Deleta Eu!: Manual do Cafajeste (Para Homens)

SEMANA DO AVESSO|OSSEVA OD ANAMES

Manual do Cafajeste (para virgens)

O BLOG:

Proposta: “Papai sabe tudo – dicas de um pseudo-comedor.”

O autor se acha espertão e dá dicas aos demais cuecas sobre como se dar bem com mulheres. Desde como tratar, como se aproximar até como levar ao motel e como trair. Textos pobres, com erros gramaticais gritantes, conteúdo medíocre e esse imbecilóide tirando ondinha o tempo todo.

Pode até soar escroto me ver fazendo estas críticas a um blog que tem a mesma proposta que meu ex-blog tinha (atualmente coluna semanal no Desfavor). Mas eu vou fazer. Sabem porque? Porque este blog é escrito por um HOMEM (ou assim se diz). Onde já se viu macho que é macho ficar de ti ti ti na internet, ensinando outro macho (e ainda por cima ensinando errado!) a lidar com mulher? Deve ser uma confraria dos faixa-branca. É fofoquinha pura aquela merda, somada a dicas tão evidentes que até um adolescente de 14 anos sabe (contadas como se fossem A Novidade!) e uma pitada de auto-promoção no melhor estilo Papai Sabe Tudo. Apoooosto que Papai é feio. Mas aposto MESMO.

Me deparei com a seguinte frase no blog: “Este Blog tem o intuito de descrever, de maneira gradativa, as etapas básicas da interação sócio-psico-sexual entre macho e fêmea(s) da raça humana”. É da raça humana, viu gente? Apesar do autor ser uma mula.

LINHA EDITORIAL:

“Sou tão fodão com mulheres que em vez de estar comendo uma agora, estou aqui escrevendo meus intermináveis textos sem o menor poder de síntese”. Pergunta: você aprendeu a dirigir lendo o manual do carro? Não, né? Então valeu. Pode sair deste blog porque o que ele pretende ensinar não se aprende lendo um texto.

Claaaaro que o autor nos brinda com uma série de histórias de sua vida pessoal. Mas conta as vitórias, como é de costume (ou que ELE considera vitórias, que para mim são um belo dum fracasso muito do vergonhoso). Alguém sabe me explicar porque merda as pessoas acham que suas vidas são tão interessantes a ponto de estampá-las em um blog no estilo QUERIDO DIÁRIO? Todas as vezes que eu citei algo de minha vida pessoal no meu ex-blog foi contando DERROTAS. Isso diverte, a desgraça alheia diverte. Mas contar o quanto estava “morgado” (alou? 12 anos?), o quanto bebeu no dia tal (que bonito! Quer uma medalha por encher os cornos?) e mulher que comeu (cão que ladra…) me parece um tanto quanto ridículo e infantil.

Todos os textos tem algo para promover o autor. Tem uns chamado “A pegada” onde ele nos brinda com narrações bastante descritivas sobre como enlouquecer uma mulher. Tenham MEDO, minhas amigas, deve ter um bando de imbecil lendo essas dicas risíveis e seguindo. Talvez por isso tenha tantos homens merdas no mercado. Eu culpava hormônios colocados na água mas agora culpo essa merda de blog. Só faltou ensinar o “novíssimo” truque da Halls preta…

Uma coisa curiosa que me levou a escolher este blog cocozão: muitas postagens tratam sobre os mesmos temas que eu já tratei no Sally Surtada. Muitos mesmo. E é impressionante como o autor tem uma visão TOSCA e EQUIVOCADA do universo feminino. Se o blog estivesse ativo eu até mandaria uma cópia de todos os meus textos para ele, quem sabe assim ele aprende alguma coisa sobre mulher. Nada melhor do que esculhambar uma pessoa sabendo que se ela vier com esse papinho de “Você pode fazer melhor?” eu posso bater no peito e dizer que sim.

LAYOUT:

Porra, eu não entendo absolutamente nada de layout. Eu não entendo absolutamente nada de programação, computador e internet. Eu tenho sérias dificuldades para comprar um ingresso de cinema no ingresso.com. Então, técnicamente não vou ter muito o que falar aqui.

Mas senso de estética eu tenho. E, puta merda, quase tive um colapso estético quando vi o blog. Para começo de conversa as letrinhas dos títulos são de coloração MARROM COCÔ. Juro para vocês, é cor de bosta (diga-se de passagem, apropriado, em sintonia com o conteúdo).

Além das letrinhas cocô podemos perceber que nosso comedor sequer se deu ao trabalho de justificar o texto. As postagens tem aquelas bordas irregulares… aquilo me faz mal. Se o Somir abrir, periga ter um AVC.

O arquivo do blog merece quase que o mesmo destaque do texto na formatação. Está tudo muito mal dividido. Não há espaçamento entre um parágrafo e outro. Caralho… o cara deve ser um bosta mesmo, para que EU consiga detectar tanta coisa feia…

UTILIDADE:

1. Para o dono, auto-promoção. “Vejam como eu como mulher, vejam toda a minha sabedoria. Vejam como ensino vocês a serem tão fodas como eu” e talvez seja passatempo também, considerando que ele não deve comer ninguém. Talvez ele seja o tal do broxa objeto de tantas perguntas no meu tópico de perguntas e respostas. A confirmar.

2. Para quem lê, humor. Sabendo ler com bom humor, é possível dar muitas gargalhadas. Além disso, conforta saber que tem homens tão imbecilóides assim no mundo, aquela sensação de ser melhor que a concorrência, sabe? Eu recomendo como um bom guia sobre o que NÃO fazer com mulher.

3. Para quem nerds que ainda são virgens aos 40 anos: ali os Virgens aos 40 podem aprender um pouco (mas muito pouco) sobre sexo e mulheres.

AUTORIA:

Evidente que o sujeito não se identifica. Se eu tivesse um blog vergonhoso desses também não assumiria para ninguém. Bastava não se pronunciar, mas ele não resistiu a um marketing pessoal…Podemos ver o próprio autor se descrevendo no blog. Está em letras marrom cocô: “Eu sou assim”:

“Cafajeste. Sou um ser de personalidade metamórfica, gosto de ser fiel num relacionamento sério, fixo, mas completamente fiel às minhas vontades quando solteiro. Posso até pagar a conta do restaurante e o motel, mas pra dizer “eu te amo” eu cobro… e cobro caro!!”

Desconfie de quem ostenta. Este sempre foi meu mantra. Um cafajeste de verdade JAMAIS te dirá que é cafajeste. Mas tudo bem, vamos deixar ele tirar onda de malvado.
Personalidade metafórica: sem comentários.

Pergunta: quando está em um relacionamento sério ele não é fiel às suas vontades?
Ele cobra para dizer que ama. Curioso, pela leitura (dolorosa) que fiz deste blog, achei que fosse justamente ao contrário. Tem jeito de quem precisa pagar…

EXEMPLO DE POSTAGEM (COMENTADA):

Tem muita coisa grotesca. Gente, fiquei mais de uma hora tentando decidir qual delas postaria aqui. É uma pior do que a outra. Tem uma que ensina a melhor forma de levar uma mulher para o motel. Juro pra vocês que se um homem aplicar essas técnicas comigo enfio-lhe a porrada. E tem outra que ensina a trair que me fez chorar de rir.

Enfim, não consegui escolher. Decidi seguir a orientação do próprio autor do blog, que diz “indico uma leitura de trás para frente, ou seja, do primeiro post ao último (não precisava me explicar como se procede a leitura de trás para frente, querido, eu estou familiarizada com o conceito), para tal, consulte o índice do seu lado esquerdo.” (não precisava ter avisado que o arquivo estava do lado esquerdo, as letras marrom cocô gigantes não nos deixam esquecer – gente burra sempre dá excesso de instruções, porque eles sempre precisam de excesso de instruções).

Não é uma das piores, existem coisas realmente teratológicas ali. No entanto, refletem bem o espírito do blog. O título, em seu marrom cocô asqueroso, é “A abordagem”.

Saudações heterossexuais meus amigos. (Tá ostentando que é hetero porque? Pairava alguma dúvida?) .

Se você chegou até aqui (ou seja, se conseguiu ler um prólogo de cinco linhas), sinta-se um felizardo (que honra ter o privilégio de ler seu blog, hein?) No nosso primeiro contato vamos falar sobre a introdução, literalmente falando. (rolando de rir do seu trocadilho TÃO engraçado)
primeiro contato: (excesso de explicação novamente)

Toda mulher gosta de algo diferente, feijão com arroz quem gosta é operário (pela afirmativa incisiva, podemos perceber que o autor teve o privilégio de conhecer todas as mulheres do mundo) . Você deve ter em mente que toda mulher é vulnerável (olha que bacana, mais um TODA MULHER! Somos todas iguais, meninas. Somos todas vulneráveis), toda ela tem um ponto fraco (homens não tem pontos fracos), nossa tarefa é apenas encontrá-lo (porque o bacana é ganhar mulher assim, na malandragem, no ponto fraco, já que se ele for ele mesmo e agir de forma natural e espontânea jamais vai conseguir). Diferentemente do que muitos pensam (sim, professor, me ensine), nem sempre esse ponto fraco é fisiológico (todo mundo pensa isso?), as mulheres, ao contrário dos homens (fale por você, que de homem tem muito pouco), precisam de algo mais que o toque (jóias?), PRESUMO QUE AQUI DEVERIA HAVER UM PONTO – A CONFIRMAR saiba se portar em frente à mulher, saiba entendê-la e agradá-la (não seja você mesmo e fique com a mulher que gostar de você do jeito que você é, o bacana é fingir o que ela quer). E ai está o grande problema, todo ser tem suas fantasias (hã?), seus gostos, suas vontades (hãããã?). Então, como atrair a presa para a armadilha? (você precisa armar um esquema para atrair uma mulher? Seja bonito, divertido, agradável e elas virão sem precisar de nenhum joguinho para atrair)

Com certeza esse passo é fundamental, saber como agradar é tão difícil quanto conseguir se manter agradável (para pessoas com personalidade repulsiva como você talvez possa ser, mas pessoas legais não fazem o menor esforço para ser agradáveis, apenas são elas mesmas). Conhecer cada vítima é fundamental para o sucesso da missão (ele vai estuprar alguém?). Isso hoje em dia, com o advento da internet e sua larga utilização é cada vez mais fácil (é sim, pessoas quase não mentem na internet, é uma ótima ferramenta, principalmente para quem não tem culhões de praticar a conquista ao vivo, olho no olho), basta a você ser inteligente o suficiente para saber onde e como procurar (procurar parceiros na internet e inteligência são duas coisas que, na minha opinião, não combinam – Garanto que ele já deu em cima da Kelly)

Período investigativo:

O orkut por exemplo, é o lugar mais fácil de se conhecer sua vítima (principalmente se você é um loser que não sabe ou não tem coragem de seduzir ao vivo e a cores, olhando nos olhos), olhe suas comunidades, suas fotos e scraps, informações preciosíssimas para o movimento das peças no xadrez (com certeza vai ser tudo verdadeiro, ninguém mente ou se promove no Orkut. Aproveite e entre na comunidade “Eu vi a Kelly na webcam”). Tente seduzí-la (tem acento?) com as informações que ela mesma dá (seduzir via Orkut? Loser, loser, loser). Não tente parecer o mestre de todos os assuntos que ela gosta (como você faz aqui no seu blog marrom cocô?), afinal, provavelmente ela deve entendê-los bem melhor que você, diga apenas que simpatiza, que acha interessante e demostre (ele quis escrever demoNstre) interesse em apredê-los (ele quis escrever apreNdê-los – será que a letra N do teclado dele está com problema?), com sorte e competência, ela poderá se oferecer pra ensiná-los.. (u-hu! O sábado à noite vai bombar! Um fake do Somir vai te ensinar um pouco sobre axé!!!)

Uma bela vez conheci uma garota (Kelly?), no começo ela não quis dizer seu nome (Tiago Somir?), apresentou-se apenas através de um apelido que ligava diretamente ao seu nome, por exemplo “Lu”, durante a conversa (enquanto isso, na vida real, muitas mulheres solteiras e atraentes se divertem em vários points da cidade) tratei de saber qual o curso que ela fazia e a faculdade (para saber se tínhamos conhecidos em comum). Com o novo conhecimento (enquanto isso, na vida real, diversas mulheres atraentes e solteiras conhecem homens de verdade, que as olham nos olhos e conversam de forma segura e divertida) tratei de procurar as comunidades relacionadas ao curso e a faculdade onde ela estudava (será que ele trabalha? Queria tanto ter tempo livre para essas coisas…) . Por ser um curso e uma faculdade bastante procurada, mandei um link de uma comunidade do orkut para ela fazer o login, para evitar ficar procurando entre os milhares de membros das comunidades,(espertão você! Nerd Pride!!! Boa campeão!) ao fazer o login… Bang.. (Zaz! Pum! Zap! Será que ele gostava do seriado antigo do Batman?) Lá estava seu perfil entre os primeiros membros das comunidades (nossa! Você é malandro mesmo!!!), reconheci pela foto e pelo seu nome, que possuia (acento é o de menos em uma grande bosta como essa) uma grafia bastante diferente (como a grafia “inovadora” que você utiliza aqui no seu blog?) da sua forma mais conhecida . (enquanto isso, na vida real, diversas mulheres atraentes e solteiras conhecem homens de verdade que perguntam do que elas gostam e conversam sobre assuntos de seu interesse e trocam beijos com eles, avaliando se há química entre eles) Tratei logo de fuçar suas comunidades (Caralho, Mermão! Você precisa de TUDO ISSO para conquistar uma mulher? Não serve ser você mesmo não? Você deve ser um cu sujo e mal lavado!) , numa rápida pesquisa ao Google já fui colhendo informações sobre os assuntos e pude, (é problema com acento, com ortografia, com virgula… puta merda) enfim chamar sua atenção de uma forma mais produtiva.(“porque se fosse eu mesmo e falasse das coisas que eu entendo e gosto passaria vergonha, então, tive que PESQUISAR para saber o que ela gostar, de modo a impressioná-la com uma mentira”)

É difícil entender (caralho voador! Claro que fica difícil entender! O sujeito não pergunta à mulher o que ela quer, apenas fuça e acha que sabe tudo) um ser tão complexo como o ser humano (odeio gente tosca que tenta escrever de forma rebuscada) , impossível é entender as mulheres (se ficar fazendo esses joguinhos babacas, realmente. Que tal perguntar o que quer saber se quer nos entender?), porém jamais deveremos esquecer que não somos tão diferentes assim.(realmente, VOCÊ não difere muito de uma mulher, a julgar pelo seu blog. MULEZINHA FOFOQUEIRO FUÇADOR DO CARALHO! MORRA! MORRA!)

DELETA EU?

Deleta! Porque deve ter gente lendo isso e achando que são bons conselhos. Deleta essa merda e todas as demais do gênero. Se o Somir ousou jogar pedras no Homem é Tudo Palhaço (do qual eu sou leitora), que narra histórias bem humoradas de forma descontraída, tem é que jogar ácido nesse arrogante imbecilóide dono da verdade que vem com receitinhas simplórias para se dar bem às custas de parecer algo que não é. Este blog é uma bosta sem fim e me enoja saber que boa parte dos homens tem essa cabecinha de merda.

Para me dizer que se sentiu vingada pelo Deleta Eu do HTP porque eu provei que homem é muito mais palhaço do que a gente pensa, para se solidarizar com a minha dor por ter lido essa merda de blog para escrever este Deleta Eu e para dizer que prefere o blog nesse esquema de Semana do Avesso do que no original: sally@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

O que você achou?

Loading spinner

Comments (20)

  • Sinceramente achei muito chato esse seu blogzinho, quase dormi lendo seus posts. Como o Hugo disse “parece um estudo antropológico. Os textos do Cafa são deveras mais divertidos, interessantes e na maioria daa vezes “a verdade nua e crua”. Você é extremamente tediante. Conforme-se!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Carolina Oliveira

    EU RI MUITO COM ESSE CARA. Sim esse lixo que ousa dizer que é um puta homem tem muitas cópias por aí, que dó!! Adorei o post

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Eu leio o blog do Cafa e acho uma graça, tudo que ele diz é verdade tem muita mulher linda, independente e inteligente q vira uma mula qdo se trata de relacionamento, acho q dentro do mundo em q um publicitario, classe média alta, paulistano vive tudo q ele descreve é bem real. Sinto muito se ele ofende a tanta gente.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • No perfil do cara está personalidade metamórfica e não metafórica. Certa vez vc listava as qualidades de pegador do Somir, dizendo que ele sabia simular exatamente o que a mulher esperava dele e depois largava a coitada apaixonada. Vc criticou exatamente a mesma coisa nesse cara… Vai ver ele tem mais razão do que vc pensa… Outra coisa: ele pode ser meio burrão mesmo, mas também pode ser desleixo exatamente pela falta de tempo. Mais uma: à época deste deleta eu, o blog estava abandonado há mais de um ano.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Eita, eu comentei pensando que era o manual do cafajeste para mulheres. Vi agora esse para os homens e é MUITO trash. Fora que o cara não tem nenhum senso de estruturação de um texto, né? SUPER desfavor

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Uma vez conheci um cara pela net e não é que o Zé Ruela fez isso? Será que ele lia ess blog aí? Ele começava a puxar papo sobre todos os assuntos das comunidades que eu frequentava. Tipo perguntar qual meu chocolate favorito, porque eu entrei na comu Chocólatras Assumidos, perguntava se eu queria tomar um café com ele, porque me viu na comunidade Tomo Café, logo existo e por aí vai… Não funciona! Isso torna o papo monótono e parece uma investigação da minha vida. Deve ser um psicopata, credo! Medooooooo

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Dessa semana eu gostei do Somir Surtado e do Deleta Eu da Sally. E quem vai escrever o outro capítulo da novela DR Forever?
    EU ME SENTI VINGADA PELA INJUSTIÇA COMETIDA PELO SOMIR SOBRE O HTP!!!
    Fã clube da Sally uhuuuuuuuuu

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Concordo com a Letícia, que graça tem falar de um blog que nem respira direito (quem sabe sob ajuda de aparelhos?).

    Também queria ver falar mal do outro manual, seria muito mais engraçado!

    Mas valeu, se a ideia era vingar as leitoras do HTP (que eu também acho muito chato) acho que o objetivo foi cumprido.

    Olha Sally, prefiro pensar que esse cara é uma exceção. Não acredito que tenha tanto homem que pensa igual a esse mané…

    PS: é personalidade METAMÓRFICA, não metafórica.. mas ficou engraçado! XD

    O que você achou?

    Loading spinner

  • uma vez eu achei ele no orkut.. se vcs vissem a cara do infeliz, cai por terra tudo que ele escreve.. é um merdinha… tem 24 ou 25 anos..e se chama Gustavo.. e ele nao é o casado broxa… ele nap é tao fodão qto parece…

    o msn dele é ou era finfanfun@hotmail.com

    nao lembro o sobrenome dele pra procurar no orkut…

    e ele é muuuuito mala..

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Sally, você venceu. HTP está vingado para sempre! Eu falei mal de um blog e você achou a versão masculina dele.

    Hahahahahahah…

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Somira não ensina nada e não se dirige a machos. Somira responde o que lhe é perguntado a mulheres…

    E ainda assim, sob alcunha de mulezinha!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • “Onde já se viu macho que é macho ficar de ti ti ti na internet, ensinando outro macho (e ainda por cima ensinando errado!) a lidar com mulher?”

    Isso é uma crítica indireta ao Somira responde?

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Poxa Sally bater em cachorro morto não tem graça…eu queria era ver vc falar do Manual do Cafa para mulheres, que tb é umabosta, e uma auto promoção disfarçada.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Dica de como levar mulheres aos motéis: De carro.

    (Piada sem graça proposital)

    Li até o começo da postagem comentada, acho que esse sujeito é uma Sally surtada de calças, com um intelecto bem inferior, claro… Eu sou contra qualquer blog sexista, esse e o HTP.

    Ah… Uma mulher certa vez me disse que… o conteúdo postado ali talvez seja válido e, dicas funcionem… mais com umas “inhas” qualquer. Faz sentido.

    Sei que qualquer ostentação e auto-promoção irritam a Sally, por isso tenho pena dela por ter se sujeitado a ler esse blog…

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Spoiler para quem não lê nosso forum: CB = Casado Broxa, uma figura que atormenta uma das nossas leitoras faz meses…

    Cath, ele é tão autêntico quanto uma nota de três. Cheguei a me perguntar se não era uma mulher escrevendo aquele blog!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • SALLY!

    Será que esse filho-da-puta é o CB?
    A abordagem não é muito diferente da dele…

    Eu heim…

    O que você achou?

    Loading spinner

  • E ele sempre fica com aquela coisa: “tem uma empresa super legal, com uns produtos super legais” e blá blá blá. Eu já vi uma foto dele e ele é bonitinho, mas arrogante e se acha o homem comedor das rainhas das escolas de samba, né?

    O que você achou?

    Loading spinner

  • “Textos pobres, com erros gramaticais gritantes, conteúdo medíocre(…)”

    Sem puxar o saco, mas puxando, vocês elevaram o padrão aqui no Desfavor. O que há por aí ficou ainda pior depois que esse blog começou…E só de pensar em mandar algum texto, fico suando frio.

    Suellen.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Prefiro o Somir, vc tornao texto com observaç~eos cansativas, o Somir é mais balanceado.

    O manual do cafajeste para ‘mulheres’ é mais sensato. Mas este é quase um estudo antropológico. Não é a toa mulheres achando mulheres mais interessantes qeu homens…

    Ps.: Citar HTP de novo é uma rendençaõ? uma demostração de solidariedade para os leitores que ganharam de lá?!

    O que você achou?

    Loading spinner

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: