Tag: contos

Parte 1 | Parte 2 | Parte 3

A luz externa fica cada vez mais intensa, espalhando um tom azulado sobre o ambiente. Em conjunto com a forte iluminação da sala onde se encontrava, a cena prova-se incômoda demais para os olhos de Bar’hai. Ele cerra as pálpebras, engatilha seu rifle e corre de volta para a escadaria. Um som grave vem dos andares superiores, forte o suficiente para vibrar nas paredes que usa de apoio enquanto aponta sua arma para cima, buscando por soldados inimigos lance após lance de escadas.

Continue lendo

Parte 1 | Parte 2

“Confuso, Bar’hai solta a metralhadora e se afasta alguns passos.

O outro soldado corre para ocupar seu lugar. Ele aperta o gatilho, disparando uma barragem de tiros algumas ruas a frente. Vários dos soldados desabam ali mesmo, numa nuvem de poeira, destroços e sangue. O grupo se separa, fazendo com o que o atirador balance a arma de um lado para o outro, metralhando a área indiscriminadamente. O barulho é tanto que Bar’hai tapa os ouvidos, encolhendo-se num canto.

Continue lendo

Parte 1

Bar’hai procura abrigo detrás de uma das mesas, fazendo senso do ambiente através de uma débil iluminação lunar que parece brotar de vãos entre as paredes e o distante teto. O som das batidas e grunhidos anasalados dos Calados é abafado pela grossura da porta, conferindo uma sensação de segurança que só aumenta depois de alguns minutos, quando os sons da tentativa de invasão finalmente cessam.

Continue lendo

Os últimos raios de sol levavam consigo o calor infernal do dia, tingindo o céu de vermelho no horizonte e acalmando a violenta tempestade de areia. Bar’hai aproveita o momento para sair da carcaça de um velho caminhão, parcialmente enterrada numa das infinitas dunas do Deserto Vermelho, abandonada há sabe-se lá quanto tempo pelos Antigos. Foram meses de uma árdua jornada até ali, mas as ruínas de Omega, a última cidade, já podiam ser vistas.

Continue lendo