Pilha na Fazenda: FINAL

Finalmente chegou o dia tão esperado. Finalmente chegou a data tão aguardada. A data onde eu voltarei a dormir uma quantidade de horas humanamente viáveis, a data em que nossa pauta de 2019 estará garantida, a data em que nosso herói vai se consagrar: a final da Fazenda.

A Record tentou fazer uma coisa alto nível. Tentou, do verbo não conseguiu. Um cenário de cartolina digno de Chaves e umas cadeirinhas de boteco abrigaram convidados, participantes eliminados e familiares dos finalistas. Mion estava com uma roupa que, puta que me pariu, Brokeback Mountain de Itapecerica da Serra. Pilha, como sempre, fantasiado de motoboy que te assalta no farol.

Lembram que ao longo do programa alguns participantes ganharam carros em provas e sorteios? Pois é, Mion anunciou que a porra do carro é um FIAT. Você via a decepção na cara dos infelizes. Dá logo um fusca, filhos da puta! Não, espera, um fusca custaria até mais caro. A tristeza foi tanta que a Annabelle simplesmente deu seu carro de presente para a Esquenta, ainda anunciou na frente de todo mundo que não queria não, que a Esquenta podia ficar com o carro. Que derrota…

Os finalistas foram chamados ao palco. A família de cada um deles os esperava. Quando o Pilha apareceu, tinha Linão mais duas pessoas que eu desconheço. Se era Dona Sylvia, eu não reconheci, tá de parabéns, emagreceu muito. Provavelmente não era, mas tenho certeza de que ela está em casa com o celular ligado, sendo uma boa mãe remota como sempre foi.

Como de costume, passaram uma retrospectiva da atuação de cada um na Fazenda, só que pela primeira vez eles puderam ver como estavam sendo mostrados ao público. E, mais uma vez, Mion anunciou que A Fazenda estavam nos Trending Topics mundiais, ou seja, Trump, a Rainha Elizabeth e Beyonce estavam todos sendo invadidos em suas redes sociais por esta excrescência. O Brasil, meus amigos, tem que acabar. Não tem outra solução.

Mion fez um “Vale a Pena Ver Direito”, fazendo humor com as cenas mais escrotas da Fazenda. Também anunciou que a Loira Paranoica vai ter um programa só dela na Record. Deu a palavra a ela para falar e ela, em vez de promover o programa, deu um baita esculacho no Smeagle dizendo que é um covarde que não representa os homens. Já deu, né meu anjo? Muda o discurso, esse já está exaurido.

Mion, com muito jeito, deu um totozinho no Aloíso Maguila. Mostraram a cena dele na festa dizendo que os diretores do programa armavam essas brigas todas e os participantes caíam na armadilha. Mion, com palavras muito mais sutis e educadas, disse que ninguém ali é retardado mental nem inocente, que quem briga, o faz porque quer, porque não tem controle, porque não tem educação. Brigar ou não é uma escolha pessoal de cada um sobre a qual a produção não tem qualquer poder. Toma que é de graça!

Quando Mion começou a anunciar o resultado, as perninhas do Pilha balançavam estilo Happy Feet. E olha que o terceiro lugar é conhecido de todos: Smeagle, com 1% dos votos. Mesmo assim estavam os três muito nervosos e ansiosos. Mion citou Rocky Balboa: “Nada nem ninguém vai bater mais forte que a vida”. Achei uma bela indireta pro Smeagle, que vai levar um pau aqui fora.

Mion fez um suspense desnecessário, todo mundo sabia que era o Smeagle. A tensão começou depois, quando sobraram João Snow e o Pilha. Eu já estava espumando, imaginando Sonião escrevendo mais um livro com o Pilha, narrando os detalhes da Fazenda. Sim, porque foda-se a Record, Pilha é contratado da Rede TV, terminado o contrato do programa, que dura poucas semanas após a saída, ele pode falar o que bem quiser, inclusive revelar os bastidores dessa porra toda.

Eu achei que a Record ia esticar o programa até as cinco da manhã, porque deve ter dado uma audiência do caralho, mas para minha surpresa Mion anunciou o vencedor antes da uma da manhã. Mion falava e o Pilha massageava o peito, estava vendo a hora ele ia ter um troço ali. Aí eu comecei a sentir dores no peito também. Felizmente era apenas o arame do sutiã me apunhalando, foi só abrir o fecho e tudo se resolveu. Só quem é mulher sabe a dor de quando o arame vaza pelo tecido.

Mion disse ao Pilha que ele chegou sendo um “Rafael Ilha Loucão” e sai reconhecido em uma redenção linda digna de filme de cinema. Não sei que tipo de substância o Mion está usando, mas o Pilha continua me parecendo loucão. Dormindo na grama, no meio das vacas, batendo boca com um tucano, conversando com passarinhos de gesso e coisas do tipo não denotam exatamente sanidade mental. É justamente por isso que a gente o ama.

O anúncio foi breve e certeiro: O VENCEDOR DA FAZENDA 10 É O PILHA! Venceu com 62% dos votos, João Snow ficou em segundo com quase metade dos votos. Eu comemorei, mas eu comemorei foi muito. Não apenas pelo Pilha e pela pauta garantida para o Desfavor em 2019 (é foda, gente, dez anos de postagens diárias, difícil pensar em assunto), mas por tudo que isso significa. O pêndulo virou, a era do mimimi, do lacre, do feminismo oportunista está morta. PILHA CAMPEÃO, PORRA!

Mas é óbvio que não encerramos o texto por aqui. Há algumas considerações a serem feitas. Antes de mais nada, meus mais sinceros parabéns para o Pilha, que aturou essa cambada de filhos da puta insuportáveis, que teve coragem de sair do politicamente correto, que teve a visão de que o pêndulo virou e pagou pra ver. Pilha, você é um visionário, você é a porta de entrada para uma nova era de gente grossa, deselegante porém sincera. Amo muito tudo isso.

Pilha, a gente sempre acreditou em você. Desde 2008 a gente faz uma cobertura da sua vida: você peida, a gente narra com o máximo de emoção e parcialidade que conseguimos puxar do fundo das nossas almas. Tá, ok, talvez eu não deva falar no plural, talvez o meu colega de blog te ache um maluco do caralho. Mas meu amor por você, Pilha, meu amor é verdadeiro. Amor de admiração, porque amo igualmente Linão, esta mulher maravilhosa que alimenta esse seu lado encantador que tanto nos diverte.

Agora para o resto…

CHUPA, CAMBADA DE FILHO DA PUTA! E agora vai ser nominal.

CHUPA Luane, sua escrota, seu bicho-preguiça estridente mal-educado incapaz de acertar uma concordância. Berrou com essa sua voz insuportável e seu português precário (já tinha condições de ter estudado) que se você saísse Pilha sairia logo depois. CHUPA FILHA DA PUTA, tá aí sem um centavo, vai ter que fazer presença VIP em lugar chumbrega em troca de 500 contos e em seis meses cairá no esquecimento. O Stronda, meu anjo, e eu tenho propriedade para falar, não gosta de mulher escandalosa, que evade privacidade e que se porta desse jeito baixo, vulgar e barato que você tem. Vais levar um pé na bunda em breve.

CHUPA Nadja, que passou semanas posando de putinha com o Pilha e, quando percebeu que o cara estava com a taça na mão (todas as enquetes disponíveis na internet apontavam uma vitória folgada), fez um vídeo dizendo que ela “permitia” que o Pilha ganhe. Filha, você teve seu momento, brilhou lá dentro, mas depois da expulsão a chama foi se apagando e hoje você não tem essa influência toda, se tivesse, quem tinha ficado na penúltima roça teria sido o Evandro. Você tentou jogar contra o Pilha e PERDEU. Grandes bosta sua torcida e grandes bosta ter um programa na Record com um marido que te mete chifre e que você maltrata em uma relação doentia de pacto casado de sofrimento.

CHUPA STRONDA, que disse que se fosse com o Pilha para a roça tinha certeza de que o Pilha sairia você ficaria. Stronda, tu não ganhou nem de um zé cu pouco popular, quem dirá do campeão da porra toda. Posa de politicamente correto mas chama a namorada do amigo de piranha, de vadia. Ficou tripudiando do Pilha ao vivo, dizendo que queria ir para roça “com o Chiuaua”, insinuando que o Pilha só latia. Latiu e te mordeu, seu cuzão, com o dobro da sua idade e metade da sua saúde venceu você em uma prova de fazendeiro, te jogou na roça e te eliminou. Ainda periga ficar surdo com essa insuportável que você achando que namora.

CHUPA GABRIELLE, com dois LL, que compõe perfeitamente com a sua vulgaridade e promiscuidade. Você é socialmente rejeitadíssima, achava o Pilha desprezível e, veja você, o Público ama ele, ou seja, reprovou com força sua postura, seu caráter, seu baixo nível e seus barracos. Bêbada, decadente, feia (parece o Eduardo Sterblitch de batom), está no terceiro reality e continua uma retardada emocional, uma ególatra, uma besta infantilizada com bem nomeou nosso Pilha. Até o amigo do seu namorado te chama de puta, vadia, vagabuna. Você é uma pessoa autodestrutiva, extremamente angustiada e que precisa estar o tempo todo criando confusões histéricas e neuróticas para dar vazão a isso. Seu futuro é um hospício ou depressão em uma cama.

CHUPA CAÍQUE, você e seu pedigree tiveram 1% dos votos. Família rica? Sobrenome tradicional? Não adianta de nada, o Brasil te odeia. Você é um moleque sem caráter que nem ao menos tem a noção de que suas atrocidades não são aceitáveis. Vai viver de fazer merda e arrumar motivos para justificar isso, vai morrer figurante da Praça é Nossa. Você não tem a mínima noção de certo e errado, de limites e de ética. Você envergonhou sua família. Grandes merda ter chegado na final pagando este preço absurdamente caro, comemora, otário, afinal, só teu ego te interessa. A vida vai se encarregar de você, sem papai e mamãe, que não são imortais, teu destino é a mendicância.

CHUPA ANA PAULA, fazendo carreira de fodida. Expulsa do BBB, saiu toda mijada (sim, ela tinha se urinado nas calças depois de um porre), toda molambenta, escorraçada. Foi dar a volta por cima e saiu escorraçada pelo público, com fama de insuportável, metida em barraco, confusão, baixaria. Agrediu fisicamente a Vida no camarim, antes da festa de terça, agrediu verbalmente meio mundo, tem uma arrogância típica de mecanismo de defesa, uma supercompensação por ser um zero à esquerda, uma sustentada que, com 40 anos na cara, não conquistou nada sozinha na vida. Teu futuro é muito preocupante, já vai enfiando essa sua arrogância no cu, porque a vida e a Vida vão te dar uma lição.

CHUPA PERLLA, que esculhambou o Pilha mas foi detonada publicamente pelo próprio marido por sua postura dentro do reality. Mulher de malandro, de jogador de futebol, fazendo coisas duvidosas no palco (e no camarim) como sustento de vida mas, nas horas vagas, evangélica, frequentadora de igreja e casada com pastor. Funkeira dando lição de moral e ética para o Pilha, um homem do qual não se tem notícia nunca, em tempo algum, de ter feito qualquer coisa minimamente incorreta com sua esposa. Vai rebolar de calcinha pro Chulapa ver e vai cuidar dessa sua pele que tua cara parece um Chokito.

CHUPA CHULAPA, que também esculachou o Pilha e aproveitou para se dizer correto. Correto? Pai de família que bebe todo o dinheiro, ostenta que enche os cornos como uma coisa super foda e depois fica todo fodido endividado porque ficou se encachaçando? Isso com uma esposa grávida em casa? Na minha terra isso não é correto, é muito do errado. Conhecido pelas putarias notórias que fazia quando era jogador agora vem querer posar de bom pai de família? Em vez de gastar em bebida, deveria ter gastado em educação, em se instruir, quem sabe assim conseguiria concluir uma frase com propriedade.

CHUPA TODO MUNDO QUE FICOU FALANDO DE “CORAÇÃO”, “Ain, eu sou muito coração”. NÃO, NÃO SÃO. São uma cambada de filho da puta que não tem cérebro, portanto, não tem competência para fazer as estratégias pilhais e por isso ficam desdenhando dizendo que são “coração” para parecer que são bonzinhos. Coração ali ninguém tem, todos fizeram coisas absurdamente escrotas e incorretas.

O pêndulo virou, cambada de filhos da puta. Posar de bonzinho, de politicamente correto, de lacrador, agora gera escorraçamento e rejeição social. NÃO COLA MAIS. Vivemos em um mundo onde as pessoas abominam tanto isso que preferem até o Rafael Pilha. Estamos em um Brasil onde, no mesmo ano, pessoas votaram em Jair Bolsonaro e em Rafael Pilha. Conseguem sentir que o pêndulo virou?

E fica o aviso para todos, mesmo pessoas que são legais de coração mas que aprenderam a ganhar um biscoito aqui, outro ali, eventualmente, fazendo o politicamente correto, posando de bonzinho. Vai levar tijolada na boca. Passem a ficar na verdade. Não é preciso se mal-educado para dizer a verdade, é possível dizer verdades com toda a educação do mundo. Acabou a era de fazer joguinho social, se vocês insistirem, ainda que esporadicamente, cedo ou tarde serão trucidados. Vai na nossa que a gente tem acertado as previsões.

Pilhão, meu anjo, minha eterna pauta, meu herói: confio em você. Você sempre entregou mais do que eu esperava. Agora você está com um milhão e meio mais uns trocados no bolso. Espero que em 2019, devidamente municiado da verba necessária, você nos alegre com seus grandes feitos e nos proporcione as pautas maravilhosas com as quais vem nos contemplando desde 2008, no início deste blog, que monotematicamente vive de falar de você.

Toda a privação de sono, todas as reclamações, tudo valeu à pena. Essa vitória é sua, só sua, Pilhão, mas nós temos orgulho de ter contribuído de alguma forma, ainda que mínima, para o seu sucesso. Desfavor irá com você onde você for.

Com licença, vou dormir e só acordo em 2019.

Para dizer que está muito feliz por essa merda ter acabado, para dizer que está muito feliz em ver o Pilha com infraestrutura para aprontar ou ainda para dizer que o lado bom é que nunca mais cobriremos uma Fazenda na vida agora que o Pilha participou dela: sally@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Etiquetas: ,

Comentários (29)

    • Nossa, parece que ela está com depressão por causa disso. Vi alguns sites noticiando até tentativa de suicídio.
      Não sei como ela não percebeu que essa relacionamento não tinha futuro algum. Sempre achei eles incompatíveis em todos os sentidos.

      • Eu não sei se quem está em depressão e vai se matar fica alardeando isso em redes sociais e, NO DIA SEGUINTE, posta “mimos” que recebeu de lojas…

  • Acho essa sua imagem de pendulo inadequada. Um grande spray de merda rotatório talvez descreva melhor os nossos tempos.

  • AEEEEE PORRA!!! O pêndulo virou e o Pilha é o campeão mais outsider de todos os reality shows.

    Eu fiquei impressionado com o Pilha. Que ele renderia entretenimento, isso eu não tinha dúvida. Mas não esperava que ele se mostrasse um jogador tão inteligente e capaz. Teve sorte? Teve. Especialmente quando a favorita, que era uma aliada sua, foi expulsa. Mas não tira os méritos do Pilha, muito pelo contrário. A sorte favorece as mentes bem preparadas.

    Você Sally, que é especialista em Pilha, já esperava que ele fosse ser um jogador foda assim ou se surpreendeu também?

      • Mas não é só essa questão da manipulação, embora ele tenha conseguido fazer isso sem se queimar, coisa rara nesse tipo de programa. Ele fez uma leitura do jogo muito assertiva, não só lá de dentro, mas de como estava a repercussão dos acontecimentos aqui fora, e acho que baseou nisso muitas de suas decisões e formas de agir. Tanto que não foram poucos os comentários de pessoas que desconfiavam que ele estava recebendo informações privilegiadas da produção, rs. E ele teve, na medida do possível, um autocontrole admirável, que foi essencial pra que não acabasse se perdendo. Eu tinha fresca na memória a participação dele no PC, excessivamente nervoso, surtando, quebrando parede no soco etc. Não conhecia essa faceta dele e surpreendi demais.

        • Sim, leitura de jogo ele teve de sobra. Mas acho que controle, nem tanto. Destratou demais o Evandro, que, em tese, era seu amigo, falou mal de todo mundo e foi grosseiro com quem estava sendo educado com ele. Mas, felizmente seu carisma magnético compensou tudo isso!

          • Claro, ele se excedeu várias vezes, em algumas ocasiões de forma muito desnecessária, como no esporro que deu no Evandro ao voltarem da prova que formava a última roça. Outras vezes isso foi até benéfico pra imagem dele, repercutiu bem devido às circunstâncias e porque ele tinha razão (como quando abandou aquela dinâmica chamando todo mundo de pau no cu e alegando que só fariam demagogia). É que minhas expectativas eram as “piores” possíveis nesse sentido, afinal Pilha é Pilha né? Confinado durante 3 meses sob condições potencialmente muito estressantes então…

            • Ele mandou a Perlla, que é evangélica e casada com um pastor ir dar meia hora de cu, por exemplo. Se fosse nos tempos do lacre e do politicamente correto, teria sido eliminado depois disso…

  • Antigamente o R7 disponibilizava os episódios completos da Fazenda. Eu lembro que, as vezes, não conseguia ficar acordada até tarde e assistia no dia seguinte.
    Agora só colocam uns vídeos curtos e com propagandas longas no início desses vídeos. Um porre.
    Vou sentir muita falta das suas narrações hilárias.
    Sério mesmo que ano que vem não teremos cobertura da Fazenda?

    • Agora eles tem um sistema pago, o Play Plus, por isso não mostram mais nada. Olha, a menos que o Somir entre na Fazenda no ano que vem, nao acho que a gente faça uma cobertura não

  • Sally, estou rindo muito aqui. Quer dizer que o herdeiro com pedigree recebeu apenas 1% dos votos? Imagino a surpresa que ele deve ter sentido quando ficou sabendo.
    HAHAHAHAHAA
    Deve ter sido um golpe muito duro para as escandalosas oportunistas a vitória do Pilha. Realmente, quem lacra não lucra. Ainda bem pois lacradores, além de hipócritas barulhentos, são INSUPORTÁVEIS!

  • Imagino a cena: a Sally de pijama no sofá, com olheiras, cansada, bocejando, suspirando enfadada por causa de tudo o que já teve que agüentar vendo esse programeco… Até que anunciam o Pilha como o grande vencedor da Fazenda. Súbito, ela esquece tudo, se levanta num salto, levanta os braços e vibra loucamente como se tivesse acabado de marcar um gol numa final de Copa do Mundo. Animada, chega a colocar para tocar “We Are The Champions”, do Queen – pra fazer um link com os textos de ontem e de terça-feira – e danem-se o horário e os vizinhos reclamando! Com tanta empolgação, Sally não resiste e canta junto o refrão segurando o controle remoto da TV como se fosse um microfone. Seu rosto se ilumina com um sorriso radiante de pura satisfação! Logo, porém, sua expressão se torna diabólica quando aparece na tela imagens dos outros participantes, dos quais nossa argentina favorita debocha impiedosamente com os dedos médios das duas mãos em riste e soltando um “decime qué se siente” para cada um. Aí ela pára um pouquinho e se lembra de que os derrotados no programa não podem vê-la nem ouvi-la… Mas não importa. O importante é celebrar a glória pilhal e tripudiar daqueles que não puderam com o Mártir Transcedental da República Impopular do Desfavor!

  • Boa noite! hahaha!

    Mas sei lá… agora que ele tá rico será que vai aprontar? Porque ele tinha ido ao paraguai para trazer umas muambas né…
    Ah eu quero saber dos enfeites de passarinho! Será que ele deixou lá ou botou na mala? Tem que ter levado, Pilha esses passarinhos falam com você!

  • Se depois de ter aturado 54 postagens sobre essa bagaça o Pilha não ganhasse, acho que todo mundo ia ficar putaço! Nem vcs conseguiam fazer esse programeco ser aceitável, mas eu lia só de masoquismo mesmo. O Pilha é foda, tenho que admitir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: