Autor: Somir

Ultimamente eu estou pesquisando bastante sobre as melhores peças para montar um computador novo, e considerando que temos alguns nerds por essas bandas, acho que pode ser interessante dividir a informação com os possíveis impopulares interessados em atualizar suas máquinas com a aproximação da Black Friday. Se você não liga para computadores ou vai ignorar a Black Friday, volte amanhã.

Continue lendo

Ontem foi feito o leilão das frequências do 5G brasileiro. Como em quase tudo o que tem a ver com tecnologia, o Brasil não é pioneiro, mas também não está tão atrasado assim. Em pouco tempo vamos ver as redes surgindo nas grandes cidades. O que isso pode mudar em nossas vidas?

Continue lendo

A pessoa que apareceu numa foto fantasiada de goleiro Bruno segurando um saco de lixo escrito Eliza foi identificada e demitida do lugar onde trabalhava, um estúdio de tatuagem em Manaus. Era apenas questão de tempo hoje em dia. Como já dissemos em outras postagens, concordando ou não, existem consequências para o que se faz nesse mundo de conexões instantâneas pela internet. Mas, será que elas servem para alguma coisa?

Continue lendo

No meio de mais uma crise de imagem, o Facebook resolveu mudar o nome da empresa controladora de todos seus serviços: agora se chama Meta. O Facebook, o Instagram e o WhatsApp continuam iguais, mas agora são da empresa Meta, não mais da empresa Facebook. Seis por meia dúzia? Sim e não: a mudança de nome também indica o foco do grupo chefiado por Mark Zuckerberg, desenvolver o Metaverso. Mas… o que é isso?

Continue lendo

Sally achou uma matéria e mandou para mim, como faz algumas vezes por semana. Ela tinha achado absurdo, minha reação foi bem menor. Não pelo teor, que prega que não se relacionar com pessoas trans é sinônimo de transfobia, que é de arrepiar os cabelos, mas porque eu já tinha sido exposto à essa insanidade anteriormente. Para variar, brasileiros imitam maluquices de americanos (lacradores ou conservadores) depois de algum tempo. Pelo visto essa está chegando, então é hora de falar disso: não é direito de ninguém ser atraente, e nunca vai poder ser.

Continue lendo