É possível que você esteja com receio de ler este texto, assim como eu fiquei com receio de ler qualquer notícia ou comentário sobre o assunto: fique tranquilo, o assunto será abordado com o máximo de cuidado e com o mínimo de sadismo possível. Nada de radicalismos, nada de fotos, nada de vídeos e nada de detalhes excruciantes do que aconteceu. É só um convite à reflexão mesmo.

Continue lendo

O Brasil vive uma polarização política única em sua história, com muita gente pensando nos rumos desta nação e preocupada com o que pode dar errado. Medo de fascismo, de comunismo… não faltam ameaças na mente do brasileiro de um cenário terrível caso o outro lado tome controle. Já falamos aqui sobre os perigos de aceitar esse exagero ideológico, mas que tal falarmos sobre como este país é uma criança perto da maior parte dos outros, e uma das mais mimadas?

Continue lendo

Quem aqui não escutou um lamento sobre Fake News? Virou moda reclamar das Fake News e colocar a culpa de muita coisa nelas, como se fosse algo novo, recente e incontrolável. Meus queridos, “Fake News” é só um nome moderninho para a velha e boa mentira, propagada por qualquer fonte autorizada a falar sobre o assunto que supostamente tinha alguma credibilidade e a obrigação de se informar melhor. Não é nada novo, acontece desde que o mundo é mundo, só que antes não tinha essa histeria chata.

Continue lendo

No mundo dos jogos, os Non-Playing Characters (NPCs) são justamente o que o nome sugere: personagens que habitam o universo do jogo em questão, mas são controlados pelo computador e não por uma pessoa. Na grande guerra das memes da internet moderna, eles viraram motivo de banimentos em massa no Twitter e a fúria da turma do lacre nos EUA. Não entendeu nada? Melhor prestar atenção, porque logo logo chega aqui.

Continue lendo