A temporada de caça às estátuas parece estar aberta. Nos Estados Unidos, o movimento iniciado nos protestos pela morte de George Floyd entra em nova fase, com diversos pedidos para derrubas estátuas que os manifestantes consideram glorificar racistas e genocidas, já com diversos sucessos. Na Inglaterra, a estátua de Winston Churchill teve que ser coberta com um caixão de metal para evitar a fúria popular. Estátuas de personalidades do tempo da colonização já começam a ser derrubadas na Europa. Mas… qual a lógica disso tudo?

Continue lendo

Confesso que me soa estranho que isso precise ser dito, mas, como vejo uma crescente de discurso mártir tomando conta de muitos brasileiros, achei melhor vir aqui reforçar: arriscar a vida de forma desnecessária não te faz um mártir, não te faz nobre, não te faz um herói. Te faz um idiota.

Continue lendo

Dia 25/05, o vídeo de um policial ajoelhado sobre o pescoço de George Floyd viraliza e ganha todas as manchetes nos EUA. Floyd diz que não consegue respirar, mas não é ouvido. A sua morte é o estopim de uma série de protestos que só aumentam desde então. Muitos americanos tomam as ruas das principais cidades, com suporte quase total da mídia e instituições em geral. Mas mesmo num consenso tão grande, as coisas não parecem convergir para nada muito prático… por que será?

Continue lendo

É tanta coisa acontecendo no Brasil que pouca gente falou sobre o que aconteceu ontem, dia 28: o governo americano lançou uma ordem executiva fechando o cerco sobre redes sociais que fazem checagem de fatos em postagens. Sim, é o Trump brigando com o Twitter, mas provavelmente sem querer, o presidente americano forçou um debate que precisávamos ter faz muito tempo…

Continue lendo

Negação é o refúgio das pessoas assustadas, com medo e sem estrutura para lidar com a realidade. Só tem um pequeno problema: em algum momento a realidade te pega pelos cabelos e esfrega sua cara no asfalto. É o que está começando a acontecer neste momento no Brasil. A proporção dos estragos causados pela pandemia do novo coronavírus começam a ser sentidos de forma inegável, pois começam a bater à porta de cada negador.

Continue lendo