Sugestões?

Você tem alguma ideia de tema que quer sugerir para nós? Aqui é o lugar. É muito difícil acompanhar as sugestões que vocês fazem na nossa rotina diária de posts, e com tudo centralizado aqui queremos simplificar o processo de vez. Vale sugerir qualquer tema, vamos analisar cada uma das suas ideias, e se for possível (vulgo soubermos falar disso de forma decente), pode apostar que vamos escrever sobre o assunto e te mencionar no post. Se quiser dar ideias sobre CONTEÚDO, este é o lugar. Vamos lá?

Comentários (563)

  • Em várias ocasiões vocês já mencionaram o termo “colapso estético”. Então eu sugiro uma semana temática onde os textos serão sobre coisas/situações que causem esse efeito.

  • O luto de vocês pode ter acabado, mas eu tenho uma sugestão: um texto sobre hepatite. É um ponto em comum entre dois ídolos do Desfavor, Pilha e Maradona.

    Outra coisa, o ano está acabando e vocês não cumpriram o castigo de 10 postagens live. Então eu acho que vocês poderiam nos recompensar com a proposta perdida em dezembro do ano passado, com as músicas natalinas.

    • Boa sugestão.

      E sobre as postagens Live, ficamos sem estrutura para isso. O C.U. trancou por um tempo, mas entendeu nosso lado. Vamos cumprir assim que as coisas voltarem ao normal.

  • Avatar

    Capitão Impressionante

    O Somir não poderia escrever sobre essa revolta popular nas redes sociais por causa da modernização do mascote das Casas Bahia? Afinal, ele é publicitário, não?

  • Vendo as informações sobre cenouras e coelhos e sobre ratos e queijo na postagem de ontem, eu pensei se não daria agora para fazer um texto derivado, sobre mentiras famosas propagadas por desenhos animados. Além das duas mentiras já citadas, outra que pode ser mencionada é a de que dinossauros e homens das cavernas conviveram na mesma época, posta na cabeça de muita gente pelos Flintstones. Essa concepção errada já existia antes em filmes e séries de TV, mas, para as gerações mais recentes – incluindo a nossa – , os “culpados” são a turma de Bedrock criada pela Hanna-Barbera.

  • Será que rola um texto sobre as (sub)celebridades que se candidataram nas eleições deste ano? Acontece sempre, mas aí vai uma listinha com alguns dos que estão concorrendo em 2020:

    – Kid Bengala (“ator” mais conhecido da cinematopornografia nacional):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-09.jpg

    – Pedala Robinho (anão que fez parte do elenco de humorísticos toscos na TV durante os anos 90): https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-01.jpg

    – Toninho Do Diabo (figuraça que se auto-denomina “O Embaixador de Lúcifer na Terra”):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-02-1024×377.jpg

    – Renata Banhara (loira ex-enfeite de palco de programas de auditório nos anos 90):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-03.jpg

    – Dinei (estrela do Corinthians nos anos 90, posou nu para revista gay e se envolveu com drogas):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-04.jpg

    – Marcelinho Carioca (ídolo da torcida do Corinthians e “santinho do pau oco”, formou um grupo de pagode evangélico):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-05.jpg

    – Celinho Fat Family (incluiu a denominação de seu hoje sumido grupo musical em seu nome de urna para ser lembrado):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-06.jpg

    – Chiquinho Scarpa (“conde”, playboy, milionário e figuraça do “jet-set” nacional):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-07.jpg

    – Dr. Bactéria (médico que tinha um quadro no Fantástico sobre higiene e o “perigo dos micróbios”):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-08.jpg

    – Bananinha Maluco (de família circense, foi membro do elenco da Praça É Nossa e trabalhou com a trupe do Beto Carrero):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-10-1024×372.jpg

    – Oscar Godói (“Unha de Cavalo”, foi o árbitro de futebol mais controverso do Brasil e hoje é comentarista esportivo):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-11-1024×366.jpg

    – Neném (cantora que fazia dupla com a irmã gêmea Pepê):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-12.jpg

    – Diego Hypolito (o “ginasta das pilhas” assumiu-se recentemente como homossexual sem surpreender nem chocar ninguém):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-13.jpg

    – Thammy Miranda (transsexual e filha(0) da cantora Gretchen, conhecida em seu auge como “Rainha do Bumbum”):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-14.jpg

    – Verônica Costa (conhecida como “Mãe Loira do Funk” e criadora do grupo “Furacão 2000”):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-15.jpg

    – Victor Mionzinho (ex-sósia tosco do apresentador Marcos Mion, de quem foi assistente de palco na TV Bandeirantes):
    https://obutecodanet.ig.com.br/wp-content/uploads/2020/10/famosos-16.jpg

  • Não querendo ser chato nem repetitivo, mas eu volto a dar aqui uma idéia já apresentada em 2018 e que a Sally, na época, disse que o Somir faria muito bem: aproveitando o atual clima de eleições – para prefeitos e vereadores no Brasil e para presidente nos EUA – eu torno a sugerir: (…) que tal um guia de como fazer campanha eleitoral? Mas que fosse algo no estilo Desfavor, esculhambando os ingênuos que acham que a coisa toda ainda tem alguma seriedade e falando verdades “inconvenientes” sem a menor piedade ou sutileza. Podem, por exemplo, dizer que pra um candidato de primeira viagem que não é preciso ter propostas, ter ficha limpa nem apresentar resultados positivos de ações anteriores. Na verdade, o grosso das pessoas que votam – e que, por serem maioria, decidem os resultados de uma eleição – tá mesmo é cagando baldes pra esses “pequenos detalhes” da política. O que o populacho gosta mesmo é de promessas impossíveis, frases de efeito, bravatas, jingles-chicletes massificados e nomes em estilo “humor de pavê”.

  • O Somir já viu isto? Não sabia bem onde colocar sem que parecesse coisa fora de lugar, mas, de qualquer forma, acho que ele vai gostar, tanto do vídeo em si quanto do texto e da narração.

    https://www.youtube.com/watch?v=4_tiv9v964k

    Talvez ele se inspire e queira escrever algo semelhante aqui um dia, ou então produzir um texto comentando essa aula de humildade dada por Carl Sagan.

    • Sim, já vi. Mas vale a pena ver várias vezes. O Carl Sagan tinha um jeito com as palavras para humanizar as coisas.

      P.S.: Neil DeGrasse Tyson é divertido, mas foi uma furada refazer Cosmos com ele. Não é a mesma pegada. Mesmo assim, não é ruim. Acho que Cosmos está na Netflix.

  • Seria interessante um texto que abordasse a questão de morar sozinha (o) como opção. Dando ênfase no caso feminino. Grata! S2

  • Desfavor Explica: Internet. Muita gente até tem, mas poucos realmente sabem o que é, como funciona, onde mexer e o que fazer com o que tem nas mãos. Ou ainda um texto que seria como uma espécie de guia de boa conduta online porque, afinal a internet em si é uma maravilha, desde que se saiba usar.

    • A parte técnica da internet é tema sem fim. O grau de complexidade de uma mera chamada de vídeo é de duvidar se foram humanos mesmo que bolaram tudo isso… você mirou numa coisa, mas me deu ideia para outra relacionada.

  • Há algum tempo, a Sally fez uma postagem sobre como as empresas de alimentos nos enganam e nos empurram um monte de comida industrializada cheia de coisas que fazem mal à saúde, como pão “integral” que não tem praticamente nada de farinha integral em sua composição, água mineral que na verdade deveria ser chamada de “torneiral”, carnes e peixes totalmente adulterados para custar menos e durar mais e conservas e molhos com excesso de sódio, glucoses e glutamatos… Mas que tal agora um texto sobre coisas que muita gente por aí anda comendo e que ninguém deveria pôr na boca? Eu estou falando de coisas como margarina – um troço tão artificial que nem as moscas que pousam na bosta chegam perto – , nuggets – que são nojentamente feitos com restos processados de carnes de aves e de outros animais, – salsichas – cuja fabricação é tão cercada de lendas sobre imundície que já virou lugar-comum chamar a redação de um jornaleco dedicado à imprensa marrom de “fábrica de salsicha” e dizer que “cozinha de restaurante, fábrica de salsicha e passado de mulher são coisas que é melhor não conhecer, sob pena de nunca mais se conseguir comer”. Deve haver um monte de outros exemplos também. O que acham?

  • Já pensaram em fazer um texto sobre “cringe”, ou como pessoas e a internet lidam com a ideia de ver outras pessoas passando vergonha?

  • Gente, eu não sei se vcs conhecem a Bibi Bailas do física e afins, mas ela fez um vídeo detonando a constelação familiar, achei muito bom. Acho que poderia ser tema para algum desfavor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.