Retrospectiva bizarra: Fevereiro 2019

Como o último dia de fevereiro foi monopolizado pelo nosso querido leitor C.U. e o começo de março pelo nosso querido Pilha, resta falar do compilado de bizarrices ocorrido neste mês agora. Como performou a ciência? E a sociedade, como está evoluindo? Conheçam aqui um resumo do que aconteceu de mais bizarro no mês de fevereiro. Todas as notícias citadas podem ser encontradas com os respectivos links na nossa coluna A Semana Desfavor. Não vamos citar nomes por acreditar no direito ao esquecimento, mas é facilmente averiguável no Google.

Vamos avaliar os progressos científicos. O que a ciência anda estudando? O que ela descobriu? Como isso pode melhorar a vida da humanidade? Fezes especiais. Descobriram que alguns de nós tem fezes sensacionais, com uma microbiota fecal excelente que ajuda a tratar outras pessoas com infecções: basta tirar as fezes da bunda da pessoa abençoada e colocar na bunda da pessoa doente. O transplante fecal acaba de ganhar uma estrela.

E por falar em fezes, utilizaram fezes de peixes para criar um novo tipo de maconha “ecológica”, cujos efeitos são mais fortes. Boa sorte tentando beijar alguém depois de aspirar bosta de um animal que, por si só, já fede. Também criaram um porco extremamente forte, apelidado de “Frankesuíno”, para agradar o consumidor que quer comer carne de porco, mas quer fazer dieta. Graças à enorme quantidade de músculos, o porco tem menos gordura, o que o deixa mais saudável. O bicho, que parece a Gracyanne Barbosa de quatro.

Cientistas também testaram se a maturação dos queijos ao som de música afeta sua qualidade. Meio mundo tá morrendo de doenças? Sim, claro, mas talvez agora tenhamos um queijinho mais gostoso, não seja egoísta. Também pensando no sabor, físicos criaram um “colisor de almôndegas”. Não, não me pergunte. Para finalizar, cientistas desenvolveram uma camisinha que colhe dados sobre o desempenho do homem e envia, em tempo real, para um aplicativo do celular. Sexo vai virar um grande gráfico de Excel, parabéns aos envolvidos.

E a prestação de serviços pelo mundo, como anda? Muito mal, obrigada! Encontraram um escorpião dentro de um avião, que deu um passeio por entre os passageiros depois que as portas estavam fechadas. Nos EUA, não no interior, mas em Nova Iorque, foi feita eutanásia no paciente errado, por engano. Um bancário que havia pedido demissão acho oportuno ir trabalhar no seu último dia vestido de homem aranha. Em uma partida de basquete da NBA um morcego invadiu o estádio e, ao que tudo indica, torcedores acabaram contraindo raiva. Tá fácil?

Uma mulher descobriu que passou 11 anos com um DIU dentro dela, que seu médico havia assegurado ter “caído”. Uma empresa chinesa colocou à venda uma água de coco que promete aumentar os seios. Uma mocinha estava de férias em uma ilha grega, tomou um drink e acabou perdendo a visão, por uma substância que a bebida continha, que não deveria estar lá. Um piloto de avião se desviou um pouco da rota prevista para deixar seu recado: escreveu no céu, com a trajetória da aeronave: “estou entediado” e ainda desenhou dois pênis. O mundo está colapsando.

Foi lançada a ideia do “Afroconsumo”, uma iniciativa brasileira que sugere que negros comprem apenas de pessoas negras. Qual é mesmo o nome que se dá quando você deixa de contratar uma pessoa ou um serviço por causa da cor da pele do prestador? Também foi criado um Uber do Cocô, que recolhe as fezes do seu pet na rua por você. A pessoa marca no gps do celular o lugar onde seu pet cagou e um funcionário desta maravilhosa empresa vai e limpa, porque afinal, é muito duro ter que se responsabilizar pelas suas tarefas da vida adulta.

Vamos analisar a maternidade, essa bênção? Toda a explosão de alegria e realização infinita de amor incondicional que é ter um filho! Como andam as mamãe pelo mundo? Você não vai querer saber… mas eu vou te contar. Começamos pelo modismo de “bolo de parto realista” para festas de gestantes. Sim, alguém achou que um bolo que simula uma vagina esgarçada e um bebê saindo de dentro despertaria a fome dos convidados. Sim, tem gente comprando.

Mas as mamães brilharam mesmo foi no cuidado com seus anjinhos de luz. Todo o cuidado, zelo e carinho começa até mesmo antes do nascimento: uma mulher se recusou a induzir o parto, confiante de que a natureza sabe o que faz, e matou seu filho: após 45 semanas de gestação, o bebê nasceu morto, graças à demora. Outra mamãe brilhante declarou publicamente que tem cinco filhos e que nenhum foi ou será vacinado, pois eles são protegidos por Jesus. Uma mãe sempre sabe o que é melhor para seu filho, não é isso que dizem? Pois pensem melhor antes de dizer.

Uma mamãe foi presa após sua filha de quatro anos passar mal na escola. O motivo pelo qual a criança passou mal? Uso de cocaína. Outra mamãe indiana acorrentou sua cria à parede, pois precisava sair de casa. Eu não faço isso nem com cachorro, mas o que eu sei? Eu não tenho filhos, não posso falar, não é mesmo? Não é meu lugar de fala, então, continuo no meu lugar de deboche, pois para esse não há requisitos.

Na Bahia, um papai deu refrigerante com cachaça para uma criança de um ano e o bebê entrou em coma alcoólico. Ainda no Brasil, uma mamãe atirou seu bebê da janela de um prédio pois não queria que os outros saibam que teve um filho. Na Rússia, uma mamãe deixou seu filho de seis anos amarrado em uma árvore por horas do lado de fora da casa, em um frio do cacete, com a intenção de exorcizá-lo.

Mãe é mãe, não importa a idade do filho. Uma mãe foi presa por importunar ostensivamente pessoas na tentativa de desencalhar seu filhão. Uma mamãe russa sofreu graves ferimentos na cabeça após bloquear outra mamãe em um grupo de whatsapp. Obesidade infantil foi declarada como uma epidemia global, meus mais sinceros parabéns para papais e mamães sem tempo que entopem os filhos de comida congelada e outras porcarias.

Pai é quem cria, certo? Nada mais justo do que citar eles também. Na Russia, um menino foi enterrado vivo na neve pelos seus guardiões por não ter decorado versículos da Bíblia. Ainda na linha “Pai é quem cria”, em Manaus um homem teve um filho e tatuou o nome do filho em letras garrafais nas costas, para depois descobrir que o filho não era seu. Para finalizar esta reunião de pessoas sensatas e amorosas, uma mulher reclamou de uma mãe amamentando de forma ostensiva em um local público e levou um jato de leite na cara. A raça humana faliu, é preciso resetar e começar novamente.

Os animais também brilharam no mês de fevereiro. Uma australiana foi ao banheiro e, no meio do ato, foi picada na bunda por uma cobra que estava escondida dentro do vaso. Cientistas encontraram um pendrive com fotos familiares nas fezes de uma foca. Chimpanzés passaram a perna nos humanos, criaram uma ponte com troncos, camuflaram a rota de fuga e fugiram de um zoo.

Ursos polares famintos invadiram um arquipélago na Rússia roubando a comida do local. Vacas famintas invadiram um supermercado na China, comendo todos produtos a causando um baita prejuízo. Mas nem toda mordida é de fome, uma modelo estava fazendo fotos sensuais em uma ilha paradisíaca quando… foi mordida na bunda por um porco. Uma baleia jubarte foi encontrada morta em uma zona de mata, muito distante da praia e ninguém sabe ao certo com ela chegou lá.

No mundo dos crimes e violações também tivemos eventos curiosos. Uma pessoa foi detida por estar dirigindo bêbada e… sem pneus no carro. Agora são os paparazzi que estão processando celebridades e fãs, por postarem fotos que eles tiraram e, portanto, detém direitos autorais. Em Paris, uma mulher estava enfurecida com os vizinhos, que escutavam música alta, e resolveu o problema ateando fogo no próprio prédio. Sinceramente? Não julgo.

A mãe natureza não parece feliz. Frio de – 58° nos EUA. Neblina tóxica obrigou Bangcoc a fechar 400 escolas. Em Malta, um estranho fenômeno fez peixes caírem (vivos) dos céus na cabeça de moradores locais. Uma cidade russa ficou coberta de neve… verde. No Rio de Janeiro, em um mesmo dia, houve sensação térmica de 53° e chuva de granizo. Uma tsunami de gelo foi registrada e um lago entre os EUA e o Canadá

O jovem, ele tem que acabar. E de fato, está nesse caminho. Um estudante morreu após comer um macarrão preparado cinco dias atrás que ele não guardou na geladeira. Uma nova doença mental se propaga entre jovens do mundo todo: muitos deles não conseguem mais se olhar no espelho sem os filtros do Instagram sem sentir um profundo mal-estar, pois não se reconhecem.

A violência contra a mulher está demais, inaceitável. Esses machos agressores, stalkers, estupradores, opressores! Até quando? Vamos às notícias… Uma mulher tentou matar seu marido com uma espada samurai, depois de descobrir que ele estava usando o Tinder. Uma mulher foi processada por perseguir e enviar mais de 159 mil mensagens a um infeliz com o qual havia saído uma vez.

Uma câmera de segurança registrou um rapaz com deficiência mental sendo abusado por uma mulher em Manaus. Uma americana foi condenada a 40 anos e prisão por fazer sexo com um menino de 6 anos. Uma idosa foi condenada por matar o marido. O motivo? Ele fez xixi nas calças.

O depoimento de um inglês comoveu o mundo: ele contou com detalhes como ficou preso a um relacionamento com violência doméstica sistemática e prática recorrente de jogar água fervendo nele, por medo de morrer, já que cada vez que ameaçava se separar, a mulher ameaçava caçá-lo e mata-lo. Uma brasileira que namorava um holandês, o esfaqueou e o largou no meio da estrada, confessando o crime depois, alegando que deu um beijo e pediu desculpas após a morte. No Mato Grosso, jovem é presa após manter o marido em cárcere privado. Mãe e filha matam cinco membros da família nos EUA. MORTE AO PATRIARCADO OPRESSOR!

O ser humano continua estranho e inconvivíel. Nos EUA, um casal foi expulso de um avião por causa do mau odor que exalavam, após inúmeras queixas dos passageiros. Obviamente eles negaram e atribuíram a expulsão ao preconceito. Noivos pedem divórcio minutos após se casarem, por causa de uma briga sobre a comida da festa de casamento. Lésbicas divulgam que não é necessário ir ao ginecologista pois sexo entre mulheres “não passa doença”. Uma mulher viralizou ao ser vista raspando as pernas na garupa de uma moto em movimento. Uma pesquisa mostrou que boa parte dos torcedores ingleses pensam em seus jogadores de futebol favoritos quando estão fazendo sexo.

Um indiano está processando os pais por não ter dado consentimento para nascer. Um pescador usou um filhote de tubarão como cachimbo e se filmou fumando no animal. Uma nova moda da internet é cobrir os testículos do seu animal de estimação com glitter e tirar foto. Um apresentador de TV americano afirmou não lavar as mãos há mais de dez anos, pois não acredita na existência dos germes. Uma americana se casou com uma boneca zumbi.

Uma das principais defensoras/organizadoras do movimento Mee Too teve o filho preso por acusação de agressão sexual e parece não ser mais tão radical depois disso. A maldição musical “Despacito” bateu um novo recorde de visualizações no YouTube. Um russo chegou ao hospital com uma faca cravada nas costas, mas antes de ser atendido, fez questão de sair, ainda com a faca nas costas, para fumar um cigarrinho.

O Brasil sempre nos brinda com novidades exóticas em matéria de comportamento. Renan Calheiros acusou uma repórter da revista Veja de tê-lo assediado e disse que um de seus aliados “a namorou com um membro mecânico”. Decoro, postura, ética. Nas eleições para Presidente do Senado, o Senador responsável pela fiscalização teve que sair mais cedo. O motivo? Estava preso em regime semiaberto e precisava voltar para a cadeia.

Uma cantora encheu suas redes sociais de fotos da sua bunda e declarou que mostrar a bunda é um ato político. A Disney, quem diria, desmentiu o governo de Brasília, que andava divulgando a possibilidade de um parque temático lá. Disse com todas as letras que, não, obrigada, não tem a menor intenção de construir parques no Brasil. Uma pena, tem tantos patetas…

Enquanto isso, um grupo de Deputados quer proibir métodos contraceptivos. Após um temporal no Rio, um casal se aproveitou de uma árvore caída que fechava a passagem e resolveu cobrar pedágio: eles levantavam a árvore para quem pagasse, de modo que a pessoa conseguisse passar.

Mais um vídeo maravilhoso do Fábio Assunção muito doido vazou na internet. Desta vem, em vez de chamar o Tenente, ele berra para chamar o Gerente, enquanto fuma vestido feito um mendigo dentro de um supermercado. Os mesmos que sacanearam a facada do Bolsonaro, chamaram Aécio Neves de cheirador, tripudiaram da tentativa de suicídio da Damares, fizeram piada das loucuras do Rafael Pilha e riram da deficiência física do Cerveró, agora dizem que é errado fazer piada com o Fábio Assunção. Felizmente estas pessoas não apitam mais nada e ele já virou máscara de carnaval.

Alexandre Frota nomeou seu personal trainer para um cargo em seu gabinete na Câmara dos Deputados. Diplomatas (não muito diplomáticos, pelo visto) brasileiros trocaram socos e chutes em uma briga no aeroporto da Bolívia. Uma influencer brasileira foi indiciada no Canadá por jogar uma cadeira do 45° andar. Um Prefeito obrigou a todos os funcionários da Prefeitura a assistirem ao show da sua noiva cantora.

Um Secretário de Segurança, cujo sobrenome era Carvalho, teve sobrenome trocado por Caralho, em placa inaugural de cabine da PM no Rio de Janeiro. Gleiso Hoffmann está firme na campanha Bolsonaro 2022 e criticou ajuda humanitária à Venezuela, um absurdo mandar comida para quem está morrendo de fome! Uma mulher ficou com os peitos presos na porta de um vagão de metrô no Rio de Janeiro. Por falar em transporte público carioca, foi decretado que TODOS os assentos serão preferenciais. José de Abreu se decretou Presidente do Brasil.

O Brasil, mais precisamente o CADE, está atravancando uma fusão milionária entre a Disney e a Fox. O negócio de 290 bilhões de dólares não foi realizado ainda porque o CADE não quer aceitar. O executivo encarregado das negociações teve que adiar sua aposentadoria para tentar convencer o único país que ofereceu obstáculos ao negócio.

E março já começou bem bizarro, esperem por mais no final do mês!

Para dizer que esta coluna te diverte e te deprime ao mesmo tempo, para dizer que o ser humano vai extinguir o ser humano ou ainda para dizer que não se sente mais tão estranho: sally@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Etiquetas:

Comentários (28)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: