Tag: morte

Dilema hipotético: você e um desconhecido estão presos, cada um em um quarto, e não há possibilidade de fuga. Vocês não conseguem se ver nem estabelecer comunicação. Você não sabe quem é a outra pessoa presa no outro quarto. Tudo que você sabe é que existe um botão em cada quarto que, se pressionado, mata a pessoa que está no próprio quarto mais libera a outra ilesa. Se, em uma hora, nenhum botão for pressionado, ambos morrem.

Tema de hoje: Você aperta o botão?

Continue lendo

Valdir estava muito atrasado. Era apenas o segundo encontro com aquela bela morena e os vinte minutos além do combinado não ajudariam com suas pretensões de esticar o jantar para um motel. Celular sem bateria, para variar. E para ajudar, o caminhão à sua frente parecia se arrastar pela estradinha. Belo atalho esse… não havia tempo a perder: subida, curva e tudo mais, lá se foi Valdir pisar fundo no acelerador para fazer a ultrapassagem. No sentido oposto, outro caminhão. Sem chance alguma de desviar, ouviu o estrondo, sentiu o corpo flutuando no ar… e depois, mais nada.

Continue lendo

Hoje temos um tema bacana que vai te deixar pensando só em coisas boas. Sally e Somir decidem como querem deixar esta existência. Os impopulares contemplam a própria finitude.

Tema de hoje: Qual seria a melhor forma de morrer?

Continue lendo

Não é um texto, o texto de hoje é sobre FEMINISMO e está na postagem anterior. É apenas um local para comentar a morte do Eduardo Campos, que merece ser debatida pois pode ser  importante o suficiente para mudar o rumo das eleições. Para não matar meu texto sobre Feminismo com off topic, vamos comentar a morte do Campos aqui, ok?

  • 1
  • 2