Autor: Somir

Eu chamo o tempo que vivemos de Era da Informação, não porque eu bolei o termo, mas porque vi outras pessoas chamando disso e realmente fez sentido definir essas últimas décadas assim. Rapidamente a humanidade teve que se adaptar, e salvo uma epidemia global de problemas mentais, o resultado até que foi decente. Não corremos risco de extinção (imediato) por causa dessa mudança na quantidade (e qualidade) das informações com as quais o ser humano médio lida diariamente. Mas, uma coisa é se adaptar, outra completamente diferente é se beneficiar…

Continue lendo

Quanto mais eu aprendo sobre inteligências artificiais, mais certeza eu tenho sobre um argumento em relação às orgânicas: não existe função de valor negativo na natureza. Ou, de forma mais simples: ninguém faz nada que não achar vantajoso. Essa é a chave para entender como construir um robô que pensa como a gente, e até mesmo para entender melhor… a gente.

Continue lendo

Nos últimos dias, os atentados de 11 de Setembro de 2001 voltaram à tona com a combinação dos 20 anos do evento e a desastrada saída americana do Afeganistão. Ao mesmo tempo, me veio a realização de que depois de duas décadas, uma boa parte da população mundial não tem sequer ideia do que aconteceu naquele dia. A gente foi dormir dia 10 num mundo e acordou dia 11 em outro…

Continue lendo

O Texas, estado dos EUA, passou uma lei restringindo o direito ao aborto. Embora a legislação nacional ainda preveja a possibilidade, os estados têm muita liberdade para criar dificuldades para quem quer (ou precisa) realizar o procedimento. A legislação texana não só cria um período muito reduzido para aceitar o aborto (6 semanas) como ainda permite que qualquer pessoa abra um processo contra a clínica de aborto, e se ganhar, um prêmio de 10 mil dólares. Será que adianta alguma coisa?

Continue lendo