Top Des: 20/06/2021

SALLY
Já chegou aos 500 mil, e com muita subnotificação.
SOMIR
Tenho certeza que esse país vai se esforçar para chegar no milhão.

SALLY
O mal do egoísta é esse: enquanto não afetar individualmente, a pessoa não se incomoda.
SOMIR
E a culpa dessa situação foi do lockdown que nunca fizemos.

SALLY
Não tem protocolo de segurança possível do Brasil, aceitem isso.
SOMIR
Se o Covid fosse transmitido por tartarugas, esse povo ainda sim conseguiria se contaminar.

SALLY
E quando pegam, soltam pouco tempo depois.
SOMIR
Bem que Bolsonaro disse que não ia intervir no direito de ir e vir…

SALLY
Vai fazer a sobrancelha, vai filho…
SOMIR
O cidadão faz propaganda do KFC, mas se preocupa muito com a saúde do povo.

SALLY
De ir ao bar tomar a cervejinha ninguém esquece, né?
SOMIR
São dessas pessoas que você depende para vencer a pandemia…

SALLY
Não adianta, na cabeça do brasileiro vai acontecer com todo mundo, menos com ele.
SOMIR
Agora eu sei porque o Lula está no topo das pesquisas eleitorais.

SALLY
Parabéns, completaram o álbum das variantes.
SOMIR
Rumo à Ômega!

SALLY
Se o brasileiro fosse tão exigente com o resultado do seu trabalho como é com vacinas…
SOMIR
O importante é achar que está levando vantagem.

SALLY
Quem não tá virando gay, tá virando negro ou mulher.
SOMIR
Curioso que quem diz que é contra rótulos parece mais disposto a criar rótulos…

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

Comments (16)

  • Tô com uma ideia de postagem para o Flertando com o Desastre , que abordaria a questão do TOKENISMO seria um ótimo tema e a ideia seria o Somir escrevendo, tratando das experiências publicitárias do Bradesco, Itaú, Natura e Magazine Luiza por exemplo.

  • Todos os protocolos de segurança = frasco de álcool em gel na entrada do estabelecimento e, com sorte, um carinha na entrada com aquele medidor de temperatura que só acusa alguma coisa se o cara estiver morrendo de hipertermia.

    Que inclusive pode estar fazendo a medição embaixo de um ar-condicionado, como acontece no supermercado que eu vou.

  • Quando o brasileiro médio finalmente assimilar que se pegar a doença, mesmo assintomático, pode ficar com seqüelas pelo resto da vida, o índice de suicídios dessa pocilga vai explodir.

  • Desenhos e quadrinhos ocidentais se tornaram ferramentas de recrutamento à militância e indocrinação.

    Pra mim o ápice foi atingido recentemente com a parada gay do desenho Blue’s Clues.

    https://www.youtube.com/watch?v=d4vHegf3WPU

    Esse é um desenho feito pra crianças de 3 a 5 anos, que exibiu esse episódio sobre uma parada gay. Crianças querem duas coisas na vida, se divertirem e se sentirem especiais. Iniciativas como esse episódio da parada gay mostram pras crianças que se você “for” gay, você se torna especial, vai se divertir um bocado, e vai ter uma festa especial só pra você. Ou seja, indocrinação pura.

    Dois detalhes que eu achei notáveis foram a drag queen apresentando a parada com um microfone com o símbolo do punho em riste (vinculado hoje principalmente ao comunismo e ao Black Lives Matter) e a família de castores, em que a filha tem as marcas da cirurgia de remoção de seios para transição.

  • A única solução pra esse Lázaro é alguém enfiar uma bala na cabeça dele. E se realmente ele for morto pela polícia, vai ser engraçado ver a facção PSOLeira usar ele como bandeira de protesto contra a violência policial – porque eles vão fazer isso. Coisa que reverbera muito bem na trindade profana das classes artística, jornalística e acadêmica, mas o povo já não tem muito saco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: