Tag: política

O presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, disse ser contra a regra de cotas aplicada atualmente na política brasileira, que determina que 30% dos candidatos de um partido devam ser do sexo feminino. Para ele, a mulher na política não tem vocação e essa regra de cotas “violenta o homem”. LINK


Gostamos da pessoa? Não. Achamos que a mulher é inferior ao homem? Não. Ele disse alguma mentira? Não. Desfavor da semana.

Continue lendo

A deputada estadual de Santa Catarina Ana Paula da Silva (PDT), conhecida como deputada Paulinha, foi alvo de ataques nas redes sociais em função da roupa que usou na cerimônia de posse da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc). Na sessão do dia 1º de fevereiro, Paulinha vestiu um macacão vermelho decotado que foi alvo de comentários ofensivos. LINK


Uma mulher não seguir regras que homens também tem que seguir é taxado como opressão? Desfavor da semana.

Continue lendo

O governo de Cuba comunicou nesta quarta-feira (14/11) que vai se retirar do programa Mais Médicos devido a declarações “ameaçadoras e depreciativas” do presidente eleito Jair Bolsonaro, que anunciou modificações “inaceitáveis” no projeto. (…) Bolsonaro questionou a formação dos especialistas cubanos, condicionou sua permanência no programa à revalidação do diploma e impôs como único caminho a contratação individual, argumentou o governo cubano. LINK


Apesar de concordarmos com a decisão do Bolsonaro, o entorno dessa história virou o desfavor da semana.

Continue lendo

No mundo dos jogos, os Non-Playing Characters (NPCs) são justamente o que o nome sugere: personagens que habitam o universo do jogo em questão, mas são controlados pelo computador e não por uma pessoa. Na grande guerra das memes da internet moderna, eles viraram motivo de banimentos em massa no Twitter e a fúria da turma do lacre nos EUA. Não entendeu nada? Melhor prestar atenção, porque logo logo chega aqui.

Continue lendo

Manifestantes ligados ao MBL (Movimento Brasil Livre) protestam na tarde desta quinta-feira (26) em frente à sede do Facebook no Brasil, na zona sul de São Paulo, contra a desativação de páginas e perfis pessoais supostamente propagadores de ‘fake news’ e vinculados ao grupo. (..) Sem identificar usuários ou os nomes das páginas, o Facebook informou nessa quarta (25) que removeu uma rede com 196 páginas e 87 perfis no Brasil que violavam suas políticas de autenticidade. LINK


MBL é um desfavor, Fake News são um desfavor, e o Facebook fazendo “curadoria da verdade” é outro, talvez pior ainda. Unidos, são o desfavor da semana.

Continue lendo