Campanha.

Enquanto isso, numa reunião de cúpula:

CANDIDATO: Inaceitável! Eu perdi 5 pontos!
MARKETEIRO: É só uma flutuação.
CANDIDATO: Flutuação meu ovo! Seu emprego vai flutuar!
MARKETEIRO: O senhor tem que entender…
CANDIDATO: Por que aquele filho da puta ganhou os meus 5?
ASSESSOR: Na verdade, ele ganhou 7.
CANDIDATO: Sete! Sete! O que aquele corno fez para ganhar 7 em uma semana?
MARKETEIRO: Existe variação nas pesquisas, tem que esperar o outro instituto divulgar também.
ASSESSOR: Eu acho que foram os cachorrinhos.
CANDIDATO: Que cachorrinhos?
ASSESSOR: O outro candidato começou a falar que vai ajudar os cachorrinhos de rua. Comercial lindo, minha mulher chorou.
CANDIDATO: PORRA! POR QUE EU NÃO ESTOU SALVANDO VIRA LATAS NO MEU COMERCIAL?
MARKETEIRO: Senhor, as pesquisas de mercado indicaram…
CANDIDATO: Indicaram que eu estou perdendo 5 pontos por que você não colocou uma merda de um cachorro sarnento do meu lado? É isso?
ASSESSOR: Sabe de quem ninguém cuida? De gato.
CANDIDATO: Odeio gato.
ASSESSOR: Não precisa ficar perto, os meninos colocam no truque de imagem.
MARKETEIRO: Nós temos mesmo um problema com o público feminino de classe média.
ASSESSOR: Não é por aquela vez que ele colocou a mão na bunda da ativista?
MARKETEIRO: Ah é…
CANDIDATO: Quem dá voto é cachorro!
MARKETEIRO: Mas está todo mundo colocando cachorro nos comerciais. O povo está ficando confuso já.
ASSESSOR: Minha sogra adora gato. Nem sabe em quem votar ainda.
CANDIDATO: Porra, não vai votar em mim?
ASSESSOR: Ela ficou putaça com aquela fala sobre mulher na cozinha.
CANDIDATO: Não pode mais fazer uma piada?
MARKETEIRO: O candidato dos gatos. Taí algo diferente!
CANDIDATO: Vão me chamar de viado.
MARKETEIRO: Que nada, quem te chamar de viado vai tomar até processo por homofobia.
ASSESSOR: Pode cair a candidatura de quem te chamar de viado, hein?
MARKETEIRO: E se fizesse a propaganda com gato e toda rosa?
CANDIDATO: Vocês querem acabar comigo?
ASSESSOR: Tipo armadilha! Te chamam de viado, você processa e ganha um monte de votos.
MARKETEIRO: Sim, ainda passa uma imagem de mudança e modernidade! Quem sabe esquecem daquele caso onde você deu com um cano no ativista LGBT?
ASSESSOR: Ele não fala mais, então pelo menos não está piorando.
CANDIDATO: Acha um meio termo aí, rosa com gato é foda. Nunca mais vou poder ir no bar com meus amigos.
MARKETEIRO: A gente mete um roxo na arte. Vou mandar o pessoal da agência pegar umas fotos de gatos. Vamos colocar uma patinha de gato do lado número?
ASSESSOR: Mandei mensagem no Whats pra minha sogra, e ela disse que se ele ajudar os gatos ela vota nele!
CANDIDATO: Mas será que só isso recupera os cinco pontos? O que mais esses babacas gostam?
MARKETEIRO: Hoje em dia é cachorro, crente e matar bandido.
CANDIDATO: Puta que pariu, devia ter pagado para aquele pastorzinho de merda, agora ele está fechado com o outro.
ASSESSOR: E se colocar uma frase de Jesus na arte?
MARKETEIRO: Jesus falou de gato?
ASSESSOR: Acho que ele curtia mais cachorro.
CANDIDATO: Tinha cachorro no tempo de Jesus?
MARKETEIRO: Acho que era lobo ainda.
ASSESSOR: Lobo ia ser complicado gostar… se tiver frase vai ser algo do tipo “foge do lobo!”…
CANDIDATO: Pega uma porra de um salmo e coloca lá! Manda o pessoal da arte escolher um que tem a ver com gato então.
MARKETEIRO: Seria legal algo que também misturasse com os gays.
ASSESSOR: Jesus detestava gays.
MARKETEIRO: Verdade.
CANDIDATO: Achava que ele era contra judeus…
ASSESSOR: Tartaruga!
CANDIDATO: Hã?
ASSESSOR: Todo mundo gosta de tartaruga. Minha tia tinha uma. Todo mundo que ia em casa gostava. Até quem a tartaruga mordia.
CANDIDATO: Vão falar que eu sou lerdo.
MARKETEIRO: Verdade. Vamos ficar com gatos.
ASSESSOR: E pra quem não gosta de gato?
CANDIDATO: Fala que eu vou colocar pena de morte.

Para dizer que não acredita que é assim, para dizer que já viu de verdade e SABE que é assim, ou mesmo para dizer que votaria nesse: somir@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Etiquetas:

Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: