Sob uma inspeção mais detalhada, o ciborgue HJ não parecia lá tão impressionante. Cabos – alguns deles sem conexão aparente – chacoalhavam livres por uma generosa abertura no que seriam suas costas. De tempos em tempos Zarel percebia algumas faíscas vindas de contatos aleatórios entre as entranhas metálicas de seu guia naquele longo corredor escuro. Zarel tentava acompanhar o passo do robô, pernas ainda bambas por tanto tempo de inatividade na câmara de suspensão.

HJ: Ao chegar lá, procure por Labareda. Continue lendo