Tag: violência

A vereadora Marielle Franco foi morta a tiros dentro de um carro na Rua Joaquim Palhares, no bairro do Estácio, na Região Central do Rio, por volta das 21h30 desta quarta-feira (14). Além da vereadora, o motorista do veículo, Anderson Pedro Gomes, também foi baleado e morreu. Uma outra passageira, assessora de Marielle, foi atingida por estilhaços. A principal linha de investigação da Delegacia de Homicídios é execução. LINK


O tema foi crescendo exponencialmente desde quarta-feira, e não tinha como não ser o desfavor da semana.

Continue lendo

+O caos que a Região Metropolitana de Vitória, no Espírito Santo, vive desde a madrugada de sábado vem sendo registrado e viralizado nas redes sociais. Diversos vídeos publicados no Twitter, por exemplo, mostram flagrantes de saques a lojas, assaltos a pedestres e motoristas e contextualizam o clima de pânico que vem tomando conta do estado.

Não foram só os bandidos de carreira que se aproveitaram do vácuo deixado pela polícia no estado, o dito cidadão comum também aprontou. Desfavor da semana.

Continue lendo

Notícias de violência contra mulheres são terrivelmente comuns, não passa um dia sem que uma seja tão terrível para até a mídia de massa achar suficientemente explorável. Não deveríamos ter nos acostumado, mas é o que acabou acontecendo. Só que de tempos em tempos surgem notícias que invertem essa lógica: mulheres atacando homens. E infelizmente, até mesmo para elas, essas agressões normalmente são vistas como justificadas e até engraçadas. Não existe igualdade assim.

Continue lendo

+Os atendimentos a mulheres vítimas de violência sexual, física ou psicológica em unidades do Sistema Único de Saúde (SUS) somam por ano, 147.691 registros – 405 por dia, ou um a cada quatro minutos. A maior procura por serviços de saúde após casos de agressão se dá entre adolescentes de 12 a 17 anos, faixa etária das duas vítimas de estupro que ganharam repercussão na semana passada, no Rio e no Piauí.

A tal da cultura do estupro vai entrar e sair de discussão, e os números vão continuar sendo esses. Pouca gente vai notar… desfavor da semana.

Continue lendo

Venho observando um assunto já faz algumas semanas. Estava adiando o texto, para tentar ter certeza do que vou falar, mas, o tempo passou e a certeza não veio. Ainda assim, achei interessante compartilhar o assunto, pois talvez com as opiniões de vocês, alguma certeza (para o sim ou para o não) se apresente. Lá vai: Os diversos casos de abusos sexuais cometidos a mulheres europeias por imigrantes não vem sendo repudiados com a força que normalmente seriam nos meios de comunicação e redes sociais, ao menos no Brasil, pois as pessoas estão com medo de parecer xenófobas.

Continue lendo