Tag: suicídio

+O jogo da “baleia azul”, série de 50 desafios cujo objetivo final do jogador é acabar com a própria vida, está movimentando as redes sociais, principalmente desde o início desta semana, quando a Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) do Rio divulgou que está fazendo um rastreamento das redes sociais para reunir informações sobre o jogo. Um inquérito foi instaurado depois que a mãe de um menino de 12 anos denunciou que o garoto foi convidado a participar da série de desafios.

Tem uma baleia na sala e não parecem estar falando sobre ela. Desfavor da semana.

Continue lendo

+Há pouco menos de um mês, celebrou-se o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio. A data foi fundamental para trazer o tema à tona. Mas depois disso, pouco se falou a respeito. O suicídio ainda é um assunto considerado tabu por muitos e, por isso, pouco discutido. Entretanto, o número de pessoas que tiram a própria vida tem avançado muito — e silenciosamente. No mundo, a morte por suicídio já é mais frequente que por HIV entre os jovens. No Brasil, o número de pessoas que se suicidaram perde apenas para homicídios e acidentes de trânsito entre as mortes por fatores externos (o que exclui doenças).

Estamos chegando no ponto onde o tabu sobre o assunto não pode mais continuar vivo. Desfavor da semana.

Continue lendo

O numero mundial de suicídios hoje é maior do que o numero de mortes em função de violência, guerras e desastres naturais, todo juntos. É isso mesmo que você leu. Mais pessoas tiram suas próprias vidas voluntariamente do que são mortas, seja por assassinatos, seja por algum tipo de desastre.

Continue lendo

A lua reinava cheia no céu. A noite era clara e poucas estrelas pontuavam a escuridão. Do alto da maior ponte da cidade, uma mulher apóia-se sobre o corrimão do corredor de pedestres, mãos firmemente presas a um dos grossos cabos metálicos da estrutura. Seu corpo está inclinado rumo ao vazio, suas lágrimas caindo livremente por centenas de metros até se encontrarem com as ainda mais salgadas águas do oceano.

Continue lendo

Um levantamento recente da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre suicídio cravou que a cada 40 segundos, uma pessoa se mata nesse mundo. Mais ou menos 800.000 suicídios por ano! Talvez sem muita alternativa, o órgão trata os dados como alarmantes e considera o suicídio uma epidemia perigosa para a humanidade. Eu, escrevendo um ‘Flertando com o Desastre’, tenho muito mais liberdade para colocar tudo isso em perspectiva.

Continue lendo