Ciro Gomes

Já que vocês gostaram da onda de Crossover da coluna “Anula Eu” com outras colunas, aqui vai mais uma.

Nada contra gente grosseira, rude e sem paciência, tudo contra quem tenta vender uma imagem falsa, enganando os outros. Não vamos falar de política hoje. Não há intenção de entrar no mérito de plano de governo, de ideologia ou corrupção. Hoje falamos sobre a pessoa. Uma pessoa que se vende muito diferente do que é, que graças a muito dinheiro, bons marqueteiros e robozinhos em rede social está tentando reescrever sua história. Anula Eu + Processa Eu: Ciro Gomes.

Sua família é conhecida como “A oligarquia Ferreira Gomes” no Ceará. Um irmão é ex-governador e pré-candidato ao senado, outro é ex-deputado estadual e prefeito de Sobral, outro irmão é secretário de governo, uma irmã é pré-candidata a deputada estadual, sua ex-mulher já foi senadora e hoje é conselheira do Tribunal de Contas do Estado do Ceará (cargo vitalício), nomeada no governo Cid Gomes (irmão de Ciro). Em resumo, uma mesma família alterna cargos de poder por quase um século, impondo sua vontade, se preciso for, na foça e “na bala”, como o próprio Ciro gosta de declarar.

É nesse contexto, de coronezinho, de senhorzinho de engenho, que Ciro conduz sua vida, inclusive sua vida política. Não admite ser contrariado, se preciso for resolve as coisas na violência ou força bruta e se acha superior ao resto. Nunca vi político mais “Justo Veríssimo”, que odeia o povão com tanta força. Ele tem uma certeza da impunidade galopante, pois sempre fez o quis e nunca teve que pagar por seus atos. Gente assim é perigosa.

Se você não gosta de gente destemperada, faniquiteira, descontrolada, então pense duas vezes antes de votar em Ciro Gomes. Conhecido por dar piti quando é contrariado, provavelmente fruto de sua pouca experiência com frustração na vida, uma vez que tudo sempre foi do seu jeito (por bem ou por mal) ele reage de forma descompensada quando encontra qualquer resistência.

Vejamos algumas frases nada educadas de Ciro, que adora emular finesse: “Lula não é inocente de nada, Lula é um merda”, “Eduardo Cunha é o maior vagabundo de todos”. Quando perguntado sobre a gestão Luizianne Lins na Prefeitura de Fortaleza, disse que a cidade virou “um puteiro a céu aberto”. Quando os médicos do Ceará fizeram greve, em razão das péssimas condições de trabalho e dinheiro desviado, ele disse que “médico é como sal: branco, barato e tem em todo lugar”. Disse ainda que se o juiz Sergio Moro se metesse com ele, seria “recebido a bala”. Bacana ele achar que está acima da lei, ótima postura, não?

Se você não quer votar em um candidato homofóbico, bem, pense duas vezes novamente. Ciro, coronezinho do nordeste, cabra macho, já deu muitas declarações infelizes a esse respeito. Por exemplo, disse em um programa de grande audiência que gaúchos defensores da separação do Sul do país “deviam ter desvios homossexuais”. Primeiro, o que tem a ver uma coisa com a outra? segundo, tratar homossexualidade como algo negativo, francamente… Aí, ele vai e se retrata, sempre putaço, podem reparar que não tem um pingo de sinceridade ali. E não adianta nada, pois a cabecinha homofóbica continua lá e rapidamente ele manda outra frase preconceituosa.

Pouco tempo depois dessa retratação, em uma convenção do partido, chamou um opositor (aos berros e de forma bem agressiva) de “baitola”. Novamente repercutiu, novamente se retratou, com aquela cara de má vontade que criança coloca quando a mãe come no esporro e diz “vai lá e pede desculpas pro seu irmão!”. Novamente, não adiantou de nada, pois a cabeça é interiorana, coronelista, preconceituosa. Diversos episódios similares se seguiram, e continuam acontecendo. O mais recente envolve manifestantes na porta da sua casa, aos quais ele direcionou uma série de xingamentos homofóbicos, sendo o mais gentil “viado”.

Mas não se trata apenas de homofobia, tem um desrespeito galopante, dignos de família que manda matar quem os contraria. Só vi uma empáfia, uma arrogância, uma escrotidão desse grau com os ACM da Bahia. O xingamento não é só pro povão, não respeita ninguém, nem mesmo colegas políticos Quem é estudante da USP e estava presente em determinado evento sabe como ele se referiu ao Prefeito de São Paulo, João Dória: “Um viado com areia no cu”. Então, se você não quer um candidato homofóbico, sai fora.

Você não quer votar num candidato machista? Ah, entendi. Descarta o rapaz então, porque o esquema é o mesmo: fala merda, se retrata, fala merda novamente, pois é isso que ele é, um machista. O machismo está tão enraizado que transborda, apesar do banho de loja, apesar do adestramento dos publicitários, apesar até dos remedinhos que ele toma antes de sabatina.

Um exemplo clássico ocorreu durante uma campanha, na qual ele estava casado com a atriz Patrícia Pillar. Perguntado sobre qual seria o papel de sua mulher na campanha e no processo eleitoral, ele solta essa: “A minha companheira tem um dos papéis mais importantes, que é dormir comigo. Dormir comigo é um papel fundamental”. Ele disse isso na frente não de um, mais de 20 repórteres e da própria Patrícia Pillar. Retratou? Retratou, claro, todo trabalhado no ódio, como sempre, com um único olho picando de fúria. E não adiantou nada, continuou desfilando machismos a torto e a direito.

É uma pena que eu tenha um limite de quatro páginas, pois dava para escrever uma bíblia aqui só com as merdas que Ciro Gomes fala. Bem, basta lembra que recentemente ele declarou que o momento do país pede “testosterona”. Ele mesmo andou aplicando sua testosterona, quando se aborreceu com um repórter nesta semana, desferiu um soco contra ele, o xingou e o mandou prender, alegando que ele era um “provocador”.

Violência física, violência verbal e arbitrariedade, isso define Ciro Gomes. Se Bolsonaro supostamente levou uma facada “merecida” (segundo o próprio Ciro) por discurso raivoso, Ciro tem que levar o que por colocar a violência em prática? Um tiro de bazuca?

E a violência não é novidade, ela já esteve presente fisicamente em outras ocasiões e também no discurso. Sobre o debate político Lula x Collor, Ciro opinou de forma bem peculiar: “Lula devia ter partido para cima do Collor (…) ter dito você é um playboy, cheirador de cocaína. Eu tinha mandado uma porrada nele que ele tinha saído quase cego”. Olha aí pra quem estão querendo dar poder.

Vamos supor agora que você não queira um candidato racista… hora de descartar Ciro Gomes novamente. Ao falar do político Fernando Holiday, que é negro, Cirão disse: “Esse Fernando Holiday é o capitãozinho do mato. A pior coisa que tem é um negro que é usado pelo preconceito para estigmatizar”. Quando houve a abertura de um inquérito por isso (injúria racial), não se fez de rogado e chamou a promotora de “filha da puta”, o que levou a Associação Paulista do Ministério Público a emitir uma nota de repúdio, disponível na internet, para quem quiser ver.

Agora, se você quer um candidato comprometido, que realmente trabalhe, so sorry, também não é Ciro Gomes. Como deputado federal, um dos mais faltosos, tendo sido ausente em quase metade das sessões deliberativas da Câmara dos Deputados. Por sinal, nos quatro anos em que foi Deputado Federal pelo PSB, Ciro não apresentou um único projeto de lei ou proposta de emenda constitucional. Ou seja, recebeu um baita salário cheio de benefícios para fazer nada pelo país.

A única coisa que fez, foi por ele e sua família. Usou passagens que tinha direito para deslocamento em função do cargo para levar a mãe para os EUA. O Ministério Público resolveu investigar e, mais uma vez, recebeu uma chuva de gentilezas: “Ministério Público é o caralho! Não tenho medo de ninguém. Da imprensa, de deputados. Pode escrever o caralho aí”, gritou diante de repórteres em plenário. #Equilíbrio

Se você curte liberdade de expressão, também recomendo evitar Ciro Gomes. Por mais de uma vez, em mais de uma ocasião já disse que em governo seu “fascista” (que é como ele chama a quem discorda dele) vai ser preso e silenciado. Amostrinha grátis do que ele faz com quem se manifesta contra ele ou sua família: com direito a xingamentos como “frouxo”, “filho da puta” e o onipresente “viado”. Teve até ameaça de morte, olha que bonito!

Então, cuidado com esse “Príncipe” bem educado que estão tentando vender. Ciro Gomes é um racista, homofóbico, descontrolado, violento, agressivo e descompensado. Não tem preparo nem para gerir uma quitanda, quem dirá um país. Ele não entende que o mundo não é a Republiqueta do Ceará, onde tudo é do jeito dele ou mandam bala na pessoa. Um arrogante ególatra incapaz de se frustrar, que vive em uma bolha de coronelismo, violência e força.

Não estamos pinçando alguns momentos infelizes para denegrir a pessoa, muito pelo contrário, toneladas de informações ficaram de fora por falta de espaço. Para vocês terem uma ideia, só no Tribunal de Justiça do Ceará, Ciro Gomes responde a 77 (setenta e sete) processos, dos quais, 70 (setenta) são pedidos de indenização por danos morais, de pessoas que ele xingou, agrediu, ou ambos. Como estes crimes não estão no rol da Lei da Ficha Limpa, não o tornam inelegível.

Mas sua “simpatia” talvez o torne inelegível. Ele basicamente já ofendeu a quase todas as classes. Como citamos acima, gays, médicos, mulheres, negros. Mas tem mais: policiais que decidiram fazer greve (“marginais fardados aliados a traficantes e covardes”), o então Procurador da República Oscar Costa Filho (“exibicionista, politiqueiro, irresponsável, mentiroso e tresloucado”) quando investigou irregularidades na Secretaria de Saúde, gerida por seu irmão. Percebem o padrão? Quem, de alguma forma o contraria, tem que lidar com um acesso de fúria.

Perceba que não entramos no mérito dos escândalos de corrupção, de um plano de governo lamentável ou de qualquer outra coisa. Estamos falando única e exclusivamente do temperamento de Ciro Gomes, que é o que seus publicitários estão tentando desesperadamente camuflar. Estamos citando alguns (de muitos) fatos, todos eles comprováveis por vídeos, reportagens e testemunhas. Ciro Gomes é um babaca, violento, destemperado, mimadinho e preconceituoso. Parece uma boa opção dar poder para esse sujeito?

Se é isso que você quer, beleza, vota com fé. Mas se os poucos fatos narrados aqui te deram náuseas, se você acha temerário dar poder a uma pessoa com essa falta de estabilidade emocional, se você não quer que alguém assim tenha o cargo mais alto do país, então, repense seu voto. Sabemos que está tudo uma merda, sabemos que teremos que votar no menos pior, mas isso não justifica votar em um “Mel Gibson Cearense”, que tem crises de raiva, grita e agride os outros no meio da rua.

E, vejam bem, nós não temos nada contra gente grosseira, que fala uns desaforos, que cruza a linha do bom senso. Inclusive eu mesma pratico este esporte o tempo todo. A grande diferença é que eu não me digo uma lady, uma princesa, a rainha da finesse. Não. O discurso tá bem alinhado com a minha auto-imagem. Eu não quero poder, não recomendo que me seja dado poder e nunca, de forma alguma, fiz qualquer movimento nesse sentido, muito menos enganando as pessoas.

Ciro não, Ciro é hipócrita, para se eleger está tentando pintar uma imagem totalmente contraditória com o que verdadeiramente é. Talvez o povão não perceba em detalhes, mas acredito que as pessoas sabem dizer quando tem algo muito falso, ainda que instintivamente. Está se travestindo de homem de boa família, de salvador da pátria, de ponderado e eloquente.

Pior coisa é gente hipócrita. Quem quer votar nisso aí, vota, sagrado direito seu escolher o que acha menos pior para o país. Mas eleger alguém pintando-o de uma coisa que a pessoa não é, quando, muito pelo contrário, ela é o oposto, é lamentável. Por isso hoje resolvemos jogar luz na imagem de homem sensato e educado que ele está construindo. E, jogando luz, ela se desfaz.

Faniquiteiro não tem que ter poder, tem que ser medicado. Vai tomar um Rivotril diariamente, não apenas antes das sabatinas, Ciro Gomes.

Para dizer que se fosse Bolsonaro fazendo ou falando qualquer dessas coisas já estava socialmente execrado, para dizer que viado é quem dá faniquito ou ainda para me chamar de viado: sally@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Etiquetas:

Comentários (52)

  • “Ele não entende que o mundo não é a Republiqueta do Ceará, onde tudo é do jeito dele ou mandam bala na pessoa. Um arrogante ególatra incapaz de se frustrar, que vive em uma bolha de coronelismo, violência e força.”

    É a síntese do Ciro. Desse aí sempre soube e é por isso que nunca terá meu voto. Aliás refletindo percebo que me concentro muito batendo no Bolso e pouco quase nada no Ciro. Preciso xingar mais, porque muitas pessoas estão caindo no canto dessa sereia cearense coronel.

    • Não adianta bater no Poket: quem vota nele o idólatra e não vai mudar de ideia. Ao bater no Bolso a gente só reforça o voto nele, pois dá instrumentos para que os eleitores dele capitalizem.

      O pessoal do Ciro eu vejo como capazes de mudar de ideia, é um voto de desespero, que pode tranquilamente passar para alguém menos pior, tipo a Marina

  • Caso supostamente abafado, segundo a revista Isto É:

    “Embora, nas recentes sabatinas, tente exibir um semblante mais sereno, Ciro mudou pouco, garantem moradores de Sobral. O jeitão explosivo pode até permanecer em stand by durante alguns momentos, mas segue latente, pronto para aflorar a qualquer hora. Como em setembro de 2016, quando, segundo testemunhas, Ciro percorria o distrito de Taperuaba, distante 65 quilômetros de Sobral, fazendo visitas e pedindo votos para o irmão Ivo. Incomodado com uma moto que o seguia, o candidato do PDT ao Planalto desceu do carro embebido em fúria, xingou o rapaz e tentou agredi-lo. Qual não foi sua surpresa: o motoqueiro conhecido por Júnior era dono de um certeiro cruzado de direita. Ciro acabou nocauteado com um único soco no rosto e precisou ser amparado por seus seguranças. O caso foi abafado.”

    Como eu queria ter presenciado essa bela cena, hahaha. Só espero que o motoqueiro não tenha sofrido represália do coronézinho.

  • Ciro pra mim representa as últimas coisas que o Brasil precisa agora: desonestidade, preconceito, violência e posição econômica esquerdista. Concordo sobre ele ser pior do que o Bolsonaro por ser um duas caras. Nojo de ver gente defendendo esse caudilho em redes sociais. Fica feio se eu desejar que a moda da facada pegue?

    • Paula, Ciro tem todos os defeitos do Bolsonaro, com os agravantes de ser hipócrita, muito mais poderoso e influente e com um verniz social que engana

    • Confesso que eu tenho um pouco de pena do Haddad: um acadêmico, com mestrado e doutorado, colocado nesse papel de ter que parecer povão, comendo pastel com refresco… Dá pra ver na cara dele o quanto ele está desconfortável nessa posição.

  • Com esse texto vai “roubar” eleitores do Bolsonaro. Rs
    Não sabia dessas coisas do Ciro, mas achei muito estranho ele falando q se não fosse eleito não aceitaria nenhum cargo no governo e iria cuidar da filha de dois anos e ver o Brasil afundando. Muito Maria do Bairro. Estou muito desanimada com essas eleições .

    • Ah, duvido muito. Primeiro porque dificilmente um leitor do Desfavor tem o perfil hipócrita e negador de quem vota no Ciro, segundo porque não acho que temos força para mudar o voto de ninguém…

    • Quanta arrogância do Ciro hein. Quer dizer que se ele perder, ele joga seus eleitores na lata do lixo se eximindo da politica? Então a presidência é apenas um capricho pessoal, do que um sentimento coletivo e patriótico? Prefiro o Bolsonaro neste quesito.
      É só coisa ruim nessa eleição: a pior safra de candidatos, facada, artista pedindo voto pra Ciro ou pra Haddad ou fazendo campanha colegial patética #elenão…
      Não bastasse isso, a maioria dos eleitores não entraram nessa polarização Bolsonaro x PT, e estão resistentes em virar o tal ‘voto útil’ – as pesquisas oscilaram muito pouco. Com a rejeição grande pra qualquer um dos lados, teremos possíveis problemas de governabilidade, seja quem vença o pleito. E essa historia já vimos.

  • É precipício á vista, so vai mudar quem nos empurrará nele.
    O Ciro é tão grosso quanto o Bolsonaro. Pelo menos o Ciro, como o Alckmin, tem algum conteudo no discurso, enrolando bem com números e citando parte da estrutura estatal. Já o Capitão Bolsonaro é um vazio imenso de propostas concretas, alem de um farsante assim como os outros deputados (auxilio moradia, funcionária fantasma, deputado improdutivo).

  • É um pior que o outro….. que o Ciro é um coroné, eu sabia. Mas por que os jornais não fazem tanto alarde quando ele fala merda? Será que é porque tem tanto político falando merda que não sabem quem seguir?

    Aliás, Sally, você acha que tem algum que seja ‘menos pior’, ou a única solução é chorar em posição fetal e rezar para que um tufão-terremoto-vulcão imploda esse país?

    • Jornal não noticia porque estão todos se cagando do Bolsonaro. Ciro é coroné, mas negocia com todo mundo, é raposa velha. O Poket é bem lunático, pode sair qualquer coisa dali. Com ou sem motivo, Bolsonaro foi pisado por muitos anos, se ele tiver poder, quem pisou fatalmente vai se foder, nem que seja um pouquinho…

      Menos pior sempre tem, a questão é o que você coloca como prioridade? Minha prioridade máxima no momento é liberdade de expressão. O PT já disse que vai regular a imprensa. O Ciro regula a bala. Neles eu não voto.

  • Toda vez que vejo na minha timeline do FB o “Não voto em racista, machista e homofóbico” eu questiono.

    Já falo logo: “Beleza, excluindo Bolsonaro e Ciro, vota em quem?”

    “Aainn eu não excluo o Ciro”. Esse é o momento em que eu cito, resumidamente, o que você disse aí em cima, Sally.

    Mas daí salta a incoerência: “Aaiinn, não acho comparável”, “Aaaiinn tinha um contexto nas frases dele, é diferente”, “Aaiinn ele não faz discurso de ódio”.

    E concluo: quando é o candidato que eu gosto, vale o contexto. Sem mais.

  • Não sei porque ainda estou surpresa que, mesmo sendo machista e homofóbico, este seja o herói da esquerda lacradora de hoje – o que esperar de um grupo que idolatra o Che e o Lula?

    Mas é de cair o cu da bunda ver que o pessoal que é sempre o primeiro a mandar os outros “estudar história” e/ou “estudar mais” esteja idolatrando um bosta feito o Ciro

    • É sobre quem fala, não sobre o que é dito. É muito escroto. É tão escroto que faz a gente topar tudo para acabar com esse esquema hipócrita, para tirar o poder das mãos dessas pessoas…

  • Bom, seguindo os critério acima o Solnorabo também não deveria levar voto. Mas não quero polemizar, afinal eu comprei esse pacote.

    • Mas com certeza Bolsonaro não deveria levar voto. Aliás, muito sinceramente, nenhum dos candidatos destas eleições deveriam levar um mísero voto, são todos um lixo.

      • O nível está péssimo mesmo. Mas Lembrando do velho e sábio Ulysses Guimarães, “se você acha este Congresso ruim, é por que não viu o próximo”

        • Lembrando que presidente nulo não existe, alguém vai subir a rampa no primeiro dia de qualquer forma. Também pensei em votar nulo porque o candidato que preferi não tem chances, mas acho que vou acabar indo pro Bolsonaro pra dar porcentagem. É sério, o PT não pode de forma alguma ganhar essa eleição. O projeto deles é basicamente se vingar dos “golpistas”.

          • Sim, o voto nulo “vai para o mais votado”, então, de uma forma indireta, quem vota nulo concorda em dar seu voto para aquele que a maioria escolheu.

      • Aquele que respeita MUITO a quem não aparecerá numa seção TRE / TSE

        Concordo inteiramente com Fernando e “mais ainda” com a Sally.

  • O engraçado é ver uma penca de feminista e gay “lacradô” passando pano pra tudo que o Ciro fala ou faz, só porque o cara é do grupinho deles. Mas se fosse o Bolsonaro fazendo esse tanto de merda aí, já sabe, né? Machismo, homofobia e racismo vindos da “esquerda-do-bem” estão liberados!

    Eu vivi pra ver “mana empoderada” defendendo machista! Quem diria… **risos**

    • Bolsonaro pode ser a bosta que for, mas ao menos é transparente. É isso aí, declara a bela merda que ele é e ninguém que vota nele vota enganado. É como o Trump: quem votou queria exatamente aquilo ali.

      Também acho patético que a turminha do lacre passe pano segundo QUEM fala e não do que se fala, mas hoje em dia é assim. Depende mais de qual “lado” você está: se está do lado certo pode falar e fazer qualquer bosta que não vai ter consequências.

    • Ele responde a processos por agressão contra mulher sim, mas não tenho conhecimento se ele bateu nessa em específico.

  • >homofóbico
    >machista
    >racista

    Tudo isso é mérito para o brasileiro médio, eles se identificam e aplaudem essas atitudes. Morro de medo que ele vá para o segundo turno, mitômano e bom de lábia é capaz de dizer qualquer coisa para ser eleito, os outros candidatos ainda se preocupam minimamente em ter coerência mas ele não, e o BM burro como uma porta não percebe as contradições e vai acabar elegendo esse lixo humano se ele tiver tempo de televisão.

    • Eu concordo que o povo é ruim de detectar mentira, mas acho que quando querem vender algo tão discrepante, de alguma forma as pessoas sentem que tem algo errado ali. Não acredito no Ciro no segundo turno, felizmente o Brasil não é o Ceará.

      • Outro Anônimo

        Mesmo que eu sempre goste de minha “coleção” de literatura de cordel…

        Felizmente o Brasil não é o Ceará.

  • Se o Bolsonaro tivesse falado metade dessas coisas, já tinha sido banido da política.

    Como sempre, não é sobre o que se diz. Mas sobre quem diz.

    • Exato. Se você estiver do lado “certo”, pode falar e fazer o que quiser, que tudo será justificado.

      Estão dizendo que o jornalista que foi agredido, xingado e preso “provocou ele”. Sério, só mandando tomar no cu.

  • No caso do repórter, a imprensa além de não dizer um á para repudiar o que cirão da massa fez sequer contesta o fato dele ter culpado o cara! Ou seja, facada em um vira ataque causado pelas falas dele mesmo e soco com pedido de prisão em quem faz pergunta vira leve empurrão de quem provocou.

    Queria muito que este texto viralizasse em todas as redes sociais!!! Mas aí os adolescentes que querem sentar no colo do homão da porra (Eu li isso no Twitter) e as feministas (Sim, tem muitas defendendo o macho branco truculento) iriam vir aqui em peso encher seu saco.
    E quem vai votar nele conhece muito bem a personalidade do coroné, mas dizem que ele possui “níveis diferentes” de machismo, racismo e homofobia que o Bolsonaro.

  • Ainda bem que o Ciro tá despencando! Perdendo até pro Hadad (marionete do Lula na cadeia). Imagina uma pessoa que não tem um pingo de controle, bate e xinga geral na frente da câmera… Parece que ficou com inveja da Gleisi e resolveu competir quem fala mais merda. Sem dúvida, o pior de todos!

    • Ciro não consegue, ele transborda o que ele é. Se fosse mais esperto, menos mimadinho, talvez tivesse chances. Mas não, ainda por cima é daqueles toscos, burros, que sempre se impôs no nordeste via coronelismo. É um tosco, não vai conseguir se eleger se, depois de burro velho, ainda não aprendeu a pelo menos fingir que não é um coroné matador.

  • Sally… nem durmo pensando no cangaCiro presidente… (sorte que ele já está derretendo um pouco), mas conversando com retardados que votam no Cangaciro, estes defeitos aqui descritos são vistos como qualidades!
    Já ouvi: “ele fala as verdades”… “ele é autêntico”… “não é falso como outros políticos”.
    Não está fácil.

    • Ué, verdades o Bolsonaro também fala. Não tenho a menor dúvida que ele está sendo extremamente sincero. Vão votar no Poket por isso?

    • #AntiPartidarismo(s)2018

      …Comigo está parecendo igual ou pior : quase que nem durmo pensando nos muitos defeitos de quem vai vencer, seja quem for (!)…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: