Em 2016, os americanos chocaram boa parte do mundo elegendo Donald Trump para a presidência do país. Para muitos, uma piada ambulante reconhecida apenas pelas suas aparições na TV e grande patrimônio. Com uma campanha agressiva e discurso conservador de resistência à imigração, cativou o número suficiente de eleitores para conseguir o cargo. Dois anos depois, os brasileiros elegeram um deputado famoso por aparições em programas de celebridades e tomar processos por injúria e difamação para o cargo maior do poder executivo nacional, cuja campanha agressiva foi baseada num discurso conservador de resistência à violência urbana. E quanto mais o tempo passa, mais fica clara a intenção do brasileiro de copiar o que o americano faz…

Continue lendo

Graças ao Coronavírus o mundo mudou e mudará muito – e muito rápido. Vale a pena fazer uma reflexão sobre o assunto, pois quem não entender e se adaptar a esta nova realidade, vai passar por muito sofrimento. A regra é: desapegar de tudo que você sabia, conhecia ou aderia em matéria de conceitos sociais. Saiba desaprender para reaprender o que está por vir, pois o mundo, como o conhecíamos, já era.

Continue lendo

Vamos esquecer do Coronavírus por alguns minutos? Essa é boa demais para não virar um texto: a Marvel está fazendo o lançamento de uma nova revista em quadrinhos chamada New Warriors, com uma série de heróis lacradores, inclusive dois gêmeos chamados… Snowflake e Safespace. Não, não é paródia…

Continue lendo

Este texto vai parecer uma sessão de terapia no começo, mas eu prometo que se você resistir, existe um ponto para ser argumentado no final. Vamos lá? Eu comecei a ficar incomodado com casais formados por homens negros e mulheres brancas na mídia em geral. Filmes, séries, propagandas… onde quer que aparecessem, eu tinha a sensação de que algo estava errado.

Continue lendo