Tag: sociedade

Provavelmente desde a primeira máquina que substituiu trabalho humano já deve se falar sobre o dia hipotético onde robôs vão assumir todos os trabalhos e deixar uma grande massa desempregada. E com a tecnologia finalmente chegando no ponto necessário para começarmos essa transição, já se começa a discutir qual seria o papel da automação na sociedade humana, além, é claro, de aumentar os lucros de quem produz. Também não estou sendo original nessa ideia, mas: talvez os robôs sejam a condição necessária para o socialismo finalmente funcionar…

Continue lendo

O mundo de hoje é claramente influenciado por religião e conhecimento científico, Sally e Somir concordam com isso, mas não chegam aos mesmos resultados ao definir quem teve o maior papel na nossa história. Os impopulares respondem com teses ou dogmas.

Tema de hoje: quem influenciou mais o mundo atual, ciênca ou religião?

Continue lendo

Muito se fala em “sair do armário”. Um ato de bravura, de coragem e de superação que geralmente se entende como contar a entes queridos ou ao mundo que a pessoa é gay. Durante muitos anos, homossexuais foram execrados neste momento, que era praticamente um marco para que sua vida mude para pior: agressão, expulsão de casa e outras coisas igualmente tenebrosas eram as consequências mais comuns. Hoje, o gay que sai do armário é aplaudido socialmente por aqueles com a mente mais aberta. Pena que sejam só os gays.

Continue lendo

Como é uma coluna meio rara, sempre bom explicar: Dés Potas é onde sugerimos soluções “mágicas” para grandes problemas sociais partindo do princípio de controle total. E hoje eu quero falar de uma dessas soluções, que passa longe de ser inovadora, mas que finalmente pode ter seu valor no mundo de hoje: a renda mínima garantida. Mas não pelos motivos nobres que vocês possam imaginar…

Continue lendo

O texto de hoje pode ser uma grande bobagem, mas é honesto. Saiu mais uma lista da ONG Transparência Internacional, que mede a percepção de corrupção em diversos países pelo mundo. O Brasil-sil-sil caiu sete posições de 2014 para 2015, ficando na 76ª posição entre os 168 países analisados. Depois de tanta sujeira aparecendo, era previsível. A lista é feita com base em pesquisas de opinião, sem se basear em fatos que comprovem a corruptibilidade daquele povo ou não. A Dinamarca ficou em primeiro, a Somália ficou em último… novamente, previsível. Mas, será que é previsível pelos motivos que costumamos pensar?

Continue lendo