Outro dia desses eu fui apresentado à obra de MC Pipokinha. Para quem não sabe, é uma funkeira que ganhou fama recente por ser ainda mais ousada que suas competidoras. Letras mais pornográficas, danças ainda mais sugestivas, shows ainda mais selvagens… aonde isso vai parar?

Continue lendo

As cenas da tragédia humanitária na reserva dos yanomamis em Roraima chocaram não só o país como o mundo. Muitas crianças morrendo de desnutrição e doenças tratáveis, água contaminada pelo garimpo ilegal, situação aberrante mesmo. Espero que muita gente seja punida exemplarmente, mas até antes disso, fica uma dúvida: o que a sociedade quer fazer de verdade com os tais dos povos originários?

Continue lendo

Quero falar sobre uma obviedade que, em tese, nem precisaria ser dita, mas, como vejo muita gente inteligente caindo nessa furada, sinto que o assunto tem sua função sendo pauta de um texto: o fato do seu parceiro(a) ser um bom parceiro(a) e uma boa pessoa não necessariamente significam que ele tem condições de ser um bom pai/mãe.

Continue lendo