Processa Eu!: Laudia Ceite

Tião, precisa de mais preda pro reboco!Axé é derrota. Ser cantora de axé é derrota. Agora, ser cópia de cantora de axé é o fundo do poço. E se achar a última bolacha do pacote estando nesta situação é estar no fundo do poço coberta de merda até o pescoço, que é o caso da nossa homenageada de hoje. Processa eu fala sobre a arrogante, barraqueira e eterna baranga mega-produzida para ficar apenas comível, Laudia Ceite

Ela tira onda de baiana, mas como quase tudo de ruim que existe na Suíça, veio mesmo é do Jio de Raneiro. Nascida em um dos locais mais horrendos do Jio de Raneiro, uma favela (porque vai tomar no cu que isso é um bairro!) chamada Gão Sonçalo, este ser humano se diz cantora (aff), apresentadora (hã?) e atriz (HAHAHAHAHA!). Desfavor acha super engraçado quem sai dizendo ser alguma coisa que não requer diploma. Inclusive gostaríamos de aproveitar para dizer que somos ginastas olímpicos, maestros de orquestra e jornalistas.

Mas quem disse que ela não estudou? Estudou sim, fez faculdade de direito e parou no segundo período (ok, era de se esperar que não concluísse, porque afinal, tem que saber ler e escrever para se formar), fez comunicação social e também parou (ok, também tem que ler, entendemos a desistência) e finalmente, fez faculdade de música, FUCKIN´ MÚSICA, e não concluiu! Não concluir faculdade de música é mais grave do que ir ao motel e não dar!

Como toda subcelebridade, ela adora exaltar que começou cedo e que sempre teve vocação para a coisa. Consta que aos três anos de idade já pegava em microfones cantarolava por aí quando tinha oportunidade. Agora vem cá, que criança não fica cantando quando é pequena? Porra! Se for assim eu sou cantora, eu tenho um vídeo meu com uns 5 anos cantando “atirei o pau no gato”, serve? (a falta de sentimento ecológico floresceu em mim desde cedo…). Daí foi cantando, naquele esquema fazendo de tudo para ficar famosa e quando finalmente consegue diz que foi sorte, que foi “descoberta” em um bar qualquer por um empresário. Então tá bom. Oeeeee! Seeenta láááá! (imitando Silvio Santos)

Começou a ganhar projeção quando começou a trabalhar para o Bixo da Cara Preta, conglomerado do axé, responsável pelas maiores desgraças musicais da Suíça, como por exemplo o É o Tchan. Começou a fazer sucesso com uma banda de merda chamada Nabado Bovo e como toda mercenária, assim que começou a fazer sucesso deu um foda-se para a banda e seguiu carreira solo. Facin facin quando seu maridão é empresário e produtor. Cazuza feelings.

Além de fingir que cantava, porque é a rainha do playback, ainda fingia que tocava uma guitarrinha, acredito eu, com a única intenção de esconder o pânceps, porque ela era bem fofolete e flácida. Porque podem falar o que quiserem do axé, mas se tem dois méritos é que 1) as mulheres são gostosas e 2) a baianada sobre no trio e berra a noite toda, as mulheres tem voz! Menos ela, que era fofolete e que vive de playback. Pegou o lado ruim do axé (repertório) e somou ao lado ruim do pop (show fake dublado). Brilhante. E se antes, quando era baranguete, fazia a linha rock-axé com sua guitarrinha e seu discurso sobre ser diferente, foi só ser alavancada pelo maridão que se retalhou toda em plásticas e quando ficou com o corpo que ela julga bonito, começou com roupa e postura sexualmente apelativa.

Desculpa, mas não tem muito mais que falar da carreira desta subcelebridade. Posso até citar uns dados meio forçados que indicam que ela vende bem. Grandesmerda vender bem na Suíça, quase que um atestado de música ruim! Já que não tem muito o que falar da vida profissional, vamos bater um papo sobre a vida pessoal da moça?

Muito democrática, a moça já protagonizou diversos vexames por causa de seu mega-ego e complexo de pobre baranga que sobe na vida. Certa vez um repórter que teceu críticas a seu trabalho e a seu corpo (em outra ocasião) foi entrevistá-la e a moça, em uma prova de humildade, tomou o microfone dele e começou a pagar esporro por ele já ter feito críticas a ela. Dunga feelings.

Não contente, o marido da moça ainda deu umas porradas no repórter: começou com uma gravata e terminou com ele sendo atirado contra a parede. Os seguranças da mocinha só liberaram o repórter depois que ele entregou a fita onde estava gravada a agressão. Pobre quando sobe na vida só faz merda. E olha que as críticas dele não eram nada de mais: falou que ela imitava outra cantora baiana e que ela tinha pernas de sabiá. Se ela achou isso ruim, Desfavor está aqui para provar que tudo sempre pode piorar. Se a gente apanhar ou morrer, já sabem: não foi o goleiro Bruno, foi o capanga da Laudia Ceite! (me mate mas não me obrigue a ouvir Nabado Bobo).

Um caso isolado, dirá algum fã. Nada disso. Gente que tem merda na cabeça, quando abre a boca sempre fede. Em uma entrevista a um famoso programa de fofocas, o repórter, salvo engano, que era travesti, perguntou o que ela acharia se seu filho fosse gay. Sabe o que ela respondeu? “Prefiro que meu filho seja macho”. E o marido ainda teria dito que isso não aconteceria, porque seu filho seria muito bem criado. Falta de noção mandou lembranças, viu? Porque tem jeitos e jeitos de se dizer as coisas e quando se é uma faveladinha de Gão Sonçalo, você pode dizer o que quiser aos berros no butequinho da esquina, mas quando se é pessoa pública e formadora de opinião, tem que pensar antes de vomitar esse tipo de desfavor por aí.

Podia ter dito que amaria o filho incondicionalmente, né? Ficaria bem melhor. Gente sem berço. Não contente em cagar, ainda rolou na bosta. Foi dar uma de superior em seu blog, dizendo coisas que aparentemente, em tom irônico, dão a entender que ela deveria ter sido hipócrita para não sofrer reprovação. Cabecinha de gente medíocre é assim, só duas opções: ou total sincericídio, ou mentira descarada. Falta de sofisticação me aborrece. Claro que depois que foi ameaçada de boicote, brotou o discurso do amor incondicional, que neguinho não é bobo nem nada.

Não é novidade para ninguém a arrogância e o estrelismo desta criatura, ela é tipo uma Carolina Dieckmann do axé. Tem até relatos de que ela tira fotos mostrando dedo médio com suas fãs. Não que a gente esteja criticando isso, muito pelo contrário, Desfavor adora. Desfavor siacaba pensando naquelas macaquitas de auditório tomando um dedo médio de seu objeto de adoração. O que não pode é tirar onda de boa moça depois, porque ser escroto é bacana, mas ser incoerente é ridículo e tira todo o mérito da trollagem.

E se você ainda não se convenceu que essa mulher é uma brega, hipócrita, desprezível, vamos dar o último totozinho: ela fez uma participação no CD gospel da Pastora Caroline Celico, vulgo “Mulé do Kaka”. Isso aí, de dia canta axé e suas letrinhas educativas (“bota o canudinho na boca… tira o canudinho da boca… ai ai ai ai”) e de noite ora a Gezuiz. Eu devo mesmo levar a vida muito a sério com essa minha mania de querer ser coerente! Mas eu devo ser louca, porque aparentemente, usar short intra-uterino e rebolar são coisas do agrado de Gezuiz, vide Gretchen, Rita Cadilac e outras ovelhas (ovelhas ou piranhas?) do rebanho do Senhor. Não me levem a mal, mas o único jeito dessa mulher ter Jesus dentro dela é dando pro namorado da Madonna.

E por falar em Gezuiz no coração, vamos conversar sobre isso. Porque eu acho que quem fica ostentando esse tipo de coisa tem o dever de apresentar uma conduta exemplar, ainda mais quando se é uma pessoa pública. Porque um dos ônus de ser uma pessoa pública é ter sempre um repórter colado no seu rabo. Pena que nem sempre as pessoas tem postura suficiente (ou seria inteligência) para lidar com isso. Juntemos os fatos: saiu em um jornal que uma famosa cantora “loira-bonita-e-gostosa” estaria traindo o marido com um dos dançarinos de sua equipe. Até aí, tudo bem, poderia nem ser ela, porque afinal, o “bonita e gostosa” suscitam dúvidas. Mas depois veio a cerejinha no sundae: “Dizem que numa festa na Furacão 2000, há um ano e meio, ela e o cara quase se atracaram na frente de todo mundo” e que “em uma recente viagem internacional a cantora foi sem os bailarinos, mas levou o amante credenciado como segurança”. Tio Google entrega. Adivinha quem é?

Alguém diz para ela tentar parar de se auto-afirmar tirando onda de suuuper querida e amada pelos fãs? Gente, ninguém aguenta essa mulher. Tão mandando ver no Twitter dela. Ela tá sendo xingada porque tá imitando uma cantora internacional, porque sua música é uma merda, porque imita uma cantora nacional, porque canta em inglês errado… enfim, por uma série de motivos verdadeiros, mas tudo tem como pano de fundo sua arrogância. Vê se alguém xinga Rogerio Skylab porque ele canta errado? (“era e vênus de MiloSSSS… do meu jardim…”). Neguinho não xinga por intolerância com o erro alheio, até porque, todo mundo erra, se fosse assim todo artista seria xingado. Neguinho xinga porque ela é cheia de marra, é muito pouca merda e posa de popstar. Chegou a um ponto em que ameaçaram fazer vudu com um bonequinho simbolizando o filho dela. Desafvor adora gente ousada, batemos palmas para quem excedeu o mau gosto e fez esse tipo de ameaça, a gente ama quem não tem medo de criança, deficiente e idoso, apesar de que, estou achando que isso é coisa do Somir. Não existem duas pessoas no mundo capazes de tanto escrotidão…

Não que ela se importe muito com o filho, mas ela tenta passar uma imagem de boa mãe. Um passarinho personal me contou COMO ela entrou em forma poucas semanas depois de ter um bebê, e acreditem, é de sentir vergonha. Ela já tem dinheiro para jogar pro alto, poderia muito bem curtir o filho e dar um tempo no trabalho, mas não, POBRE tem essa sede brega e ilimitada de sucesso e de fama! Tome de se encher de coisas para emagrecer, tome entrar na cânula, tome de ficar viajando e levando bebê novinho para cima e para baixo, tome de fazer um monte de coisas desnecessárias… saldo final: filho com meningite.

Perdeu 8kg em dez dias por passe de mágica? Ela afirma que foi só amamentando. HÁ! Espera, um é pouco: HAHAHAHAHAHAHA. Bebê amamentado tem anticorpos e não meningite. Apenas 25 dias depois do parto subiu em um palco de barriga de fora, barriga sequinha! NO CU que isso é possível só amamentando. Alguém que teve filhos aqui tem coragem de me dizer que 25 dias depois do parto é possível estar com a barriga pranchada, sequinha? Isso não é exemplo de mãe, é exemplo de mercenária dependente de fama. Querem rir? Este “exemplo” de mãe foi contratada pelo Governo suíço para ser garota-propaganda de uma campanha de vacinação infantil.

Daí você pode dizer: “Mas Sally, você pode estar sendo injusta, vai que a moça tem tendência a emagrecer?”. HAHAHAHAHAHA. Ela tenta esconder, mas uma porra dessas não se consegue esconder. Dá uma olhada na “face” (favor pronunciar “fêice”) da cidadã, no layout antes da fama e repita comigo: não existe mulher feia, apenas mulher pobre:

http://sodaindie.com/wp-content/uploads/2009/07/claudia_leite_antes_fama.JPG
ATENÇÃO: O link acima pode causar danos para a sua libido.

Ela acha que todas as críticas são frutos de uma rixa dos fãs de outra cantora de axé suíça. Auto-perdão é uma delícia, hein? Desfavor não apóia nenhuma cantora de axé, muito pelo contrário, quer que todas se fodam muito longe daqui, e ainda assim achamos Laudia Ceite um cu. Por mérito próprio mesmo. Não que isso impeça ela de espinafrar os fãs da outra cantora de axé em seu Twitter, porque como sabemos, humildade passa longe daquele corpo lipoaspirado. Fofys, você é gordinha, táááá? Presta atenção na minha terminologia; É. Porque gordo SE É. Sempre vai ser. Pode tomar seus produtinhos, viver na cânula e na anorexia sustentável, que onde você descuidar, infla novamente.

Eu sempre digo que pobreza é um estado de espírito e muitas pessoas não entendem. Vejam bem, é possível tirar a menina do subúrbio, mas não é possível tirar o subúrbio da menina. Pobreza não depende do local onde você nasceu, pobreza vem de dentro. E nossa homenageada de hoje é uma pobre padrão. Além de pintar o cabelo em um tom de “loiro patinho” há muito fora de moda e que não combina em nada com ela, a moça adora dar nomes cheios de consoantes para suas músicas. Porque chamar uma música de “Exttravasa”, ou sua turnê de RHYTMOS? Gão Sonçalo não saiu de dentro dessa moça. E nem vou comentar sobre as roupas que ela usa, que são pau a pau com Dunga e Jô Soares. Ela parece um palhaço de circo em metade de suas aparições, e uma puta na outra metade. Não fiquei nem um pouco chocada quando suas fotos foram parar em um site de prostituição. Dá mesmo para confundir…

Já viram ela cantando em inglês? FAIL. Já viram ela escrevendo em inglês em seu Twitter? ou melhor, já viram ela escrevendo em ingrês no seu Tuití? “Imagine my friend. Me, my husband, @acioliyan + some friends. And now we’re listenning Rude Boy You Kow what I mean?”. FAAAAAIL. Se é para passar vergonha, melhor escrever em seu idioma, né? Humildade? Oi? Porque merda canta “Bad Romance” em show se erra a porra da letra toda! Erra até o REFRÃO, O FUCKIN´REFRÃO! Para fazer uma merda dessas melhor regravar Fábio Jr.

A modéstia dela não tem limites. Em uma entrevista para um famoso programa, quando o repórter comentou que os fãs da moça gostavam muito dela, a moça não deixou por menos: “você não está entendendo, meu fãs não gostam de mim, eles me amam, amam de verdade. Posso deixar de ser famosa, ficar velhinha que eles ainda vão continuar apaixonados por mim”. HAHAHAHAHAHA. ENTÃO TÁ BOM. Volta a ser a mocréia obesa da foto acima e sobe em um palco para mandar colocar o canudinho na boca e vê só se você não leva uma lata de Skol no meio dos cornos! Tudo bem que seus fãs são uma massa acéfala de ignorantes, miguxos, emo-baianos alienados, mas porra, não exagera!

Minha Senhora, você é uma versão reloaded da Muxa, só que mais nociva e mais tóxica. É um exemplo clássico da falta de berço e da inversão de valores que estão fodendo com a sociedade suíça. Sua beleza é plastificada, se passar uma água e sabão nessa sua fêice, sua beleza vai ralo abaixo. Se cortar seus tratamentos estéticos tu volta a virar esse bicho monosselha que era antes de investir milhões para ficar apenas pegável. Você é gorda, você é feia e você é brega, sempre será. Não, não é inveja, apesar de que faz bem o seu tipinho encarar qualquer crítica como inveja. Auto-perdão é seu forte. Senta esse cuzinho em casa e vai cuidar do teu filho, porque colocar filho no mundo para deixar com babá e só ver a criança no final do dia (quando vê) não passa de vaidade egoísta e carência.

Quer ser reconhecida e admirada? Primeiro se alfabetize, porque as merdas que estão escritas nesse teu blog ultra colorido (quase tive uma convulsão, é pior do que Pokemón). Depois comece a ter coerência das suas palavras com seus atos. E por fim, abandone esse auto-perdão e seja um pouco mais humilde, porque vai que num golpe do destino você volta à sua condição natural, de baranga, gorda do cabelo ruim… com essa postura ninguém vai te querer. O mundo dá voltas.

Para dizer que eu tenho inveja desta criatura, para dizer que eu só falo mal porque sou fã da rival ou ainda para dizer que não se pode esperar muito dessa gentalha do axé: sally@desfavor.com

Se você encontrou algum erro na postagem, selecione o pedaço e digite Ctrl+Enter para nos avisar.

O que você achou?

Loading spinner

Comments (33)

  • Não gosto da Claudia Leitte, mas achei esse texto muito exagerado. Deu até vontade de defender a moça. Ela é, sim, uma guria bonita, e chamá-la de baranga não vai mudar esse fato. Se uma garota assim é considerada feia no seu mundo, então eu sou o cão chupando manga. No mais, eu acho desnecessário criticar uma pessoa por algo que, obviamente, não é culpa dela.

    Não. O que me incomoda em Claudia Leitte não é a aparência. É a personalidade escandalosa, a mediocridade, a falta de talento e originalidade, a onipresença, a chatice, o comodismo. Essa criatura sem miolos está em todos os lugares, parece que se multiplica, e sua música é extremamente insossa, banal e desprovida de identidade, por isso ela tem que passar a vida copiando outras pessoas que conquistaram o próprio espaço de uma forma autêntica. Eu até entendo que um artista sem muita qualidade faça sucesso com musiquinhas toscas no começo de sua carreira, mas se acomodar à mediocridade dessa forma, quando a pessoa tem acesso a todos os recursos do mundo para evoluir, é algo que me causa uma profunda repulsa.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • [i]Não concluir faculdade de música é mais grave do que ir ao motel e não dar![/i]

    Porra! Vou jogar todos os papéis fora depois dessa.

    O que você achou?

    Loading spinner

    • Faculdade de música é algo tão prestigioso no meio que Mando C. Noura meteu fogo no seu diploma em tal curso num dos vídeos que ele postou no Youtube e universidade que tinha avaliação 5 no ENADE em tal curso fechou o mesmo por falta de alunos.

      O que você achou?

      Loading spinner

  • Tanto faz. Ela merece tanta atenção quanto a merda que vocÊ caga no vaso. Dê descarga e pronto.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • "(…) e finalmente, fez faculdade de música, FUCKIN´ MÚSICA, e não concluiu! Não concluir faculdade de música é mais grave do que ir ao motel e não dar!"

    **

    Peraí, Sally, acho q vc exagerou e muuuito, hehehehe

    Se ela não conseguiu concluir a facul de música, é pelo mesmo motivo pelos quais não concluiu as outras duas q tentou fazer: Porquê ela não tinha talento para tal – ou então fez, enjoou e se mandou da sala de aula, acontece.

    E complementando Daniele: Sim, para se formar em maestro de orquestra – e também para QUALQUER tipo de músico de concerto, diga-se, é preciso muuuuita formação. Eu sei MUITO BEM o que é isso. Muito prazer, eis aqui uma pianista que passa as agruras do instrumento todos os dias e ainda conciliando isso com todas as matérias teóricas e práticas além do próprio instrumento… Graduação em música não é pra qualquer um não! Assim como graduação em direito, jornalismo, arquitetura, letras e por aí vai. Vale para qualquer uma. Se não "leva jeito" para a coisa, se não se esforçar, se não persistir, não adianta. Não termina mesmo, seja a graduação q for.

    P.S: DETESTO axé até o mais profundo da minha alma(ui!). E aqui vos fala uma baiana.

    ;)

    O que você achou?

    Loading spinner

  • – Comentário nada a ver com a postagem do dia –

    Queria tanto o desfavor de opinião da Sally no caso do atropelamento do tal Rafael Mascarenhas!!…
    =D

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Anônimo, eu já vi outras fotos dela antes de ficar famosa e vou te dizer que não foge muito disso não… gorda e morena.

    Não sei se é montagem, mas de qualquer forma, era baranga.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Paulo, nunca imaginei que Skylab pudesse pensar em algo assim. Até porque ele comete outros erros em outras músicas.

    Já reparou na música "Ato falho", quando ele diz ser a peruca poo do Andy Warhol? Ele pronuncia QUALQUER MERDA ali, menos Andy Warhol.

    Mas eu amo ele muito. De coração.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Jacinto Pinto Aquino Rego

    É foda isso da pobreza de espírito.. isso de vc sair da favela mas a favela não sai de você é algo que eu venho dizendo e ouvindo gente reclamando por falar o que penso (Somir forévis!) a anos. Pobre é uma merda. Pode ganhar na loteria, vai continuar tendo mal gosto e vai continuar fazendo merda.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Paulo César Nascimento

    Sally, eu creio que a "Vênus de milos" do Skylab é um jogo de palavras entre "Vênus de Milo" e a marca de lingerie "De Millus". Acho que foi proposital e usando da licença poética. Ele não parece um tipo que dá uma derrapada dessas, é um cara meticuloso. Há como perguntar pra ele no blog, pq o cara é acessível. Bjs

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Ela nunca vai processar vcs, tudo porque é uma evangélica linda, rica, feliz, não precisa ter um blog metendo pau nos outros.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Logo aparecem as fans da Claudia Leita Azedo p te xingar de invejosa e mal comida…Tsc, tsc, tão típico…

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Eu só voltei aqui pra dizer que pra ser maestro de orquestra precisa de formação sim.
    Faculdade ou 10 anos de conservatório musical (o conservatório de Tatuí, no interior de SP é um dos melhores).

    Um beijo Salyta :*

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Alguém viu a criatura tentando pronunciar Christian Louboutin?

    Dá um look no último clipe dela, acho que a música se chama Famo$a.

    Se não sabe pronunciar Louboutin, coloca outra marca na letra! Pobre é uma merda!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Assistir o video onde ela canta Bad Romance foi doloroso. E aquela fantasia pseudo-Lady Gaga? wtf?

    O que você achou?

    Loading spinner

  • "Vejam bem, é possível tirar a menina do subúrbio, mas não é possível tirar o subúrbio da menina".

    Amei!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • "vem andar na minha moto aqui não tem terremoto"
    AAAAIII MEU PIRU!
    Definitivamente essa pérola entra pro Top 5 das rimas mais cretinas da musica brasileira.
    Gentalha acéfala MESMO, puta que pariu!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Pois é, Anônimo. Eu não sou imbecil de achar que só porque eu gosto de uma coisa, essa coisa é boa.

    Axé é uma merda. Fato. E eu gosto mesmo assim. E não deixa de ser uma merda porque eu gosto.

    Tenho péssimo gosto, mas tenho bom senso! Além disso, rir de si mesmo é uma arte.

    O que você achou?

    Loading spinner

  • Jacinto Pinto Aquino Rego

    Já tinha visto essa foto num quadro chamado AH SE FOSSE POBRE no kibeloco eu acho. Hilário!

    O que você achou?

    Loading spinner

  • O bacana é ver a autoflagelação indireta da autora. Axé é o fundo do poço, mas ver uma apreciadora do gênero admitir isso em público não tem preço! rsrsrs

    O que você achou?

    Loading spinner

Deixe um comentário para Iv Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: