+O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) prestou depoimento na quarta-feira (10) ao juiz Sérgio Moro em Curitiba, em um processo da Operação Lava Jato relacionado a um apartamento triplex em Guarujá (SP). O depoimento durou quase cinco horas. Em seguida, os vídeos foram divulgados pela Justiça.

No link acima, todos os vídeos na íntegra, se você tiver estômago. Nós tivemos. Como não poderia deixar de ser, desfavor da semana.

SALLY

Difícil o texto de hoje. Quase tudo sobre esse depoimento do Lula ao Moro já foi dito, gritado, contestado e esmiuçado. Assunto popular é foda. Vamos lá, vamos bater um papo sobre os motivos que fizeram esse depoimento ser o grande desfavor da semana.

Para começo de conversa, a imprensa e muita gente pintou esse depoimento como algo Moro x Lula. Muito errado incutir essa mensagem na cabeça das pessoas. Moro não é “contra” Lula. Observem o tamanho da operação Lava Jato. Observem a quantidade de pessoas processadas e presas, dos mais diversos partidos. Um juiz não é contra ou a favor de alguém, ao menos não um extremamente vigiado como Moro, que tem a oposição e boa parte da imprensa vigiando e colocando um holofote em cada ato seu.

Lula, como qualquer pessoa suspeita de um crime, vai ser julgado, com direito à ampla defesa e contraditório. Se o pequeno cérebro de caroço de uva dele acha que pode manipular as massas se fazendo de vítima, bem, sinto muito. Não é. Ele se faz de ofendido apenas por estar sendo julgado, como ousam! Mas não se trata de Moro x Lula, se trata de Lava Jato investigando suspeitos, em um processo com muitas provas que fundamentam essas suspeitas. É assim que funciona em qualquer processo. Por ser uma pessoa pública, repercute mais, mas aí, meus queridos, é um ônus da vida que ele escolheu, não uma perseguição.

E ainda teve deficiente mental dizendo que Lula “venceu o debate”. Oi? Não é um debate, é um depoimento em um processo. Não houve debate. Não houve vencedores, todo mundo perde quando a situação chega a esse ponto. Mas para esses anencefálicos, qualquer crítica a Lula é polarizada, politizada e vilanizada. Debate ocorre quando há dois lados que divergem de opinião. Ali ninguém estava dando opinião, Lula está sendo investigado por crimes e seu depoimento estava sendo colhido.

Aí entramos em outro desfavor. Entre outras coisas, Lula é acusado de ocultação de patrimônio. Como ele se defende? Gritando para as massas que a Lava Jato não tem qualquer prova contra ele, pois não há documento que prove em definitivo que o tríplex era dele. Mas que caralho… a acusação é justamente essa, ele manter um imóvel dele, a nome de outra pessoa, para ocultar patrimônio! O fato de não estar no nome dele só corrobora para a tese da Lava Jato. É como alguém ser processado por ocultação de cadáver e se defender dizendo que não encontraram o corpo. Pois é filho, isso justamente faz parte do crime!

Aí vem talvez o maior dos desfavores: encurralado, Lula colocou a culpa do que podia em sua esposa falecida. Dona Marisa virou dona do tríplex, virou culpada pelo aquecimento global e culpada do péssimo final de Lost. Quando perguntado sobre o tríplex, ele disse com todas as letras que sua esposa “resolveu comprar” e de fato, o documento estava assinado por ela. O curioso é que a maior parte das pessoas ficou puta por ele culpar a esposa morta. Eu não, minha putez e indignação foram bem diferentes e espero trazer hoje um novo ponto de vista para vocês.

Ruim pra caralho colocar a culpa na esposa morta, mas pior ainda é envolver a esposa nas roubalheiras dele e fazê-la assinar uma porra dessas, condenando-a a viver sentada em um barril de pólvora. Em primeira instância, ele não deveria ter permitido que a esposa se metesse nisso. Que porra de homem é esse que coloca ou permite que a esposa se coloque em risco para avalizar suas falcatruas?

Não tenho nenhuma dúvida que Dona Marisa Letícia (puta merda, que nome de pobre) sabia de tudo e era tão corrupta quando ele, ok? Não é esse meu ponto. Obviamente esta mulher era uma corrompida, caso contrário não teria aguentado ficar ao lado do Lula. Porém, acho que cabia a ele proteger a esposa, que nunca teve um cargo político (incluindo traquejo para lidar com tudo que isso envolve) e mantê-la limpa, assim, se um dia desse merda, a casa caía apenas para ele, que é uma raposa velha e sabe muito bem como lidar com a situação.

Mas não, a porra do molusco filho da puta permitiu que a esposa se enfiasse de merda até o pescoço e, quando a casa caiu, a mulher ficou apavorada. Segundo Lula, a esposa morreu por causa do nervoso que passou por se ver envolvida na Lava Jato. Então, Lula, se foi isso mesmo, parabéns, você matou sua esposa, no mínimo, por não preservá-la e arrumar outro laranja que fosse corrupto profissional para justificar esse tríplex.

Lula envolveu filhos e esposa em suas roubalheiras. E não foi apenas ele, a Lava Jato está pegando várias esposas e filhos. Pergunta ao Sergio Cabral qual é o estado emocional do filho dele, que pode ser preso a qualquer momento! Sério, o que essas pessoas tem na cabeça? Nem amor de pai tem mais? A certeza da impunidade era tanta que colocaram os filhos em risco? Asquerosos, imorais, baixos. Culpar esposa morta, para mim, é o menor dos problemas diante desse quadro.

São pessoas tão sem valores, tão rudimentares, que só sabem pensar em seus interesses gananciosos. Não tiraram meio minuto para pensar que o nome do filho ou da esposa em certos documentos expunha os entes queridos. Olha, lembro até hoje de quando comecei a dirigir e usava o carro do meu pai. No dia em que eu levei uma multa fiquei uma noite toda sem dormir, preocupada com o ônus que eu estava causando a ele. Não sei como estas pessoas podem ser tão filhas da puta, sem valores e desprovidas de consideração de colocar a cabeça no travesseiro e dormir sabendo que fizeram esposa e filhos assinar documentos que podem manda-los para a cadeia.

Uma pessoa que não se preocupa nem sequer com esposa e filhos é um dos patamares mais baixos que alguém pode chegar. Não era para que ele permita que Dona Marisa assine essa porra! O buraco é bem mais embaixo de culpar uma mulher morta. Se eu morrer e meu marido (imaginário) puder me usar de alguma forma para evitar de se foder muito, ele tem a minha bênção: me use, estou morta, foda-se. Quero ele bem, pode jogar meu nome na lama se eu estiver morta, se isso salvar o pescoço dele! O que não pode é uma pessoa que diz amar a outra coloca-la nesse risco ou permitir que ela se coloque.

Lula é um verme, não por colocar a culpa na esposa morta, algo que provavelmente Dona Marisa teria concordado se pudesse opinar. Lula é um verme por ter exposto ela a tudo isso em primeira instância, e ninguém parece perceber. Faz sentido para vocês?

Para dizer que foi o pior show de vitimização hipócrita que você já viu, para dizer que Dona Marisa mereceu por ter ficado casada com esse crápula ou ainda para dizer que não quer saber disso, apenas quer ver o Power Pilha da semana: sally@desfavor.com

SOMIR

Situação hipotética: você precisa vencer o melhor jogador de xadrez do mundo. Vocês estão disputando algo e se faz necessária alguma forma de disputa. Faz sentido que você não queira que essa disputa seja justamente uma partida de xadrez, não? Talvez braço-de-ferro se ele parecer franzino o suficiente… seja como for, mudar o jogo para tirar uma vantagem óbvia do adversário é uma tática pra lá de eficiente.

Lula e seu batalhão de advogados sabem disso. Sabem tão bem que a estratégia toda está baseada nisso: em arrastar Moro para um lamaçal de retórica populista e tentar vencê-lo por lá. Porque o jogo original, o da Lei, esse está praticamente impossível de ser vencido. Para quem teve paciência de ver o depoimento, o antagonismo de Lula contra o juiz fica evidente, numa tentativa descarada de se posicionar como adversário das pessoas que o interrogam, e não como um cidadão comum que está prestando esclarecimento sobre as acusações recebidas.

Fiquei muito feliz ao ver que Moro praticamente não mordeu a isca em mais de cinco horas de luta de Lula e seus advogados para criar o clima desejado. Eu só acho que ele vacilou um pouco na hora das declarações finais, falando sobre como recebia críticas também. Mas na média, foi uma atuação segura e que não deu a Lula picadeiro o suficiente para seu show. E como ele e seu time sabiam que estavam enfrentando alguém capaz o suficiente para segurar a pressão que fizeram até ali, já tinham planejado um comício com os defensores profissionais contratados para fazer manifestações de apoio e Curitiba.

Se na audiência a coisa não flui muito bem para politizar o impolitizável, no comício Lula estava de volta ao seu ambiente seguro, fazendo seu drama pessoal, como se o mero fato de ser suscetível às leis fosse um calvário! E aí, o jogo vira: se no campo da lei Moro está mais seguro, é no palanque que Lula tem todo o poder. Se um dia Sérgio Moro cair nesse truque barato e tentar enfrentar o ex-presidente em populismo vazio, vai ser trucidado. Ninguém chega onde Lula chegou sem um talento espetacular de “emocionalizar” qualquer discurso e apelar para os menores denominadores comuns da mente humana.

E o talento é tanto, é tamanho que eu acabei de cair nele. O verdadeiro desfavor aqui é que estamos acreditando que Lula e Moro estão disputando alguma coisa. Quem é o Lula para achar que está em condições de fazer a Lei sua adversária? A egomania ficou evidente durante o depoimento, Lula tomando tudo como pessoal, acusando a torto e a direito a imprensa e dando a entender que tudo aquilo não passava de uma tentativa de atacá-lo pessoalmente. E quão tontos somos todos nós que entramos nessa história? Imagina só ficar analisando o desempenho de Lula ou Moro, como se os dois estivesse disputando algo?

No segundo que eu ou você começamos a tentar decidir quem “ganhou” a audiência, perdemos para a tática de Lula. Ele estava lá para esclarecer histórias muito mal contadas sobre sua relação com uma construtora e só algumas das diversas falcatruas das quais é acusado de participar. Tanto que boa parte do começo do depoimento é interrompido por advogados reclamando que aquela audiência só se referia a alguns crimes específicos, e não a todos. Mal sinal quando um juiz separa uma tarde inteira para te ouvir e você nem consegue abordar tudo o que tem de acusação sobre você.

Ninguém ganhou ou perdeu debate algum por lá, não foi um debate. Lula sonhava com a oportunidade de ver Moro desestabilizado e entrando na dele, mas não foi o que aconteceu. Foi para seu comício pago debater com o vento, porque da audiência não tirou o suficiente. E muito se engana quem acha que isso sugere uma vitória de Moro: ele não deveria estar disputando nada ali. Aliás, por mais admiração que eu tenha pelos trabalhos do juiz nos últimos anos, quem é ele em comparação com a lei?

O Ministério Público, quem acusa, é o representante de todos nós. Lula não estava lá esclarecendo os contratos escusos com a construtora para enfrentar um juiz ou um promotor, mas para se defender diante de uma acusação feita por todos nós. Moro é um grão de areia perto de quem está querendo saber a verdade ali. Em número e em escala de poder. Quem o dá a força para decidir sobre a veracidade das acusações é o povo, através do Estado.

Lula não só é megalomaníaco ao tentar fazer uma disputa pessoal contra um juiz, mas principalmente por se achar tão acima de todos nós ao ponto de querer fazer do processo da justiça um adversário. Lula vem politizando as acusações que recebe desde… desde que se entender por pessoa pública, e depois de tantos anos de prática, ficou excelente nisso. A postura dele de “antagonista igual” do sistema judiciário de um país – através de suas caras, bocas e ataques de vitmização durante as longas horas do depoimento – só demonstram como esse homem está tentando de tudo para fugir do jogo que não o agrada: o da verdade.

Espero que eu, você e todos nós que ainda tenhamos algum jeito nesse país consigamos sempre nos lembrar que não existe disputa nenhuma acontecendo. É um bandido sendo julgado por seus crimes. E é só isso que importa. Lula não pode mudar o jogo, vai ter que jogar xadrez ou acabar em um. Qualquer outra opção é uma derrota para todos nós.

Para dizer que nem a pau que vai ver tudo aquilo, para dizer que caiu junto comigo no truque, ou mesmo para dizer que vai dizer que seu preferido ganhou de qualquer jeito: somir@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Etiquetas: , ,

Comentários (25)

  • Ge, esta é minha indagação. Porque tanta demora, se ha provas conclusivas?

    O que Lula quer? A prova inexistente, impossível? Ora, se a acusação e justamente essa, a ocultação do patrimônio!

    De uma coisa podemos ter certeza: uma guerra civil armada esta por vir.

    Sally, queira perdoar o incômodo, mas os advogados podiam mesmo contestar perguntas (fora do processo, mas…) relacionadas com a denúncia?

    Aquelas intervenções dos advogados são desnecessárias, já que o depoente tinha o direito de não responder. Cansativo, muito cansativo. Mas eu fiz questão de ver.

    • Ela não tinha discernimento nem conhecimento das internas da política para tomar essa decisão, cabia ao marido protegê-la e mantê-la afastada de tudo isso.

  • Sally, como sempre vcs dão um gol de placa! E este depoimento só reforça o quanto eu concordo com seu texto que diz que entre Lula e Bolsonaro, Lula seria a maior ameaça a este país. Um psicopata de marca maior, um crápula que sequer respeita a própria família, quanto mais um país com 200.000.000 de brasileiros que ele sequer conhece. E ainda tem gente que defende este maldito. O pior é que só o fato dele poder sair candidato já mostra que estamos em uma ditadura bolivariana. Estou muito, muito preocupada com a possibilidade de venezuelização do Brasil, e o pior, ninguém faz nada e pelo que vejo nas redes sociais, Lula tá cheio de gente que o defende até os dentes e vai votar nele, esse país não tem jeito, vai chegar um ponto no qual só o aeroporto nos salvará!

    • Não adianta, quem defende Lula sempre vai ter dezenas de argumentos para continuar a defendê-lo, pois na verdade não estão defendendo o Lula com unhas e dentes e sim sua “honra” e medo de admitir que erraram.

  • Ao Lula, só resta alardear pra tudo quanto é lado de que está sendo vítima de perseguição política mesmo. Porque ele sabe que as provas que o levarão para a prisão não serão irrefutáveis para as pessoas mais ignorantes que o apoiam. Ele sabe que pode contar com isso, a ignorância. E para os mais ignorantes que acreditam nele, ficará a imagem de um herói dos pobres, vítima de um complô orquestrado por uma direita golpista… E aí, quem sabe o país não entra em convulsão de vez.

    • Sabe que eu acho que os ignorantes já abandonaram o Lula? Quem ficou são esses intelecutalóides orgulhosos demais para dar o braço a torcer que se enganaram…

      • Avatar

        Cantinho da vergonha

        Eu já fui eleitor do Lula e da Dilma pela ignorância de achar que os trabalhadores tinham um partido e porque ia na onda de votar onde o sindicato indicava. Depois que descobri que o PT era uma quadrilha e que os sindicatos eram mamadores de rola do estado, igual diz o canal do otário, agora esquerda nunca mais! Morro de vergonha, mas tô na vida é pra aprender.

        • Avatar

          Outro Cantinho da Vergonha

          Um conselho : voto “válido” nunca mais !!!

          Um quase partilhamento : nunca fui de movimento nem associação alguma, mas fui eleitor daquele Jean – pois é, entrei na onda de ter começado a votar em 2010 e ter me sentido “mal-envolvido a tempo”…

  • Sally e Somir,

    Da mesma maneira que a Globo trucida o PT/Lula/Dilma e “esquece” de citar ou dá uma cobertura mínima a outros partidos envolvidos em escândalos gigantescos de corrupção, ela também dá munição para eles usarem a carta de perseguição. Acaba sendo uma faca de dois gumes.

    Sobre políticos usarem as respectivas esposas e filhos nessas falcatruas, acredito que os benefícios são tão bons que ficam cegos e colocam nome de quem puder para ganhar dinheiro.

  • Quando eu saía dizendo que o Lula era o “Deus dos pobres”, era apenas com a intenção de fazer uma piada. Mas pelo que parece o Lulão deve pensar mesmo que é um, achando que é acima da lei e que não pode ser julgado.

  • A merda não está só no discursinho vitimista repetido à exaustão. A merda também está em ver que tem gente por aí que, mesmo depois de tudo, ainda cai nessa e acredita nesse mesmo discursinho… Puta que pariu!

  • Começo dizendo que nunca votei no PT, nunca votarei e não tenho a menor dúvida de que o Lula é culpado de todas as acusações na Lava Jato. Hoje em dia a gente precisa falar isso antes de discordar ou é taxado de “petista”.

    Mas discordo da avaliação de vocês. Primeiro que o Lula não “culpou a Marisa”. Só acha isso quem não viu os vídeos ou leu as transcrições e acredita nas bobagens que o MBL inventa.

    Ele claramente deixa claro que ela comprou a cota da Bancoop em 2005 e que depois viria a ser convertida em crédito para comprar o apartamento da OAS. E a cota que ela comprou NEM ERA do triplex, era de outro apartamento.

    A defesa admite isso desde o dia 1. Desde antes da acusação formal. Quando a Marisa tava viva.

    Achar que ele culpou ela é desconhecimento de todo o processo. Assim como a bobagem de “ocultação de patrimônios não tem prova mesmo”. Até o Moro falou essa bobagem no depoimento e levou uma porrada do Molusco. Todo crime precisa de algum tipo de prova e a Lava Jato nem consegue provar que o apartamento era do Lula, quanto mais que as reformas eram pagamento de corrupção (que é a tese).

    E o Moro caiu sim em todas as iscas do Lula, Somir. Ok, talvez não em todas, mas na maioria. Como quando o Lula acusou os vazamentos e o Moro falou que o processo era público, só pra ouvir de volta que o Antagonista sabia de tudo antes de acontecer.

    Todo mundo sabe que o Lula vai ser condenado e por isso mesmo os advogados dele lutaram para fazer colar a pecha de injustiçado. Esse depoimento foi uma grande vitória deles.

    • Nós vimos os vídeos. Discordo de tudo que você disse.

      Não é uma visão tendenciosa nem narrativa. É tão escancarado que a loja Marisa fez uma publicidade com base em um trecho do depoimento.

      Está todo mundo errado? Todo mundo enganado por uma mentira da mídia, quando o depoimento foi filmado? Meio inocente acreditar nisso…

        • Sério que você quer argumentar com uma notícia do INSTITUTO LULA?

          Faz um favorzinho para mim? Não volte mais aqui.

          • https://oglobo.globo.com/politica/caso-bancoop-triplex-do-casal-lula-esta-atrasado-3041591

            10/03/2010 0:00 / Atualizado 01/11/2011 19:52

            “GUARUJÁ (SP) – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua mulher, Marisa Letícia, são donos de uma cobertura na praia das Astúrias, no Guarujá, mas amargam há cinco anos na fila de cooperados da Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo) para receber o imóvel. A solução encontrada pelos cerca de 120 futuros proprietários do empreendimento foi deixar de lado a Bancoop e entregar o Residencial Mar Cantábrico à construtora OAS, que prometeu concluir as obras em dois anos. Procurada, a Presidência confirmou que Lula continua proprietário do imóvel.”

            Lembrando que no depoimento Lula disse que só tomou conhecimento do triplex em 2013…
            Internet, sua linda!

  • Realmente, um desfavor atrás do outro, a mentira descarada do Lula, por a culpa na mulher falecida, e ainda por cima essa disputa de bipolaridade entre o herói nacional do povo (que, segundo ouvi comentários, “na sua época houve maior geração de empregos bla bla bla argumentos desse tipo) versus Moro, o elitistazinho de direita. Nossa, ninguém merece! Essa semana foi insuportável, viu?

    Pior de tudo foi nesse ponto do “herói nacional”: se vocês vissem o auê que criaram aqui em Curitiba só pra esse bostinha de nada chegar… Tropa de choque, helicópteros sobrevoando a cidade, atirador de elite posicionados nos prédios, desvios no trânsito e até camburão e tanques no aeroporto! Pensei comigo, pra quê tudo isso?

    Aliás, fico pensando em sentido amplo da coisa: se há tantas provas, porque já não prenderam esse cara logo? Moro não tem culhões pra isso? Isso me leva a crer que há altos jogos de poder por trás, no sentido de negociação mesmo e pesar dos prós e contras de prender o Lula. Bem capaz do país chegar a uma guerra civil se prenderem o sujeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: