Durante muito tempo ser homem autorizava a fazer coisas que mulheres não podiam, pelo simples fato de “ser homem”. Há um consenso social que a vida é muito dura para as mulheres, a sociedade é machista e que mulher sempre parte de uma desvantagem. Isso já foi 100% verdade, mas hoje estamos em um período de transição e também é possível identificar uma série de “double standards”, o popular “dois pesos e duas medidas” que escrotizam homens e favorecem mulheres. Continue lendo

+Cleo Pires continua dando o que falar na web. A atriz, que recentemente revelou suas experiências sexuais e se defendeu após ser duramente criticada por algumas pessoas, voltou a ser notícia. Desta vez, contou detalhes com seu uso de drogas no passado.

+

+A atriz Deborah Secco apareceu na tela do SBT na tarde desta segunda-feira, 07 (…) Deborah contou que já levou um pé na bunda. “Ninguém nunca terminou comigo”, revelou e concluiu contando que nunca foi fiel: “Eu já traí todas as pessoas com quem eu tive um relacionamento, menos o Hugo [atual marido]“.

O que essas notícias cretinas de celebridades estão fazendo aqui? Se você visse a reação nas redes sociais, saberia porque são o desfavor da semana. Continue lendo

+Na última sexta-feira, em um relato em primeira pessoa publicado no blog “#Agoraéquesãoelas”, do jornal “Folha de S. Paulo”, a figurinista Susllem Tonani acusava o ator José Mayer de assédio sexual. Em um longo texto, a funcionária da TV Globo narrou diversos episódios em que teria sido constrangida pelo ator da novela “A lei do amor”, das 21h.

E José Mayer sofreu um linchamento público. Mas será que focar só nele resolve algum problema? Desfavor da semana. Continue lendo

Uma notícia me chamou a atenção há alguns dias. O caso de Poison Ivy, o codinome de uma uma adolescente de 17 anos da Nova Zelândia que supostamente usa seus charmes para controlar e humilhar homens vulneráveis na internet. Até coloco o link, mas já aviso que é do Daily Mail, um tabloide britânico sem grandes compromissos com a verdade. Tem todo o cheiro de sensacionalismo, daquelas histórias que quem não entende de internet conta sobre a internet. Mas, do que parece real, dá pra tirar muitas ideias sobre o mundo que vivemos. Continue lendo