Top Des: 22/12/2019

SALLY
E, no final das contas, como sempre, nenhum dos lados tinha razão.
SOMIR
Achei inclusivo: quis agir como homem, apanhou feito homem.

SALLY
Não prestou queixa nos EUA e permitiu que ele seja liberado. Depois reclama da impunidade do agressor.
SOMIR
“Não, seu policial, eu só queria fazer o post no Instagram mesmo…”

SALLY
Foi mal, vocês não conseguiram mudar o mundo.
SOMIR
Quando Silvão morrer, leva as bolas da TV junto.

SALLY
Quando eu parar de rir tento comentar…
SOMIR
Colocar uma câmera no quarto da sua criança conectada à internet: o que pode dar errado?

SALLY
Sugiro que os ofendidos boicotem os livros dela, isso vai ajudá-los a se tornarem mais adultinhos.
SOMIR
Quem com lacre fere, com lacre será ferido.

SALLY
Não esperava nada diferente de quem foi advogado do PT.
SOMIR
As empresas estava movimentando a economia dos três poderes.

SALLY
Mais uma reunião que poderia ter sido um e-mail.
SOMIR
É mais barato comprar um ar-condicionado.

SALLY
Chama o hacker da notícia lá de cima…
SOMIR
Aposto que venderam a criança para pagar a multa. Se não, deveriam.

SALLY
Vamos comemorar, poderia ter sido Fuleco ou Samba.
SOMIR
E por incrível que pareça, as outras sugestões eram ainda piores…

SALLY
E ai? A criança voltou?
SOMIR
Bom, se começar um apocalipse zumbi, já sabemos a paciente zero.

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Comentários (18)

  • Avatar

    Carlos Massaranduba

    Eu achei ótimo que tivesse câmeras filmando. A vida masculina é isso: chamou pra porrada, tem que se garantir. Dar queixa é pra quem apanhou sem ter feito nada.

  • Legal que em vez de efetivamente reduzir a emissão de carbono a Turma da Greta está mais interessada em criar um “mercado de créditos de carbono”. Pode poluir, desde que pague pedágio…

  • Esse negócio da turma da bolha não conseguir entender como o Sílvio continua popular e com audiência mesmo ele sendo tão “problemático” me lembra a bolha do lacre do Reino Unido que acha que as eleições de lá só podiam ter sido compradas e manipuladas porque os tuítes do Corbyn tinham 50 vezes mais likes, retweets e respostas do que o do Boris Karloff.

    Mas enfim, quando o Silvão passar dessa pra melhor, o SBT vai virar um clone da Record.

  • Vou falar que dei risada dessa situação da J.K. Rowling.

    Pra quem tem uma vida e não sabe da saga dela nas redes sociais: pouco tempo depois do último filme do Harry Potter, quando a saga estava naturalmente ficando pra trás, ela decidiu apelar para aquela platéia que é expert em fazer barulho: a turma do lacre. Ela começou com a revelação de que o Dumbledore era gay, que o nome da Moaning Myrtle era Myrtle Elizabeth Warren, dizendo que o Hagrid tinha fetiche por usar fraldas, dizendo que a Hermione era negra, e em geral batendo palmas pra fãs que diziam que o Voldemort era o Trump.

    Até que ela soltou um tuíte deixando implícito que homens são homens e mulheres são mulheres. Pronto, a turma do lacre – incluindo aquela “imprensa” de tablóide digital surtou. E então, valeu a máxima: quem com lacre lacra, com lacre será lacrado.

  • Avatar

    Geraldo Renato da Silva

    No caso da mulher do jogador, fiquei sem entender. Era melhor ligar para a polícia do que fazer post em rede social.
    E os nomes dos planetas, agradeçam. Poderia ser nome de algum personagem de nossa rica história, daqueles bem lacradores, como Zumbi dos Palmares.
    E o nosso querido ministro do STF poderia ter ficado quieto, mas como sempre o passado petista fala mais alto.

    • Todas as mulheres agredidas esta semana foram fazer vídeo em rede social chorando e mostrando as marcas da agressão. É patético, é vergonhoso. Quem se porta como vítima e explora a violência sofrida sempre vai cruzar com algozes.

  • – Eu acompanhava a Karol Eller. Concordava com ela em algumas coisas, mas nesse caso aí não tem como defender. Mulher que quer pagar de louca chamando homem pra porrada tem que estar disposta a aguentar cada soco que levar. Igualdade é isso aí.

    – Opinião impopular: acho que a mulher desse goleiro ainda vai voltar pra ele.

    • A Karol mentiu. Deu uma versão culpando homofobia e se fodeu pois estava tudo filmado e não teve nada de homofobia. Isso é grave, tira a credibilidade de cada LGBT que realmente foi agredido. Feio, muito feio.

  • Eu li numa notícia mais recente, que ela/ele/elx foi quem puxou briga, foi pro banheiro, voltou cheirada na cocaína e deu o primeiro soco no cara. Agora ele vai processar por falso testemunho. Nada contra sapatão, mas agir feito homem é de cair o cu da bunda!

    • O problema maior, acredito, é mentir e dizer que foi agressão homofóbica. Passa a imagem de que sempre que o povo do alfabeto se mete em confusão usa essa cartada para se safar.

    • Nada, apenas mais uma pessoa mentirosa que usa o fato de pertencer a uma minoria para não assumir a responsabilidade pelo que faz e se vitimizar. Teve isso o ano todo, todos os dias…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: