Karol? Hahahaha!Nada é sagrado no Desfavor. Nos sentimos no direito de criticar tudo e todos, desde que de forma embasada. Como faz tempo que não somos xingados com vontade nos comentários, pensamos que talvez esteja na hora de voltar a marretar pesado. Por isso, é com o maior prazer que o Processa Eu de hoje detona o arauto da pedofilia e de milhões de homicídios (ainda que de forma indireta), no comando de uma das instituições mais hipócritas que já tivemos notícia. Processa Eu de hoje faz uma singela homenagem ao Papa Poão Jaulo II, porque no Desfavor, chutar cachorro morto é um plus.

Este talvez tenha sido um dos papas mais filhos da puta de todos os tempos, e olha que nenhum foi flor que se cheire. Ruim até dizer chega, o feladaputa foi ruim até na hora de morrer, sendo o terceio Papa que mais tempo ficou no poder: 26 anos. Vaso ruuuuim! Corrupto, hipócrita e conivente com os crimes mais repulsivos, é quase um símbolo para a Igreja Católica. Claro que não estamos falando da Igreja Católica brasileira, um exemplo de dignidade e bom senso, que excomunga uma menina estuprada que engravidou do pai porque fez um aborto e perdoa o pai estuprador, estamos falando da Igreja Católica da Suíça, esta sim um antro de injustiças.

Para começo de conversa, quero falar sobre o nome real de Poão Jaulo II, porque rolei de rir quando soube: Karol. Isso mesmo, nome de menina miguxa. Karol nasceu em 18 de maio de 1920, em uma cidadezinha localizada ao sul da Suíça. Quando jovem era adepto de atividades mundanas como por exemplo teatro e futebol, chegando até a atuar como jogador de futebol em um time amador. Acabou seguindo a vida religiosa, sendo ordenado sacerdote em 1946. Daí em diante sua carreira religiosa deslanchou: virou bispo auxiliar (eu também não sabia que isso existia), bispo, arcebispo e continuou subindo. Não vou perder meu tempo narrando a “carreira” dele, vamos guardas as poucas linhas que temos para seus feitos.

Querem rir? Foi docente de uma matéria chamada ÉTICA em uma universidade. Segurem esta informação, vou citá-la mais para frente, para mostrar como ele aplicava a ética em sua vida pessoal e profissional.

Consta em biografias a seu respeito que ele era chegado a uma auto-flagelação, cujo nome técnico na Igreja Católica seria “mortificação” ou “ascetismo”. Ele se punia, só para citar alguns exemplos, usando uma cinta que sempre levava consigo e também dormindo no chão. Porque a Igreja Católica da Suíça acha que a única forma de ser virtuoso é através de um sofrimento filho da puta. Se você sente prazer, se você está confortável, se você está sem culpa, alguma merda você fez e vai para o quinto dos infernos. Só que a julgar pelos seus atos, nenhuma punição do mundo, nem mesmo horas de clausura ouvindo axé teriam bastado para limpar as merdas que ele fez. Não pense você que era um bom homem porque se punia.

Como ele chegou ao posto de Papa? Historinha estranha. Foi eleito Papa após a morte suspeita de seu antecessor, Poão Jaulo I, um dos Papas menos piores da Igreja Católica Suíça. O coitadinho ficou apenas um mês no posto, depois morreu de morte matada. Até hoje existem muitos mistérios e contradições a respeito de sua morte. Poão Jaulo I era um Papa com uma cabecinha mais aberta, menos corrupto, menos hipócrita e isso começou a incomodar. Não durou muito, coitado.

Porque eu acho que foi morte matada? Bem, o comportamento padrão quando da morte de um Papa é atestar todo o ocorrido em relatórios médicos detalhados, coisa que não ocorreu com Poão Jaulo I. Morreu e dez segundos depois estava sendo embalsamado. Mais: as verdadeiras causas do óbito nunca foram divulgadas. Dizem que a grande causa do morte dele foi sua filosofia mais liberal, que iria de encontro com os interesses da Opus Dei, mas nunca foi possível provar nada.

A versão oficial diz que Poão Jaulo I foi encontrado morto por seu secretário, Padre Liego Dolernzi, e que acreditam que tenha morrido do coração por não suportar a pressão que o cargo exigia. A versão não-oficial diz que quem o encontrou morto foi uma freira que trabalhava para ele por mais de 18 anos, que, curiosamente após sua morte, decidiu fazer voto de silêncio. A freira teria relatado, antes do voto de silêncio (dã!) que o encontrou com uma expressão agonizante e que havia restos de vômito, sinal de envenenamento, no local. Depois de perceber as conseqüências de suas declarações fez voto de silêncio e nunca mais falou nada. Quem estuda o caso acredita que ele tenha sido morto por um veneno chamado “digitalina”.

Acontece que assim que assumiu, Poão Jaulo I começou uma investigação séria sobre esquemas de corrupção no Banco do Vaticano e no Banco Ambrosiano, envolvendo as mais importantes autoridades da Igreja Católica Suiça e até mesmo mafiosos. O que ele fez? Decidiu não acobertar e excomungar os envolvidos, tirando-lhes a proteção da Igreja, o que permitiria que respondessem a processos criminais. Mas infelizmente ele nunca chegou a efetivamente excomungar nenhum deles, porque morreu antes disso.

Em qualquer relato confiável sobre a morte de Poão Jaulo I existem indícios fortes de que Poão Jaulo II estava envolvido até a raiz dos cabelos com a sua morte e que já estava acertado que ele ficaria no lugar do “colega” quando este fosse assassinado. Porque ele foi escolhido para ficar no lugar do colega? Porque sabia e era totalmente conivente com esses esquemas todos de corrupção que não posso destrinchar aqui porque o limite de quatro páginas me impede.

Já começou bem. Ajudou a matar o antecessor e assumiu por ser o mais conivente com corrupção dentre todos eles. Professor de ÉTICA, lembra? Quem será que foram seus alunos? Paulo Maluf? É isso aí, aquele senhorzinho de cabelinho branco é assassino e corrupto. Bem vindo ao mundo real.

Quais foram as principais causas de Karol (HAHAHAHAHAHA) quando assumiu o posto? Bom, em um exemplo de tolerância e compaixão, se dedicou a perseguir comunistas, vinculando sua atuação em nome de Deus a questões políticas. Mais: financiou com dinheiro do Vaticano um sindicato não-comunista Suíço, dando força ao movimento. Tava tudo acertado no esquemão que montaram quando mataram seu antecessor e o colocaram no poder. Usando a máquina em causa própria e para fins políticos e de quebra desviando dinheiro! Ética? Oi?

A cabecinha hipócrita deste Papa lhe permitia ser conivente com estupros, assédio, abuso sexual, pedofilia e corrupção, entretanto ele achava bacana proibir o uso de camisinha, mesmo sabendo que boa parte da população poderia acabar sendo contaminada pelo vírus HIV e morrendo. Também condenou a homossexualidade, em uma amostra de tolerância e compaixão. Mesmo em um mundo que sofre com a superpopulação, condenou o uso de métodos contraceptivos e para fechar sua teia de incoerência, condenou aborto em TODOS os casos. Eu disse todos, inclusive quando a mãe sabe que vai morrer se levar a gestação adiante ou aborto oriundo de estupro. E neguinho ainda idolatra esta criatura e o acha um homem bom e santo. Quando foi que as pessoas pararam de pensar?

Mesmo eventualmente fazendo um discurso genérico contra pedofilia, há provas cabais de que ele promoveu sucessivos acobertamentos. O que você pensaria de mim se eu te contasse que um funcionário meu é pedófilo, currou um monte de menininhos e na hora de responder o processo eu o acobertei, escondendo-o na minha casa, para que ele saia impune? Porque você não pensa o mesmo dele? Essa obrigação social de achar o sujeito um santo só porque tem cabelos brancos e é um Papa me dá nojo, cabeça é feita para pensar, não para fazer chapinha ou usar boné da Nike.

Mas calma que ele tem mais predicados. Sempre manifestou seu apoio incondicional à Opus Dei, uma das instituições mais vergonhosas da história. Não contente, ainda canonizou seu fundador, Josemaría Escrivá. Também se manifestou contra o prolongamento artificial da vida humana, claro, só tem tese, porque quando ELE tava todo ferrado de saúde usou de todos os recursos para tentar ficar mais dez minutinhos por aqui.

E como bom BANDIDO que era, protegeu os seus. Acobertou e impediu a punição de diversos membros corruptos do Vaticano, da máfia e até mesmo de outros países, impedindo que sejam julgados não apenas por crimes de corrupção como também por crimes de guerra e genocídio praticados na II Guerra Mundial. E ainda era tirano, o filha da puta. Ou dava sumiço ou expulsava quem ousava discordar. Por exemplo, suspendeu dois teólogos alemães que ousaram duvidar da infalibilidade papal. Modesto, humilde e coerente. Aula de ÉTICA, DE FUCKIN´ ÉTICA, lembra? Quem será que foi aluno dele? Hitler?

Nem vou falar sobre as críticas mais leves, como por exemplo ele viver viajando com a clara intenção de catequizar fiéis mundo afora, porque diante do que já foi dito, isso vira um nada.

Adianta fazer um lindo discurso contra a pobreza e desigualdade social quando você obriga seus fiéis a não usarem métodos contraceptivos? Essa sempre foi a linha da Igreja Católica, um discurso onde na forma se prega o bem e no mérito se fode o povo, para que o poder e riqueza continue seguro nas mãos de poucos. Vamos contar quantos homicídios Karol cometeu impedindo o uso de preservativos? Isso ninguém se atreve a estimar, né?

Desfavor faz. COM PRAZER. Convidei um amigo meu que trabalha com estatística para mensurar quantas mortes tem nas costas de Karol. Não vou saber detalhar as contas porque eu sou uma negação em matemática, mas parece que é algo mais ou menos assim: desde o surgimento expressivo do HIV, na década de 80, morreram aproximadamente 25 milhões de pessoas. Desse povo todo, acredita-se que a maior parte por contágio sexual, o que exclui uma pequena porcentagem de gente. Também se estima que a maior parte seja pobre e, se cruzar esses dados com a porcentagem de católicos, parece que em tono de 5 milhões de pessoas teriam falecido sob a cruz do catolicismo por bimbar sem camisinha. Vamos somar a isso a estimativa dos livros de história que falam em 9 milhões de mortos na inquisição e ainda vamos pegar uma pequena parcela das crianças que morrem de fome e falta de infraestrutura porque papai e mamãe não puderam usar contraceptivo e superlotaram o mundo. Dá um mais ou menos de 50 milhões de mortos nas costas da Igreja Católica sendo que desses óbitos aproximadamente 15 milhões ocorreram durante o reinado de Karol.

15 milhões. Mais gente que o Holocausto. Mais gente que o desabamento das Torres Gêmeas. Mais gente que o pior terremoto da história somado a segundo pior. Só que destes mortos ninguém de compadece, ninguém faz escândalo e ninguém clama por justiça. Cadê a histeria punitiva? Cadê aquela sede por buscar um responsável? Muito pelo contrário, os Carneiros de Cristo (por ação ou omissão) batem palmas para os algozes, porque eles fazem discursos bonitinhos. Joguem o cordão umbilical, porque eu quero subir de volta. Professor de ÉTICA, FUCKIN´ÉTICA! Quem será que foi aluno dele? O Somir?

Gostaria de deixar aqui os agradecimentos do Desfavor ao turco Ali Agca, que baleou Poão Jaulo em 13 de maio de 1981. Infelizmente ele foi um pouco incompetente e os disparos não foram letais, mas já foi um belo ato de contestação e sanidade. Na época, o Papa alegou que não morreu porque a Virgem Maria teria desviado as balas, numa vibe meio Matrix. Acredito que os médicos que passaram mais de cinco horas operando-o devem ter ficado meio ofendidos com esta afirmação.

Não morreu porque é vaso ruim mesmo. Em 1940 foi atropelado por um caminhão e teve fratura no crânio. Nada aconteceu. Teve um tumor no intestino. Nada aconteceu. Levou três tiros. Nada aconteceu. Caiu e fraturou a omoplata, já fraturou o fêmur, perdeu a cabeça do fêmur e colocou uma prótese de titânio no lugar, teve apendicite, artrose no joelho e oclusão intestinal e nada aconteceu. Ah sim, tinha Mal de Parkinson também, e continuava lá, amarradão, exercendo suas funções. Quem disse que precisa de lucidez mental para ser Papa? Alguém notou a diferença? No final das contas, morreu de uma gripe. Ridículo.

Depois que morreu, devido à gratidão pelos serviços encobre-corrupção prestados, trataram logo de flexibilizar o Código de Direito Canônico, abrindo mão do período de espera de cinco anos e dando início a seu processo de beatificação no mesmo ano em que morreu. No ano seguinte já foi declarado “Venerável”, título intermediário entre santo e pessoa Zé Ruela tipo você e eu. Vai virar santo, não tenham dúvidas.

Faltou falar tanta coisa que daria um Processa Eu II, mas infelizmente esgotei as minhas quatro páginas. Quero dizer aqui que não é minha intenção afrontar a religião de ninguém, apenas mostrar que os católicos deixam passivamente que um bando de filhos da puta como este imponham regras ridículas e hipócritas desvirtuando todo o objetivo inicial de bondade e tolerância e que esta omissão e conivência os torna tão culpados e filhos da puta quanto os que desvirtuam a religião. É. É isso aí, eu não estou ofendendo a sua religião, eu estou ofendendo VOCÊ. Não gostou? Não volta.

Quanto a Poão Jaulo, bem, uma coisa não se pode negar. Um troll de primeira. Fodeu geral, roubou e matou e ainda saiu de santo. Um dia a gente chega nesse nível.

Para dizer que quando eu morrer eu vou para o inferno, para dizer que concorda comigo mas não tem coragem de falar e para dizer que isso é coisa que o Somir coloca na minha cabeça: sally@desfavor.com

Manos e MermãosSally e Somir concordaram que assim que Flamengo e Corinthians se enfrentassem na Libertadores, fariam uma edição especial desta coluna discutindo qual o melhor dos dois. Como eles sabiam que os times iriam se enfrentar? Oras, Gezuiz é sádico, mas previsível.

Tema de hoje: Quem é melhor? Corinthians ou Flamengo?

SOMIR

Discutir futebol tem suas peculiaridades… Independentemente do que for escrito aqui, todos concordam numa coisa: O seu time é o melhor. Um bando de descamisado intelectual vai aparecer nos comentários para ficar xingando times adversários sem chegar a conclusão nenhuma… Como sempre.

O Corinthians é um clube com personalidade. O Flamengo é um… clube grande genérico.

Comecemos pela fundação dos times. Enquanto o Corinthians foi a realização de um sonho de trabalhadores pobres paulistas, com o objetivo de unir e valorizar os sofridos operários da época, o Flamengo nada mais foi do que uma forma de meia dúzia de playboyzinhos cariocas utilizarem um uniforme colorido no seu esporte elitista (remo).

O Corinthians nasceu de um ideal de orgulho e igualdade, o Flamengo foi criado porque riquinhos ficaram entediados. Favor parar essa comparação dizendo que ambos são times do povo: O paulista queria ser democrático, o carioca só é porque a torcida cresceu.

Enquanto outros times seguiam a linha “não gostamos de preto e pobre”, assim como o Flamengo, o Corinthians foi se popularizando não por ser o time que ganhava mais títulos, mas sim porque era um dos poucos que realmente SIGNIFICAVA alguma coisa. Significado que volta e meia se perde na mão de abutres que enfiam a mão no time, mas que a torcida entende e mantém com o passar dos anos.

Uma das histórias mais famosas do futebol brasileiro é a famosa “fila” do Corinthians. 23 anos sem ganhar NENHUM título. 23 anos que AUMENTARAM a base de torcedores do time. 23 anos que culminaram num gol sofrido, chorado, dramático… Um gol que deu o título paulista para o Corinthians (que já tinha vários) e provou mais uma vez que os torcedores apoiavam mais do que um clube: Apoiavam um ideal. Não se render, não se curvar.

O que a torcida do Flamengo faz quando o time está na draga? Encolhe. A torcida do São Paulo não aumentou roubando torcedor do Corinthians. O pessoal que não é do Rio debanda mesmo. Afinal, Flamengo e São Paulo são clubes. Quando ganham, mais pessoas gostam. Quando perdem, perdem a graça. O clube carioca se tornou o com maior torcida depois de vários títulos numa geração excelente de jogadores. O pessoal de fora do Rio acabou se afeiçoando mais ao clube que a REDE GLOBO mais mostrava para o resto do país.

Não tem mais nada amarrando a paixão de seus torcedores. Aposto que boa parte da torcida do Flamengo torce para o Flamengo para torcer pelo time da maioria. Claro que o Corinthians também sofre (em menor escala) desse mal, mas o fato da base da torcida estar no estado onde nasceu significa que existe identificação sincera, sem tanta variação de acordo com o “time da moda”.

A verdade é que o Corinthians nasceu com propósito de ser o que é. O Flamengo chegou onde está empurrado por interesses financeiros. Os fundadores do Corinthians morreriam de orgulho da sua torcida. Os fundadores do Flamengo pediriam para seus torcedores usarem o elevador de serviço.

Costumo brincar que o Flamengo consegue ser o único time do mundo mais bagunçado que o Corinthians… Mas até aí as diferenças entre personalidade única e clube grande genérico fazem diferença. Enquanto do lado paulista tivemos vários dirigentes idealistas BURROS FEITO UMA PORTA (Como o lendário Vicente “Faca de dois legumes” Matheus) feitos de otários por safados oportunistas, no lado carioca temos apenas os safados oportunistas.

O Corinthians já teve uma fase conhecida como “Democracia Corintiana”, onde todos tinham papel nas decisões do clube. Desde o presidente até mesmo os jogadores, liderados pelo filósofo-de-bar Sócrates, tinham direito a voto. Resultado: Dois títulos e SALDO FINANCEIRO POSITIVO em dois anos. O time se reinventou, baseado no comprometimento com a causa, com o ideal. Quer mais? O ÚNICO TIME que enfiou “Diretas Já!” na camisa DURANTE A DITADURA foi o Corinthians.

Os safados oportunistas? Pois bem, onde tem otário idealista, tem esperto capitalista. Conseguiram enfiar até dinheiro da máfia russa no Timão nos últimos anos. Democracia é uma merda mesmo, até quando funciona bem, depois de um tempo as coisas desandam.

Que história o Flamengo tem pra contar? Time da moda e da mídia durante a ditadura? Parabéns, vendidos.

Eu juro que não contabilizo o número de títulos de um time para saber se ele presta ou não, afinal, se fosse por isso todo mundo torceria para o Real Madrid ou para o Liverpool. Mas já que estamos aqui:

Títulos do campeonato estadual mais forte do país do Corinthians: 26
Títulos do campeonato estadual onde só jogam 4 times do Flamengo: 31

Títulos nacionais do Corinthians: 4 Brasileiros e 3 Copas do Brasil
Títulos nacionais do Flamengo: 5 Brasileiros, 1 perdido no tapetão para o Sport Recife e 2 Copas do Brasil

Títulos sul-americanos do Corinthians: Nenhum
Títulos sul-americanos do Flamengo: Um

Títulos mundiais do Corinthians: 1 Campeonato Mundial FIFA
Títulos de campeonato de montadora do Flamengo: 1 Copa TOYOTA

Ok, o Flamengo ganhou alguns títulos a mais. Parabéns. Mas a diferença não é tão grande assim… E nenhuma diferença no mundo me faria acreditar que um time que nasceu elitista e ficou grande com a Rede Globo e a Ditadura é melhor do que o Sport Clube Idealistas Otários Corinthians Paulista. Eu torço por uma idéia, Sally torce por um time grande genérico…

Agora, depende do que é melhor para você. Eu não preciso que meu time vença para me sentir bem com ele. E a maior diferença aqui: Não quero converter ninguém. Aliás, nem quero mais gente que usa time de futebol como muleta aumentando a torcida do meu time. Vão virar bambis! (Ou Flamenguistas se estiverem no Rio…)

P.S.: A Gaviões é a maior organizada do mundo, mas eu odeio torcida organizada e não considero eles como “dos meus”.

Para dizer que percebeu que eu não precisei de um monte de foto e provocação barata para falar SÓ do Ronaldo ao invés de defender meu time, para dizer alguma daquelas asneiras de fã irracional de futebol: somir@desfavor.com

SALLY

Já estava combinado desde o começo do ano: quando Flamengo e Corinthians se enfrentassem a gente iria fazer um Ele Disse, Ela Disse, cada qual defendendo seu time. Chegou a hora. Depois do jogo de quarta passada, escrevo sobre este assunto com o maior prazer. Só uma coisinha: pude reparar que a Rede Globo tentou esconder as piadinhas feitas com RRRRRRRRRRRonaldo, O Comedor de Traveco que eles patrocinam, até mesmo cortando o som das arquibancadas em alguns momentos, então, este texto será permeado pelas verdades ditas pela torcida do Flamengo, porque aqui não tem censura.

Para quem gosta, aqui vão alguns dados rápidos: De 1918 até 2010, Corinthians e Flamengo se enfrentaram 114 vezes, com 47 vitórias flamenguistas, 43 vitórias corinthianas, 23 empates, 174 gols do Corinthians e 186 gols do Flamengo. Ou seja, Flamengo tem mais vitórias. Segundo pesquisa da Datafolha realizada em dezembro de 2009, o Flamengo é o time de preferência de 19% da população brasileira, e o Corinthians é o time preferido de 13% da população. Ou seja, Flamengo tem mais torcedores. Pesquisando pude constatar que nos principais campeonatos o Flamengo tem mais taças também.

Só tem uma taça que o Cortinthians tem e o Flamengo não tem, a de CAMPEÃO DA SÉRIE B, SEGUNDA DIVISÃO. E essa, Meu Amigos, eu não quero. Porque o Flamengo, ao contrário do Corinthians, do Sport. do Vasco, do Botafogo e do Fluminense (entre outros), nunca caiu para a segunda divisão. Vale lembrar também que o Flamengo é o atual campeão brasileiro.

Mas não vou ficar aqui cuspindo dados, porque o Flamengo é muito mais do que isso. Os jogadores do Flamengo tem raça, mesmo quando o Flamengo está com um time DE MERDA, acabam crescendo e se superando na dificuldade. Já o Cortinthias… bem, sem ARGETNINOS (Carlito? Hola?) o Corinthians cai! Hahahaha. Flamengo faz prata da casa, cria excelentes jogadores mundialmente famosos (e vende, mas tudo bem).

Vejamos o que aconteceu neste jogo: Flamengo jogando com um a menos conseguiu vencer. E olha que estava jogando com Adriano, a Baleia Assassina! Tudo bem que Adriano é ruim, é irresponsável, é obeso, é cheirador, é o caralho a quatro, mas AQUELA CANELADA ele não dá na bola. Aliás, do lado do Ronaldo, o Adriano até parecia magrinho. Antes do jogo li um papo de uns jogadores dizendo que Ronaldo estava “fininho”. Só se for o pau dele que é fininho (deve ser, tem cara), porque em campo, parecia uma MORSA.

Todo mundo sacaneia o Flamengo dizendo que tem muito pobre. Tem, claro que tem. Mas tem muito de tudo, porque é a maior torcida do Brasil. Tem Flamenguista em qualquer lugar do mundo, em qualquer competição internacional você procura e acha alguém com o Manto Sagrado na arquibancada. Em qualquer lugar do mundo que você vá, as pessoas reconhecem a camisa, apontam e dizem “Flamengo!”. Aconteceu comigo nos quatro cantos do mundo. Agora pega aquela camisa xexelenta “Neo química”, que mais parece um abadá de tanta propaganda e vê se alguém reconhece? Sério, o que é um time que usa uma camisa onde está escrito nome de desodorante (de pobre) NO SOVACO! NO FUCKIN´SOVACO! E se for aquela porra de camisa roxa, pior ainda. Podem até pensar que é uma fantasia de Teletubbie! Tinky Winky! Tinky Winky!

Quero dizer uma coisa, e o Somir está de prova: desde que começaram as especulações de que Ronaldo viria para o Flamengo eu quiquei no calcanhar. Todo santo dia eu dizia ao Somir: “Não quero esse gordo no meu time, esse cara já era, não quero restos, tomara que ele não venha!”. Fiquei muito feliz quando ele foi para o Corinthians. Minhas críticas a ele não tem nada a ver com o fato dele não ter vindo para o Flamengo. Aliás, o que é um time com Ronaldo Comedor de Traveco + Roberto Ajeita a Meia Carlos? HAHAHAHAHAHAHA

Minha gente, depois de ver aquela canelada, só me passa uma coisa pela cabeça: RONALDO É RUBRO NEGRO! HAHAHAHA (desculpa, é que tô rindo a toa) SÓ PODE! Ninguém pode ser tão ruim assim sem querer!

Flamengo jogou melhor neste jogo e Flamengo é melhor time do que o Corinthians. Tem mais títulos, tem maior reconhecimento nacional e internacional, tem mais craques historicamente lançados, tem mais carisma. Não adianta querer vir ganhar no grito, defendendo um time que mal subiu da segunda divisão, numa vibe meio “sport”, do tipo “a gente caiu mas somos limpinhos”.

Os mesmos defeitos que se imputa ao Flamengo podem ser imputados ao Corinthians, com a diferença que quando se fala das qualidades, o Flamengo é muito superior.

E como se tudo isto não fosse argumento o bastante para vocês terem mais simpatia pelo Flamengo do que pelo Corinthians, devo lembrá-los que nosso Presidente da República Çilva I é Corintiano, e fica muito triste quando o Cortinthians perde! Todo mundo gritando comigo: MEEEEENGOOO!

Para cantar comigo: “Aí tem um bando de corno, Agora chegou uma bicha, Pra que eu quero esse gordo? ENFIA NO CU, Corinthians!”, ou para cantar “Eeee, tu vai morrer, tu vai morrer, tu vai morrer, tu vai morrer! iiihhh, você comeu o travesti HIV vai te matar Sua família toda chora Não tem remédio pra curar!” ou ainda para cantar “Adeeeeeuuus… Sooooomir, Adeeeeeeuuus Soooomir”: sally@globo.com

Wo wo wo wooden face...FONTE

Assim que a notícia de que Lula tinha sido escolhido pela revista Time como a personalidade mais influente do mundo, tínhamos certeza aqui no desfavor que o assunto para a coluna de hoje estava definido. Mas… A nossa imprensa resolveu que não ficaria para trás da americana e tratou de piorar tudo por não perceber que na verdade a lista não era definida por ordem de importância.

Desfavor da semana.

SOMIR

Estava passando por um bar quando vi a matéria na acanhada TV caprichosamente equilibrada sobre a geladeira da cerveja. “Lula é eleito o líder mais influente do mundo.” Já imaginei que deveria ser mais uma daquelas eleições malucas de meios de comunicação europeus que nem sonham com a realidade brasileira. Quando surgiu o texto na tela mencionando a revista Time, fiquei mais tranqüilo. Hitler e Stalin também já tinham merecido a honraria em outros tempos.

Enquanto a repórter dizia empolgada que “Barack Obama, presidente dos EUA, ficou em quarto lugar”, comecei a duvidar se estávamos falando da pessoa do ano ou daquela lista NÃO ORDENADA das pessoas mais influentes do mundo. Pois é. Era a lista. Para quem não sabe, essa edição anual da revista menciona 100 pessoas importantes do mundo na atualidade.

O dono do bar olha pra mim e diz, confiante: “Mas ele é mesmo o melhor presidente da história desse país…”, penso em contra-argumentar dizendo que considerando nossa história, mesmo que fosse verdade, não significaria muita coisa. Mas… Não valeria a pena. Afinal, o momento era de valorizar o produto bêbado e incompetente nacional, não de ficar com essas chatices de entender as notícias.

Logo que cheguei em casa, fui procurar uma maior cobertura do assunto, até na esperança de já ver gente sacaneando a TV que disse que Lula tinha ficado em primeiro. Para a minha surpresa, apenas a Folha estava dizendo que não era “bem assim”, isso PORQUE tinha entrado em contato com a redação da revista americana para confirmar (menos antas, mas antas mesmo assim). Passadas algumas horas, o resto corrigiu e mencionou que “chegou a se achar que ele tinha sido o primeiro lugar”. Sujeito oculto: Alguém. Claro…

Que o dono do bar não soubesse que a lista não era ordenada, vá lá. Mas jornalistas profissionais? Não é uma publicação obscura, é a porcaria de uma das mais importantes revistas do mundo (senão a mais). Imagino só a reação dos jornalistas da Time quando desligaram o telefone após falar com os jornalistas brasileiros: “HAHAHAH! Os travecos (apelido “politicamente incorreto” relativamente comum pra brasileiro lá fora) acharam que o presidente deles era mais influente que o Obama!”. Deve ter sido um bom momento de gargalhadas por lá.

Eu senti vergonha alheia. Não só porque passamos um atestado de imprensa semi-retardada para o resto do mundo, mas também porque ainda não parecemos uma nação que tem verdadeira noção do que representa: Futebol, bundas, praias e prostitutas. Enquanto não começarmos a lidar de verdade com essa imagem, vamos continuar com essa idéia errônea de importância mundial e continuar passando vergonha.

Tem que merecer. Não é uma merda de um presidente populista TORRANDO dinheiro que demorou décadas para finalmente parar em nossos cofres que vai nos colocar no mapa como um país sério. (SPOILER: Até o Collor foi mais útil abrindo a economia…)

Menos, Brasil, menos. Vai ter que fazer por onde. Não é só porque um balofo cretino como o Michael Moore (“Capitalismo é maligno, dur hur hur…”) mela a cueca por causa do Lula que ele vale alguma coisa. Que necessidade ridícula de aprovação EXTERNA que esse país tem? Não é motivo de grande orgulho que nosso presidente esteja na mesma lista que… por exemplo… Lady Gaga. Sim, porque a lista define pessoas que merecem atenção e PRINCIPALMENTE pessoas que fazem tudo por atenção.

Os gastos bilionários de Lula com publicidade, aliados a sua política externa golpista para aparecer (Quem em sã consciência defende a porra do GOVERNO TEOCRÁTICO do Irã?) e fazer pose de país forte servem para isso mesmo: Chamar atenção. Lady Gaga veste roupas absurdas, Lula distribui dinheiro pra pobre fazer filho e continuar pobre.

Lady Gaga é pop. Lula é pop. A diferença é que a cantora(?) é popular, o presidente(?) é populista.

Se não fôssemos um país inseguro, teríamos dado a devida importância ao assunto e não tentado enxergar significados extras, como uma classificação por influência que colocaria o líder de um país que detém a maior economia, a maior indústria cultural e o maior exército do mundo ABAIXO do brasileiro. Pensar é para otários. Bacana mesmo é ser patriota.

Trabalhando direito esse país tem jeito, mas não é mágica. Tendemos a nos tornar cada vez mais importantes com recursos naturais abundantes e uma economia com muito espaço para avançar. Ainda não somos o que queremos ser, e com certeza não vamos alcançar essa meta enfiando na cabeça que já conseguimos.

O desfavor surgiu numa desavença entre Sally e eu contra pessoas que achavam lindo dizer que nosso país era uma maravilha. Não é e nunca vai ser (nenhum país é uma maravilha e todos os ufanistas parecem esquecer disso). Os EUA não são ricos porque são patriotas, eles são ricos porque souberam lucrar com três guerras seguidas (uma delas, imaginária). Antas.

E não me venham com essa de que eu não me importo com meu país. Quem vê alguém se fodendo e bate palmas é justamente quem não está nem aí. Eu não caio nessa. Além disso, GRANDES MERDAS essa Time, para ser honesto.

Para dizer que eu estou com ENVEJA, para dizer que acha “desfavor” uma ofensa terrível, ou mesmo para mencionar que seja como for, o importante é que nenhum argentino foi escolhido:somir@desfavor.com

SALLY

Na quinta-feira desta semana a revista “Time” publicou uma lista das 100 pessoas mais influentes do mundo. Nesta lista constava o nome do Exmo. Sr. Presidente da República. Bem, isto por si só já poderia fechar um Desfavor da Semana redondinho, porque vamos combinar, o que merda este cidadão influencia mundo afora? O que fez de relevante para o mundo?

Como diz o nosso leitor Hugo, “Vossa Majestade Çilva I” é um desfavor. Foi Desfavor da Semana diversas vezes e continuará sendo, porque depois das eleições a gente não se livra dele não! Ou vira Super-Ministro da PAC Celular ou vai para a ONU. É isso aí, Çilva I na ONU.

Me digam qual é a influência mundial que esta criatura exerce? Porque num país tupiniquim onde neguinho se vende por uma coxinha e um refresco, fica facin facin 80% de aprovação na base do bolsa-esmola. Mas parece que a Time entendeu que esses programas assistencialistas são a chave para levar o Brasil ao primeiro mundo. Desde quando dar o peixe em vez de ensinar a pescar ajuda uma nação? Na boa, tá com cara de matéria paga.

Depois do Nobel da Paz para um Presidente que promove a guerra, agora o mérito de ser mundialmente influente a um semi-analfabesta que sequer conseguiria se comunicar se fosse largado solto na Europa. Não que eu tenha algo contra os analfa-bestas, adoro, porém acho que eles merecem reconhecimento por aquilo que tem de bom: beleza, aptidão por esportes ou qualquer que seja sua habilidade, que não demande inteligência. Dizer que Çilva, marionete de seus assessores é influente dói.

E como brasileiro tem esse complexo de vira-lata incurável, já ficou todo se querendo com a notícia. A ponto de passar recibo de deslumbrado profissional noticiando que Çilva I tinha sido eleito O Líder mais influente pela revista. Apesar da foto da ilustração da matéria colocar outras pessoas na sua frente. Mas, como Çilva I foi colocado em primeiro lugar na lista, os brazucas já puxaram a brasa para sua sardinha.

Esse pensamento, que diga-se de passagem, era propagado pela DITADURA MILITAR, de ter que amar o país sem criticá-lo, é o cúmulo da breguice, do ranço subdesenvolvido e reduto das cabeças não pensantes: ame-o, ou deixe-o. Se o criticar, é porque você não o ama! (pensar que muitas vezes esta neurose se estende até mesmo nas relações homem/mulher na cabeça destas pessoinhas) Dá licença. Eu sou uma cabeça pensante. Eu tenho cérebro. Eu questiono, eu critico, eu me revolto. Quem não ama o país é quem se comporta como uma ovelha batendo palmas para a cascata de merda que vem sendo feita com ele. Não pode falar mal do país? Aqui pode.

Daí quando a revista Time teve que desmentir (vergonha alheia) que Çilva I tivesse sido eleito O Líder mais importante, explicando que não havia hierarquia entre os escolhidos, o pessoal em vez de se retirar e dizer “desculpe, foi engano”, resolveu chiar! (vergonha alheia master). Começaram a espernear dizendo que tinha o número “1” antes do nome de Çilva I. A revista pacientemente explicou que a escolha da ordem foi por critérios editoriais (vergonha master plus) e de tanto que chiaram a Time foi lá e RETIROU OS NÚMEROS ao lado dos nomes (vergonha master plus supimpa).

E mesmo depois de tudo isso, ainda existem sites e outros meios de comunicação que apontam Çilva I como O LIDER MAIS INFLUENTE DO MUNDO eleito pela revista Time. É a burrice nacional estampada, coroada pelo patriotismo histérico. Um jornalista não tem VERGONHA de passar um atestado de analfabeto funcional desta forma? Uma coisa é “1”, outra coisa é “1º. Pela dinâmica da matéria fica bastante claro que não há hierarquia entre os eleitos. Mas os maravilhosos jornalistas (que nem diploma precisam ter… hahahaha) olharam apenas a listinha, SEM LER O CORPO da matéria e já tascaram: LULA É ELEITO PELA TIME O LÍDER MAIS INFLUENTE DO MUNDO.

Depois, quando eu falo que NOS CONSIDERO jornalistas, as pessoas começam a chiar. Quero ver esses jornalistinhas escreverem o que Somir e eu escrevemos aqui! Gente, para escrever um texto sobre MERDA ou sobre PEIDO, eu pesquisei semanas! E para escrever um texto sobre o Presidente da República os animaizinhos não se deram ao trabalho sequer de ler a matéria toda de uma revista!

O problema é essa febre emburrecedora de querer sempre exaltar o país a qualquer custo, que by the way, foi a razão indireta que nos fez abrir o desfavor. Repito o que disse dois anos atrás e causou um mimimi de gente ofendida e/ou solidária: ufanismo é um desfavor. E já que estou aqui, aproveito para chutar o pau da barraca: é possível discordar ou até mesmo debater calorosamente com seu colega de blog sem que isso passe uma impressão negativa, de desunião ou de falta de companheirismo. Somir e eu discutimos toda segunda-feira, alguém aqui duvida que nos gostamos, nos respeitamos e somos unidos, inseparáveis e muito leais um ao outro? Aparência não é nada, verdade é tudo. Desfavor é verdade, sem maquiagem.

A imagem internacional que ficou dessa histeria ufanista dos nossos jornalistas é a de sempre: brasileiro ou é burro (se não entendeu que não havia hierarquia), ou então é malandro de tentar sempre cavar uma vantagem onde não tem (se entendeu e ainda assim quis valorizar). Depois reclamam que não tem credibilidade!

Quanto ao mérito da questão, nem tem muito o que falar. Michael Moore faz uma breve biografia, elogiando os programas assistencialistas da Çilva I e aproveita a deixa para dar uma alfinetada no sistema de saúde. Como pode uma coisa dessas? Sabemos que mundo está enfrentando sérios problemas com superpopulação. Sabemos que o saudável é controlar o crescimento da população. Daí vem Çilva I e faz um programa assistencialista onde QUANTO MAIS FILHO POBRE TIVER, MAIS GRANA RECEBE DO GOVERNO, fomentando a explosão demográfica. E vem a Time e condecora. Não quero ouvir UM PIO da Time sobre não haver comida suficiente para todos em vinte anos, sobre não haver água ou sobre qualquer assunto relacionado. Ela bateu palminha para quem rema contra o bem estar do planeta.

Para dizer que também acha ufanismo um desfavor e que cabeças pensantes criticam sem medo, para dizer que também acha que discordar de alguém não ofende e para dizer não estaria nem aí em ser chamado de desfavor porque é uma pessoa segura: sally@desfavor.com

Classe!Desfavor na Net foi pensado para colher os frutos (entenda-se, ofensas) de um ano de postagens diárias com textos impopulares. Mas, curiosamente, em nossas pesquisas chegamos à conclusão de que tem muita gente que também fala bem da gente! Mais: Desfavor está virando referência bibliográfica. Com vocês, o primeiro Desfavor na Net!

As pessoas falam mais sobre o Desfavor do que a gente imaginava! Achei até menções no Yahoo Respostas e em um site de receitas de cozinha. Aparentemente somos tão ecléticos nos assuntos escolhidos que nosso público alvo também é diverso.

Logo de cara nos deparamos com esta indicação, aqui mesmo nos comentário do blog: http://jusvi.com/artigos/42258

Sim, o Desfavor e esta que vos fala foram citados em um artigo jurídico! E juro para vocês que não é jabá, não conheço a pessoa que escreveu. Segue o trecho:

“Mister asseverar mais uma vez que não é através de atitudes violentas que se pune a violência. Quanto a isso, é importante demonstrar opinião extraída de blog que tratou do assunto no artigo “Flertando com o desastre”:

“Mas Sally, você não gostaria que um homem que te estuprou fosse castrado?”. Sim, castrado e morto. Gostaria sim. Mas não é assim que se fazem leis, pensando em revanche. Se fazem pensando no melhor para a sociedade. E nosso sistema penal não tem por objetivo a vingança, como por exemplo nos EUA, onde das famílias das vítimas vão bater palminhas para a execução do assassino. Se fosse comigo é claro que eu ia querer tudo de ruim para a pessoa, mas a pergunta é: eu quero viver em um país onde o Estado pode fazer tudo de ruim a um condenado? Minha raiva pessoal não deve virar lei. Se virar, será um perigo. (SALLY. Flertando com o Desastre. In: http://blog.desfavor.com/2009/08/castracao-quimica.html. Acesso em 08 de outubro de 2009.)

Portanto, permitir a ocorrência de castração química a criminosos no Brasil, também desrespeita efetivamente à dignidade humana. Retira do apenado seu direito à vida nos conformes do enunciado pela Carta Magna.”

O mais bacana é que um argumento não jurídico foi citado! Desfavor em breve ilustrará teses de mestrado. E a pessoa nem teve vergonha de dizer que leu no Desfavor, e ainda teve a hombridade de dar os créditos, porque se tratava de uma opinião pessoal, poderia muito bem ter se apoderado dela sem dar os devidos créditos, como muitos blogs fazem por aí

Falando nisso, por favor, parem de copiar meu texto Bastidores, que já foi encontrado em mais de 50 blogs com mais de 50 “autores” diferentes. Esse texto foi escrito anos atrás, e ainda assim, depois de anos, as pessoas continuam plagiando. Inclusive já o recebi por e-mail de uma amiga minha dizendo “Olha, é a sua cara” e respondi: “Claro, Anta, fui eu quem escreveu”.

Mas nem tudo são flores. Não posso deixar de citar aqueles que falam mal da gente. Porque quando certas pessoas falam mal de você, é motivo de orgulho. Adoro gente que não presta falando mal.

Vamos começar pelo blog do Julio Severo. Na postagem de 07 de janeiro de 2010 o desfavor foi assunto nos comentários:

DENÚNCIA BLOG ANTI CRISTO disse…

“AMADO IRMÃO JÚLIO SEVÉRO, A PAZ DO SENHOR!
VEJA ESTA SÁTIRA QUE FISERAM DE SEU BLOG:
http://blog.desfavor.com/search?q=julio+severo+deleta+eu

SUJIRO QUE O IRMÃO DÊ UMA RESPOSTA AQUI A ESTE AUTOR QUE NÃO CONHECE A VERDADE DIVINA.
CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTÁRA.
ESTOU ORANDO PARA A POBRE CRIATURA QUE NÃO SABE O QUE FALA DOS SERVOS DE DEUS.
NO DIA DO JUÍZO FINAL ESTE HOMEM ATEU SERÁ JULGADO POR FALAR MAL DO BLOG DO NOSSO AMADO IRMÃO JÚLIO SEVÉRO QUE SÓ PREGA A VERDADE DE CRISTO! A VERDADE QUE LIBERTA NO SANGUE DE JESUS!!!”

Depois ainda vem um amiguinho complementar:

“Silvio disse…

Uma lésbica enfurecida escreveu:
“Em pleno século XXI… pqp! Julio Severo deveria ser queimado na fogueira”.
Que grande lição de tolerância dos militantes gayzistas!!!
Isso está nos comentários do site http://blog.desfavor.com/search?q=julio+severo+deleta+eu

Ficam de mimimi em diversos comentários e em diversas datas. Bacana saber que doeu.

E por falar em mimimi, outro que não para de chorar as pitangas é o Dalla. Em tudo quanto é canto, inclusive no blog dos outros, ele passou para dar uma choradinha.

Deixo vocês com o panorama geral de comentários diversos sobre o Desfavor:

http://www.ubervu.com/conversations/blog.desfavor.com/

Pérola:

“Vejam que interessante: meu blog foi atacado ridicularmente num outro blog que me deu até medo: http://blog.desfavor.com”.

Somir, Dalla tem medo de você. Pode fazer a dancinha da vitória, tá?

Tem muitas citações e reproduções de textos nossos, geralmente com comentários dos donos dos blogs que os reproduzem. Bacana saber que o desfavor estimula diálogo que vai desde peido e merda até ateísmo e holocausto.

O melhor foi a reação de espanto do Somir quando leu isto em www.pesbrasil.org:

Blogs de Casais

Quando se falava em mulheres, todo homem pensava, a uns 30 anos atrás: “Essa é pra casar. Ter filhos. E ser a titular.” Hoje em dia, essa história de mulher “casar virgem” e segurar um casamento de aparências a vida toda não cola mais. As pessoas vão um pra casa do outro, e vivem 1 ou 2 anos com a namorada/noiva pra ver se eles combinam no dia-a-dia, mesmo.

Aqui está um blog neste estilo, mas que não tem textos “melosos” como um par de namorados de 15 anos:

Desfavor.com – “Sally Surtada” e Somir fazem um ótimo blog de “causos” do dia-a-dia. Destaque pros posts na categoria “Ele disse, Ela disse”

Ele ficou nervosão quando soube que fomos classificados como um “Blog de casais”: “Era para chamarem a gente de blog de criminosos ou algo do tipo! Onde foi que erramos!”. Pois é, Somir, sua fama de mau já era…

E em várias matérias sobre uma atriz (cof! cof!) objeto de um Processa EU tem gente soltando comentários e divulgando a nossa postagem! Um breve exemplo: http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI19459-15566,00-COM+ALMA+DE+MADONNA.html

Infelizmente tenho que parar por aqui, Madame deu ordem para que esta coluna tenha, no máximo, duas páginas.

Para dizer que acredita que em breve nos verá no programa do Jô Soares, para dizer que a fama será inevitável mais cedo ou mais tarde ou para me chamar mais uma vez de gordinha: sally@desfavor.com

Heterolésbica

SOMIR

O desfavor vai fazer sua cobertura das eleições, mas aqui não estamos NEM AÍ para imparcialidade. Vamos nos posicionar sobre o que bem entendermos, sem essa frescura de “voto é coisa secreta”.

E a minha opinião não reflete necessariamente a opinião de Sally (que é comunista). E na minha opinião gente que diz que não se interessa por política tem mais é que puxar carroça. Nem adianta vir com esse papinho nos comentários para fazer pose de “descolado”.

Tema de hoje: Ão, ão, ão, terceira opção!

E vamos começar! Enquanto a baixaria virtual come solta nas campanhas (de guerra) de Dilma “PAC Celular” Roussef e José “Conde” Serra, mais pessoas comentam sobre a terceira opção.

Terceira opção que não pode mais ser Ciro “Cavalo Paraguaio” Gomes, gentilmente forçado fora da disputa. A terceira opção do momento é a opção verde. Para ser mais exato: Marina “Lésbica Hetero” Silva. A candidata do Partido Verde (tudohippie) parece a epítome do pensamento maconheiro-progressista-epifânia-política-de-bar: Defende o meio-ambiente, tem aquela vibe (odeio quem diz “vibe”) marxista, é engajada em seus projetos e… óh… é ainda mais alternativa que a Dilma porque além de ser mulher, ainda não é branquela!

Claro, mais da metade da população brasileira é constituída por mulheres, claro, muito mais da metade tem uma tonalidade de pele parecida ou mais escura, mas o famoso “homem branco” conseguiu enfiar tão fundo na cabeça das pessoas esse complexo de vira-lata que nem se tocam que Marina representa a maioria da população brasileira.

Mas cedamos para ela o benefício da imagem de minoria. Essa idéia “alternativa” que os planejadores da campanha estão usando tem seus méritos funcionais. Tem muita gente dizendo que para NÃO VOTAR em Dilma e Serra vai votar nela. Alternativa. O plano é claramente esse, e já funcionou muito bem para eleger coisas como Enéas e Clodovil aqui no estado de São Paulo (tudotroll).

Sabemos, contanto, que nem se o estado (imaginário) do Acre tivesse um terço da população brasileira Marina ganharia. Votamos em “alternativas” quando sabemos que não vão ganhar. Na prática um partideco como o PV disputando a presidência é como um cachorro perseguindo um carro: Se pegar, não sabe o que fazer depois. E isso já está meio que no “inconsciente coletivo” do povo.

(Democracia é uma merda, eu sei… Precisa de apoio e aliança com peixe grande para fazer QUALQUER coisa…)

Ok, eu sou contra voto em branco ou nulo, acho válido que pelo menos votem em alguém, mas já começo a defender aqui que não votem na candidata do PV. Poderia alegar motivos pessoais, como o fato de me recusar a ter uma fanática religiosa com algum poder público no país que vivo. (Comunismo Cristão: Brasileiro apronta cada uma…)

Mas nem é por isso. Eu sei que Marina não vai ganhar e minhas preocupações com ela atrasando o desenvolvimento de uma sociedade civilizada não se concretizarão. Ainda mais depois de ouvir a opinião dela sobre o aborto: Ela tem opinião própria, mas deixaria o povo (de um país que ainda presta atenção no que a Igreja Pedófila Apostólica Romana diz) decidir por plebiscito o que seria o melhor. Pode até parecer algo bonito em tese deixar o povo decidir, mas quem realmente se preocupa com o bem estar de um povo não deixa a maioria decidir muita coisa… A inteligência média deste país não permite essas liberalidades. Se ela não confiasse na pressão moral-religiosa mantendo o resultado final de acordo com suas próprias convicções, nunca que sugeriria isso. Atitudes populistas não são apenas aquelas que dão pão e circo para o povo… Usar a ignorância média como reforço do poder é receita de país atrasado.

Ela já baixou bastante a crista sobre suas convicções socialistas/marxistas/século-retrasadistas, mas isso não quer dizer que temos massa encefálica sendo reutilizada aqui: Assim como o Lula, acharam de bom tom que toda essa coisa de revolução do proletariado ficasse no histórico da pessoa pré-candidatura. Não que eu a ache totalmente sem qualidades…

A preocupação com o meio-ambiente é interessante. Mas está ainda mais interessante porque a indústria dos créditos de carbono vai muito bem, obrigado. Aquecimento Global de um setor econômico novo. Ela já fez muito na prática, mas tem gente que precisa de foco e poder limitado nessa vida para realmente não estragar tudo. A comunista-cristã é uma delas.

(Não posso esquecer de escrever um Desfavor Explica sobre os créditos de carbono e a terceirização da poluição. Eu sei que vocês não ligam, mas isso nunca me impediu antes, não?)

Pois bem, agora sim eu vou escrever algo horrível: Não quero MESMO que votem na Marina para não ferir as chances do Serra. Todos os babacas “classe média engajada com a sustentabilidade, bicho” que poderiam manter a base do Conde Drácula mais forte são candidatos a morder essa idéia de voto alternativo e acabar migrando para a “outra mulher” no segundo turno.

E eu tenho meus motivos para querer que o Serra vença. Aliás, minto… Só tenho um: Para o Lula não governar mais 4 anos. Não que eu acredite em alguma mudança prática nos caminhos da nação seja qual dos candidatos com chances reais vença, vão manter tudo na mesma.

O plano é outro: Quando cai o governo de um partido e sobe o outro, mudam os ladrões. E se a fonte de lucro seca, esses que roubaram descaradamente com a chancela do “poder amigo” tem a possibilidade de finalmente poderem gastar seu dinheiro sujo sem tanta atenção pública. Isso move a economia. Com o pé de meia dá para abrir uma empresa, para lavar o dinheiro. Isso cria empregos.

Mas, principalmente, os novos ladrões resolvem se vingar das trolhas que levaram e começam a fuçar nas sujeiras deixadas pelo governo anterior, seja para mostrar serviço ou seja para descobrir como fizeram. Nessa confusão muita gente acaba levando no rabo e tendo seus esquemas revelados. Essas mudanças no poder são benéficas para manter vários interesses tolhendo a capacidade de apenas um grupo mamar nas tetas do governo. E quanto mais o cidadão acredita que é invencível, mais ele rouba.

Trocar os ladrões economiza o dinheiro público e ainda pode incentivar um pouco a economia. Pense nisso. GARANTO que Serra e Dilma vão dar no mesmo como governantes, mas pelo menos a turma do Serra vai ter que começar as falcatruas do zero.

Para me chamar de reaça no armário, para dizer que eu vou para o inferno pela piada do PAC Celular, ou mesmo para discutir as melhores formas de conter a corrupção inevitável: somir@desfavor.com