano. Religião, decididamente, é o ópio do povo. Rehab já!!!
    Desculpe a extensão do desabafo.

    • Sally disse:

      Ostra, acaba que eles ganham no grito. É mais do que hora da gente gritar mais alto.

    • Ge disse:

      Tu por acaso estuda letras? Eu me lembro deste livro, também o estudei no início do curso. E sim, concordo contigo nessa questão levantada: gente burra que não sabe diferenciar as coisas e não tem discernimento crítico! Pra mim nem deveria estar na “academia”.

  • Júnior disse:

    É de perder fé na humanidade…

    Isso acabou com o meu dia Sally. Vontade que dá é virar a cara sabe? É tanta merda sendo descoberta e pensar que tem MUITO mais escondida por ai…

    Me sinto envergonhado de ser da mesma especie de pessoas como essa…

    • Sally disse:

      Gente ruim sempre vai ter, o que dá medo é que no modelo de sociedade em que vivemos eles consigam chegar ao topo e se manter lá por muito tempo

  • Diana disse:

    Eu lancei ontem no facebook isso, se a pessoa que é estuprada dos 14 aos 22 anos tem como status de relacionamento “em relacionamento sério com meu estuprador”. Cara, sei que para quem estudou, quem tem a mente mais esclarecida é fácil julgar… mas gente… é tão difícil acreditar numa situação assim.
    Quando converso com evangélicos, fica clara a ignorância desse povo… eles vão bem na raíz da falta de educação, da carência de esclarecimentos. E não são só eles não, católicos, também.
    Por mais que toda religião defenda sua forma de adoração, existem aquelas que ao invés de tolir, estimulam a busca pelo conhecimento, pelo estudo, mas essas, em especial, querem que mais burras as pessoas, melhor! É triste.
    Pior é imaginar que esse verme não vai ter o castigo bacana que os presos dão a estupradores, já que ele é protegido deles…

    • Sally disse:

      Será que é protegido? Eu não confio em acordo entre bandidos…

      • Diana disse:

        Não sei Sally… enquanto tiver dinheiro rolando, dá pra comprar a proteção…

        • Mark Bestial disse:

          Não é questão meramente de dinheiro. É questão de influência e de costas quentes. O cara coage os traficantes porque tem o apoio implícito de gente das milícias.

          Se fosse um pastor zé ruela que fizesse essas gracinhas, já tinha ido pro microondas há um bom tempo.

    • Mark Bestial disse:

      O fanatismo dessa turma só tem par entre torcedores futebolistas.

      Sério, foi vergonha ver os corinthianos cantando vantagem por pouca merda na vitória deles de 4 x 3 nos pênaltis (eles não conseguiram sair do 0 x 0 contra o fuckin’ SPFC, que tá uma merda).

      Pior foi ver que Santos também foi para os pênaltis contra o fuckin’ Mogi Mirim (WAT?!) NEYMAR, CHUPA! Por sorte sardinha anda tão rara que nem nada.

  • Lichia disse:

    Excelente texto Sally!!

    S2

  • Maíra disse:

    Jim Jones manda um abração lá do ~~céu~~

    (pra quem não sabe, além do suicídio coletivo, ele também era da turminha do estupro)

  • Deja disse:

    Quando li uma notícia de que um pastor obrigava fiéis à lhe praticarem sexo oral, dizendo que o espírito santo iria entrar na pessoa através do seu esperma, não acreditei. Mas era verdade…

    Nada mais me espantou depois disso.

  • Mark Bestial disse:

    Acha que porque agora assino por Mark Bestial? É porque essa parada de Deus é uma bestialidade.

    Você acredita que tem retardado aí atribuindo isso a uma suposta conspiração por parte do Jean SACO DE PANCADA Wyllys, da liderança do afroreggae e da Rede Globo?

    Futebol e Religião são duas tremendas lavanderias onde se tem muita gente perigosa, a ponto de fazer com que o Ricardo Teixeira pareça um paladino.

    • Mark Bestial disse:

      Rola a história de que houve mais uma pirotecnia ai. Seria bom saber se houve nisso exames de corpo de delito no sentido de comprovar que realmente os estupros ocorreram. Senão, é bem provável que haja fraude ai.

    • Mark Bestial disse:

      Já teve deputado na ALERJ dizendo que isso teria sido armação das organizações Globo por meio do tal Afroreggae. Tal deputado é do partido do Brizola, o que diz bem a que veio, não?

      Se foi armação (o que é perfeitamente possivel, dado o caso relatado há algum tempo envolvendo a parada das vans), foi uma orquestração bem maior, com interesse do governo federal (preocupado com a ascensão do “azarão” Feliciano), dos policiais e do MP (doidos para mostrar serviço pra se promover e ainda de quebra fazerem massagem no ego do sinhôzinho 9DEDOS e de sua trupe), bem como da própria Rede Globo (que além da repercussão do caso, ainda teria o bônus de ganhar espaço em meio a guerra fria com a IURD e seus satélites).

      • Mark Bestial disse:

        Olhando que já tinha reportagem de mais de um ano atrás sobre o assunto e não exatamente da Globo, a possibilidade de orquestração se torna mais difícil. De qualquer forma o costa-quente de miliciano é um tipo bem podre mesmo.

  • Phill disse:

    Estritamente falando, não teria como alguém falar com você pra colocar o advogado atrás das grades, porque os únicos crimes que são de iniciativa particular são os contra a Honra (calúniainjúriadifamação!), o resto é dever do MP. E, infelizmente, devedor não vai mais pra prisão por não pagar suas dívidas e obrigações cíveis (exceto, obviamente, as pensões alimentícias).

    Agora, qualquer coisa, se alguém quiser denunciar algum pastor e processá-lo por danos morais e materiais, estarei mais do que contente em indicar vocÊ e te passar o bojo. Pensando bem, dependendo, pego eu mesmo a ação.

    E falando do texto em si, achei bem conciso e com o quê certo de indignação para fazer bombar. Vou ver se colocando nas redes sociais, alguém mais leia e comece a botar a cabecinha pra funcionar. Peço perdão em antecipado pelos possíveis futuros comentários…

    • Phill disse:

      correção: “não teria como alguém falar com você pra colocar o *pastor* atrás das grades”.

    • Sally disse:

      Phill, a pessoa não sabe COMO fazer para denunciar, como fazer para requerer proteção a testemunhas, etc. Além disso, tem a questão da indenização também.

    • Mark Bestial disse:

      Phill, prender é fácil. Segurar lá dentro é que são outros quinhentos.

      • Sally disse:

        Muita gente desconhece a melhor forma de proceder na hora de acusar alguém de um crime. No caso, por exemplo, é mil vezes melhor ir até o Ministério Público do que ir a uma delegacia

        • Mark Bestial disse:

          Lá há condições melhores de fazer uma representação, mas tem um problema que é a combinação do abarrotamento de casos (a estrutura do MP mesmo para apuração de casos como esse é precária, ainda que com volumes semelhantes de trabalho, o MP tenha condições melhores de cuidar de tais questões) e dos desvios de função (com MP fazendo parte do trabalho referente a PF compensando a falta de estrutura dessa e a eventual ingerência das polícias estaduais em tal questão).

          O problema ai é que está se lidando com MÁFIA. Sei lá porque, mas quando olhei o naipe da figura imaginei algo ainda mais podre nas relações dele. Não me assustaria se o fulano também tivesse relação com MILICIANOS.

          • Lara disse:

            O problema, na minha opinião, é que pastor preso vira mártir.

            Acredito que tem que ir pra cadeia mesmo, mas “se correr o bicho pega, se ficar o bicho come”.

            • Sally disse:

              O problema é que socialmente os evangélicos são repudiados em silêncio, ganham status de coitados e as pessoas ficam com pena de fazer bullying. Tem que fazer, tem que discriminar evangélicos, tem que segregar mesmo. Tem que deixar bem claro e notório o repúdio por essa raça. Sabe porque? Porque a maioria vira evangélico justamente para ter esse “rótulo” de boa pessoa. No dia em que ser evangélico virar demérito social, mais da metade pula fora!

            • Mark Bestial disse:

              Lara, se fizerem o trabalho direito, não vai sobrar espaço para o pastor “sonic” se fazer de vítima. O ruim é que com o pastor “ryu” o pessoal deu tiro n’água.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Arquivos

Colunas